5 de outubro de 2019

O Efeito Hutchison



Um inventor no Canadá chamado John Hutchison supostamente teria feito uma das descobertas mais incomuns e controversas da ciência. Descrita como um "efeito eletromagnético altamente anômalo que causa a gelificação de metais, levitação espontânea de substâncias comuns e outros efeitos", é conhecido como Efeito Hutchison, ou Efeito H, para abreviar.

Sorvete sendo alegadamente levitado pelo Efeito Hutchison.
O que o efeito H supostamente faz é nada menos que extraordinário. Supostamente faz com que objetos desafiem a gravidade, causa fratura espontânea do metal, causa a fusão de materiais diferentes (como metal e madeira) e outros fenômenos estranhos. Hutchison capturou o efeito em vídeo várias vezes e afirma ter demonstrado isso para cientistas da Inteligência do Exército dos EUA. Mas as alegações são atenuadas porque o efeito não é reproduzível... nem mesmo pelo próprio descobridor.

Hutchison é um cara um tanto excêntrico, conduzindo seus experimentos em seu apartamento usando equipamentos eletrônicos excedentes da Marinha e do exército. Seu espaço de vida está absolutamente lotado de osciloscópios, leitores digitais, medidores, interruptores, luzes, correntes e todo tipo de equipamento. Seus apoiadores costumam comparar John Hutchison ao brilhante cientista e inventor Nikola Tesla, e de fato foi durante uma tentativa de reproduzir um dos experimentos de Tesla que o efeito H teria sido descoberto acidentalmente..
.
Famoso vídeo do suposto efeito H, em plena execução, filmado originalmente por John Hutchison:
.
As experiências de Hutchison utilizaram várias bobinas elétricas chamadas bobinas de Tesla, assim como uma máquina de eletricidade estática chamada gerador de Van de Graaf. O modo como esses dispositivos de alta tensão trabalham em conjunto para criar o Efeito H é incerto, mas os apoiadores acreditam que uma hipotética onda eletromagnética chamada "onda escalar" (scalar wave) permitiu que o aparelho de Hutchison utilizasse uma energia exótica chamada energia de ponto zero.

Energia de ponto zero é a energia presente em zero "graus" Kelvin (Zero Absoluto), a temperatura na qual cessa praticamente toda atividade de um átomo*. É também chamado de energia de vácuo, a energia em um vácuo perfeito, onde nenhuma luz ou matéria está presente**. Nesse estado, ainda podem ser observadas oscilações eletromagnéticas aleatórias, o que significa que ainda há alguma quantidade de energia presente.

John Hutchison em seu laboratório/apartamento.
Essencialmente, o conceito de extrair energia do ponto zero pressupõe que o universo está saturado em uma energia constante de fundo que não podemos observar porque está presente em todo lugar, mesmo dentro de nós mesmos e de nossos dispositivos de medição. Se tal energia existe, pode ser uma quantidade enorme... teoriza-se que a energia do volume de uma xícara de café seria suficiente para ferver completamente os oceanos da Terra.

*Zero absoluto é definido como a menor temperatura que um corpo pode estar no universo. É a temperatura na qual as moléculas do corpo tem energia cinética média nula (estão em repouso). Na teoria, seria o 0K (zero da escala Kelvin) ou -273,15º C, mas em laboratório, o máximo que se conseguiu foi de aproximadamente 0,000000000001K (ou 1 . 10-12 K).

**A energia do vácuo ou energia do vazio é uma energia de fundo existente no espaço inclusive na ausência de todo tipo de matéria. A energia do vácuo tem uma origem puramente quântica e é responsável por efeitos físicos observáveis como o efeito Casimir.

Críticas

Muitas das críticas ao trabalho de Hutchison decorrem da escassez de observações imparciais de terceiros e do fato do Efeito H ainda não ter sido reproduzido em outros lugares. Há vários vídeos de demonstração que supostamente mostram o fenômeno, incluindo alguns vídeos curtos online e algumas cenas mais envolventes que ele vende por correspondência por até 150 dólares. De fato, os vídeos online mostram tomadas em close de objetos que parecem levitar e se mover de maneiras estranhas, mas muitos suspeitam que as levitações dos objetos que aparecem sejam falsos.
.
..
.
Uma sugestão feita pelos céticos é que Hutchison use um eletroímã no teto e coloque pedaços ocultos de metal dentro dos objetos para que eles sejam atraídos pelo ímã. Ele poderia então filmar os objetos com uma câmera de cabeça para baixo enquanto desliga o eletroímã, fazendo com que os objetos na filmagem pareçam flutuar para cima e para fora da cena quando, na realidade, estão caindo no chão.

Muitos dos vídeos incluem objetos na cena que não se movem (como uma vassoura velha), que podem ser deliberadamente anexados para aumentar a ilusão de que a câmera não está de cabeça para baixo. Os críticos também apontam que os vídeos não mostram o que acontece com os objetos depois que levitam.

Uma evidência particularmente condenatória contra ele é um vídeo que ele produziu para um especial de televisão que mostra um OVNI de brinquedo levitando e pulando descontroladamente. Uma corda é claramente visível no canto superior esquerdo do vídeo, balançando em sincronia com os movimentos do brinquedo. A princípio, Hutchison alegou que era um fio que fazia parte do aparelho, mas depois confessou que ele havia falsificado as filmagens, porque não conseguiu reproduzir o efeito desde 1991.
.
..
.
Dado que as alegações de Hutchison são estranhas e sua credibilidade é prejudicada por uma falsificação admitida, é provável que o efeito nomeado por ele seja nada mais que conversa fiada. Carl Sagan disse que "afirmações extraordinárias exigem evidências extraordinárias", e Hutchison não oferece evidência alguma além de vídeos facilmente falsificáveis e afirmações sem fundamento.

Porém, muita ciência valiosa foi feita por excêntricos que são ridicularizados pelo resto da comunidade científica em seu tempo... Então... é possível que suas afirmações possam não ser totalmente absurdas. A ciência é metade ceticismo e metade mente aberta, por mais que duvidemos da veracidade das suas afirmações, ao mesmo tempo, adoraríamos ter provas de que estamos errados.

Tradução/Adaptação: Rusmea & Mateus Fornazari

https://www.checktheevidence.com/wordpress/2008/03/04/the-hutchison-effect-and-9-11-an-ace-in-the-hole/
https://www.infoescola.com/termodinamica/zero-absoluto/
https://pt.wikipedia.org/wiki/Energia_do_v%C3%A1cuo
https://rationalwiki.org/wiki/John_Hutchison
Comentários