5 de janeiro de 2018

Adam Ellis diz que "David" Caiu Sobre Corpo e o Seguiu até a Casa de Seus Familiares em Montana, nos Estados Unidos!

Inscreva-se no canal clicando no botão abaixo:
.
Gostou? Então inscreva-se no canal para acompanhar os novos vídeos que for lançando. Basta clicar neste link: http://goo.gl/CWAIes

Por Marco Faustino

Acredito que seja justo, que a minha primeira matéria do ano seja sobre Adam Ellis, visto que ele se tornou uma figura extremamente emblemática no segundo semestre do ano passado e, por mais incrível que isso possa parecer, muitas pessoas nos enviaram mensagens questionando sobre eventuais atualizações da história de terror mais famosa dos últimos tempos, ao menos no Twitter, é claro. Entre os dias 13 e 31 de dezembro não houve quaisquer atualizações sobre essa história, exceto o material publicado por mim no dia 14 de dezembro. Na época, Adam Ellis havia divulgado novas fotos, que teriam sido tiradas automaticamente por um aplicativo de celular, quando ele estava supostamente dormindo, e mostravam David se "movimentando" pelo seu quarto. Vale lembrar nesse ponto, que fotos anteriores já tinham causado muita polêmica, uma vez que milhares de pessoas comentaram que o David, o espírito do menino que Adam vem alegando que deseja matá-lo em seu apartamento, se parecia mais com um boneco de plástico com a cabeça amassada. Aliás, também acredito que esteja mais do que evidente, que todo esse caso, desde o início, diga-se de passagem, não passa de uma farsa, ou melhor, de uma mera de história de terror, embora elaborada, que Adam criou para promover algum projeto pessoal, seja um livro, um curta-metragem ou alguma outra coisa que ele tenha em mente.

No dia 20 de dezembro do ano passado, Adam Ellis disse apenas que ficaria ausente na semana seguinte, uma vez que ele iria visitar a casa dos seus familiares no estado norte-americano de Montana. Ele chegou a mencionar que seria bom se afastar de tudo o que vinha acontecendo e agradeceu as palavras afetuosas, que ele vinha recebendo ultimamente. Porém, o silêncio no Twitter não demorou muito tempo, visto que no dia 2 de janeiro, Adam começaria a narrar um novo episódio envolvendo David. Isso porque, aparentemente, não seria o apartamento onde ele mora que estaria assombrado, mas o próprio Adam. O motivo? Bem, o espírito do menino que deseja matá-lo há meses, e ainda assim não tomou nenhuma atitude nesse sentido, teria perseguido Adam até a casa de seus familiares, viajando a uma distância de pelo menos 3.000 km, e praticamente cruzando os Estados Unidos. Para tentar provar isso Adam apresentou ao seu público, de quase 1 milhão de seguidores no Twitter (lembrando que ele tinha apenas cerca de 200.000 seguidores em agosto do ano passado), novas fotos onde mostrariam pequenas pegadas na neve, e uma outra foto onde David estaria flutuando sobre sua cama. Vamos saber mais sobre esse assunto?

Um Novo Resumo Sobre Tudo Aquilo que Já Foi Divulgado em Relação a Saga de Adam Ellis e do "Querido David"


Essa é a sexta vez que escrevo sobre Adam Ellis, desde que toda essa história começou a ser contada, através de sua conta no Twitter, no dia 7 de agosto do ano passado. Assim como ocorreu na matéria anterior, publicada no dia 14 de dezembro, tentarei fazer um resumo básico sobre o que vocês irão encontrar nas matérias anteriores para que possam se informar melhor, caso não se lembrem desse caso ou seja a primeira vez que vocês estejam tendo contato com o mesmo (embora duvido muito que alguém não tenha ficado sabendo desse caso). Basicamente, isso irá servir como uma espécie de orientação para que vocês fiquem por dentro de cada detalhe já mencionado pelo Adam, e a respectiva análise do que ele escreveu, algo que nem todos tem coragem de dizer a vocês.

Muito provavelmente, vocês já conhecem toda essa saga, que vem sendo criada por Adam desde o dia 7 de agosto do ano passado, sobre um suposto "espírito de um menino" chamado David (ou pela expressão que ele costuma usar: "Dear David"), que estaria tentando matá-lo em seu próprio apartamento na cidade de Nova York, nos Estados Unidos.
Na primeira matéria, intitulada "Apartamento AssombradO? Homem Alega que o Espírito de um Menino Quer Matá-lo em seu Apartamento em Nova York, nos Estados Unidos!" (clique no nome da matéria para acessá-la), mostrei a vocês tudo o que havia acontecido entre os dias 7 e 21 de agosto do ano passado; quem era o Adam Ellis; uma interessante entrevista, que ele havia dado para o site da revista eletrônica "Bustle"; e mostrei a realidade por trás das estranhas fotos, que ele havia tirado com uma câmera instantânea do seu apartamento e do corredor do prédio onde mora.
Segundo Adam, a primeira vez que ele viu esse "fantasma" foi quando ele passou por algo conhecido como "paralisia do sono", e viu uma criança sentada em uma cadeira de balanço de cor verde, localizada nos pés da sua cama. O mesmo tinha uma cabeça enorme e um lado aparentava estar "mordido."
Em agosto do ano passado, ele chegou a mencionar que estava em contato com paranormais profissionais, e até mesmo tinha comprado uma tábua Ouija, muito embora não estivesse em seus planos utilizá-la.
Adam chegou a publicar uma foto de uma faixa de sal, que ele fez no chão e diante da porta da frente do apartamento, no melhor estilo dos irmãos Winchester, da série de TV norte-americana "Supernatural", durante uma determinada madrugada.
Adam encomendou através da loja virtual "Amazon" um incenso de sálvia branca (conta-se que os índios norte-americanos dizem que a fumaça da sálvia branca serve não apenas para purificar o corpo, mas lugares e objetos pessoais) para purificar os ambientes.
Já na segunda matéria, intitulada "A Saga Continua! Adam Ellis Insiste em Dizer que seu Apartamento é AssombradO pelo Espírito de um Menino que Deseja Matá-lo!", mostrei a vocês tudo o que havia acontecido entre os dias 21 de agosto e 5 de setembro do ano passado; acrescentei mais alguns questionamentos a história que ele vinha contando; e ainda abordei de forma imparcial e baseado em uma pesquisa séria sobre o tema, algo que nem sempre é feito por aí, se os gatos ou animais domésticos podiam realmente ver espíritos ou entidades sobrenaturais.

Na segunda matéria mostrei a vocês tudo o que havia acontecido entre os dias 21 de agosto e 5 de setembro do ano passado, acrescentei mais alguns questionamentos a história que ele vinha contando, e ainda abordei de forma imparcial e baseado em uma pesquisa séria sobre o tema, se os gatos ou animais domésticos podiam realmente ver espíritos ou entidades sobrenaturais.
No entanto, a terceira matéria, intitulada "Adam Ellis diz que Fotografou o Espírito do Menino que Deseja Matá-lo em Seu Próprio Apartamento Durante Paralisia do Sono!", talvez tenha sido a maior de todas, porque acrescentei grande parte do material das duas anteriores, uma vez que tinha certeza que muitos estariam tendo contato com essa história pela primeira vez, e não teria paciência de ler as demais matérias. Na mesma, abordei tudo o que havia acontecido entre os dias 7 de agosto e 7 de novembro do ano passado, e acrescentei uma matéria sensacional escrita pela Amelia Tait, redatora de tecnologia e cultura digital da revista "New Statesman", que vale muito a pena ser lida.

Amelia Tait havia publicado um artigo muito interessante sobre o fascínio e a ética em se contar histórias sobre fantasmas no Twitter, no fim do mês de outubro do ano passado, sendo que o seu texto é fundamental para que possamos compreender exatamente o que Adam Ellis vem fazendo. Portanto, recomendo fortemente que leiam o subtópico "Adam Ellis Realmente Fotografou o Espírito de David? Toda Essa História é Mesmo Verdadeira?" da terceira matéria, visto que não é apenas o Adam que vem fazendo ou já fez algo semelhante através do Twitter.

Certa vez Adam disse entrou na cozinha ele ouviu o barulho de algo se quebrando. Inicialmente, acreditou ser um dos gatos, mas ambos estavam no quarto. O que havia caído, no entanto, era um vasinho contendo um cacto, que ficou destruído.
Na quarta matéria, intitulada "Adam Ellis diz Ter Encontrado Alçapão Misterioso e Supostos Pertences do Espírito do Menino que Deseja Matá-lo em Seu Apartamento!", mostrei a vocês tudo o que havia acontecido entre os dias 8 e 29 de novembro do ano passado, quando Adam teria começado a escutar fortes batidas em seu teto, sendo que era mora no último andar do prédio e, acima dele, teoricamente só deveria haver o terraço. Após um certo tempo, ele notou um misterioso alçapão acima das escadas que dão acesso ao seu apartamento.

Posteriormente, ele alegou que teria caído um antigo sapato, aparentemente infantil, e uma bolinha de gude, aparentemente bem antiga, desse mesmo alçapão. Além disso, ele também acreditava que o alçapão dava acesso a um suposto espaço vazio entre o seu apartamento e o terraço do prédio.

Adam teria começado a escutar fortes batidas em seu teto, sendo que era mora no último andar do prédio e, acima dele, teoricamente só deveria haver o terraço. Após um certo tempo, ele notou um misterioso alçapão acima das escadas que dão acesso ao seu apartamento
Para completar publiquei toda uma análise do que ele havia publicado e acrescentei uma teoria que vinha circulando na internet: a de que a história de terror de Adam Ellis teria sido inspirada ou baseada em um caso real de assassinato que nunca foi solucionado. Enfim, vale muito a pena você conferir todos os detalhes dessa referida postagem, que considero, sem falsa modéstia, uma das melhores já publicadas até o presente momento.

Posteriormente, ele alegou que teria caído um antigo sapato, aparentemente infantil...
... e uma bolinha de gude, aparentemente bem antiga, desse mesmo alçapão. Além disso, ele também acreditava que o alçapão dava acesso a um suposto espaço vazio entre o seu apartamento e o terraço do prédio
Na quinta matéria, intitulada "Adam Ellis Divulga Novas Fotos do Espírito do Menino que Deseja Matá-lo em seu Próprio Apartamento em Nova York, nos Estados Unidos!", mostrei a vocês tudo o que havia sido publicado entre os dias 30 de novembro e 13 de dezembro do ano passado. Naquela matéria, Adam disse que as pessoas estavam mandando muitas mensagens dizendo que o David, provavelmente, só precisava de ajuda, mas que ele estava convicto de que não era esse o caso. Toda vez que ele aparecia, ele sentia uma sensação palpável de "maldade". Aliás, ele alegou que estava tão cansado ultimamente, que mal conseguia realizar suas atividades diárias (algo que não se refletia em seu Instagram, onde ele sempre manteve uma rotina normal de atividades pessoais e profissionais).

Adam também disse que havia baixado um aplicativo, que tirava uma foto a cada 60 segundos, ou seja, uma foto por minuto, e colocado seu celular em cima de uma estante de livros (algo que teria cerca de 2,10 m de altura, então acabava gerando uma boa visão de sua cama e dos arredores). Ele teria ido dormir em uma determinada noite e, ao acordar, alegou que havia cerca de 350 fotos para serem verificadas por ele (cerca de 350 minutos de fotos). A absoluta maioria das fotos mostraria apenas o Adam dormindo em um quarto vazio. Ele disse que as fotos eram meio escuras, mas que ainda assim era possível vê-lo dormindo.

A absoluta maioria das fotos mostraria apenas o Adam dormindo em um quarto vazia. Ele disse que as fotos eram meio escuras, mas era possível vê-lo dormindo. Ele também teria deixado algumas luminárias acesas, caso algo aparecesse, mas nas primeiras 100 fotos nada teria aparecido
Ele também teria deixado algumas luminárias acesas, caso algo aparecesse, mas nas primeiras 100 fotos nada teria aparecido. Então, de repente, David teria aparecido em uma foto. Ele estava em pé, em uma cadeira próxima aos pés de sua cama, olhando em sua direção. Na foto seguinte, ou seja, tirada um minuto depois, Adam indagou aos seus seguidores, se David parecia estar olhando diretamente para o teto, meio que olhando fixamente para o mesmo (curiosamente, o espírito tinha sombra, notem a mesma na parede, no lado direito de ambas as imagens abaixo).

Então, de repente, David teria aparecido em uma foto.
Ele estava em pé, em uma cadeira próxima aos pés de sua cama, olhando em sua direção.
Na foto seguinte, ou seja, tirada um minuto depois, Adam indagou aos seus seguidores, se David parecia estar olhando diretamente para o teto, meio que olhando fixamente para o mesmo.
Em seguida, David parecia ter caído da cadeira, sendo que nas dezenas de fotos seguintes apareceria a mesma coisa, ou seja, como se David estivesse completamente sem vida. Inicialmente, Adam pensou que David estivesse morto, o que obviamente não fazia sentido. Então, ele foi dar uma olhada na cadeira esperando que o mesmo ainda estivesse lá, mas a cadeira estava vazia e não havia nenhum sinal de David.

Em seguida, David parecia ter caído da cadeira, sendo que nas dezenas de fotos seguintes apareceria a mesma coisa, ou seja, como se David estivesse completamente sem vida. Inicialmente, Adam pensou que David estivesse morto, o que obviamente não fazia sentido
Entretanto, na foto seguinte, ele havia desaparecido. O quarto estava totalmente vazio novamente. De acordo com Adam, também não havia nenhum sinal da presença de David nas demais fotos posteriores. Ele disse que pensou, que a aparição de David tinha terminado, mas continuou vendo as outras fotos que tinham sido tiradas. Cerca de 15 fotos depois, ou seja, cerca de 15 minutos depois, David estava de volta, parado ao lado cama, da mesma forma que Adam o teria visto pela última vez.

Cerca de 15 fotos depois, ou seja, cerca de 15 minutos depois, David estava de volta, parado ao lado cama, da mesma forma que Adam o teria visto pela última vez.
Adam disse que seu coração havia disparado ao se deparar com essa cena. Ele disse que não queria olhar as fotos restantes, mas sabia que precisava fazer isso. Ao ver a foto seguinte, ou seja, tirada um minuto depois, seu coração teria ido parar no estômago, uma vez que David estava em cima da cama, a centímetros de Adam e olhando para ele enquanto dormia.

Ao ver a foto seguinte, ou seja, tirada um minuto depois, seu coração teria ido parar no estômago, uma vez que David estava em cima da cama, a centímetros de Adam e olhando para ele enquanto dormia.
Segundo Adam, a foto seguinte era ainda pior, visto que ele estaria olhando diretamente para a câmera.

Segundo Adam, a foto seguinte era ainda pior, visto que ele estaria olhando diretamente para a câmera.
Depois disso, não teria aparecido mais nada. David teria desaparecido novamente, e nas fotos aparecia tão somente o Adam dormindo. Exceto, é claro, a última foto. Eis o que teria aparecido:

Depois disso, não teria aparecido mais nada. David teria desaparecido novamente, e nas fotos aparecia tão somente o Adam dormindo. Exceto, é claro, a última foto
Adam terminou sua sequência de tweets (ou tuítes, como queiram) dizendo que estava sem palavras, visto que na última foto aparecia uma orelha deformada e o cabelo de David. Ele disse que não sabia sequer o que pensar sobre isso. Adam disse que olhou seu quarto inteiro, mas não conseguiu encontrar nada. Aliás, ele estava tão cansado que nem sabia como processar toda essa situação. Em seu tweet final, Adam disse que tudo o que mais queria naquele momento era dormir.

Enfim, recomendo que vocês efetivamente leiam a quinta matéria publicada por mim para que possam conferir a análise completa do que foi publicado e alegado pelo Adam Ellis (uma vez que os vídeos nem sempre refletem tudo aquilo que escrevo). Acredito fielmente, que todas as cinco matérias anteriores são as mais completas, ao menos em português, sobre a história que Adam Ellis vem contando sobre o suposto espírito de um menino chamado "David" (ou do "Querido David", que é como essa história vem sendo chamada), que estaria tentando matá-lo em seu próprio apartamento em Nova York.

A Recente Atualização de Adam Ellis: David Teria Perseguido Adam na Casa de Seus Familiares no Estado Norte-Americano de Montana!


O estado norte-americano de Montana é um dos estados menos povoados dos Estados Unidos, muito embora seja um dos estados com maior área. Apenas o Alasca, o Texas e a Califórnia são maiores que Montana. Como curiosidade, o estado é o lar do rio mais curto do mundo, o rio Roe, que segundo o livro dos recordes, o "Guinness Book", possui apenas 61 metros de extensão. Esse estado norte-americano também seria o lar da família de Adam Ellis, e receberia um ilustre visitante: David. Quer dizer, ao menos é isso que Adam sugeriu recentemente através de sua conta no Twitter.

No dia 2 de janeiro deste ano, Adam Ellis começou sua sequência de tweets dizendo, que se manteve afastado de Nova York por alguns dias. Ele teria ido para a casa de seus familiares em Montana para passar o fim de ano, e quase imediatamente teria começado a se sentir melhor. Menos cansaço e menos nebulosidade ao seu redor, por assim dizer. Adam disse que não havia cogitado a possibilidade de se mudar, visto que ele pensava que David o seguiria onde que ele fosse. Contudo, quando ele foi para Montana, tudo parecia estar melhorando, ou seja, David estar ligado ao apartamento onde ele morava, não a ele próprio. Assim sendo, ele se sentia mais seguro em Montana e teria conseguido relaxar um pouco mais.

No dia 2 de janeiro deste ano, Adam Ellis começou sua sequência de tweets dizendo, que se manteve afastado de Nova York por alguns dias. Ele teria ido para a casa de seus familiares em Montana para passar o fim de ano, e quase imediatamente teria começado a se sentir melhor
Além disso, Adam disse que começou a procurar na internet por novos apartamentos em Nova York, algo que ele não tinha feito até então. Ele disse que a última coisa que ele queria era se mudar no meio do inverno, porém considerando o que ele vinha passando nos últimos meses, isso era algo que parecia valer a pena, ou seja, que haveria uma luz no fim do túnel. Porém, após alguns dias, Adam disse que começou a se sentir novamente estranho.

Certa noite, ele teria se levantado para ir ao banheiro e, enquanto estava em meio a escuridão, ele não pode deixar de sentir como se algo estivesse se movendo do lado de fora da janela do banheiro. Diga-se de passagem, a janela do banheiro dava para o quintal da casa, e estava bem escuro naquela ocasião. Adam disse que não conseguiu ver nada além de animais passando o tempo todo no horizonte. Assim que amanheceu, ele disse que encontrou pegadas de animais na neve, porém ele não sabia dizer qual era o animal responsável pelas pegadas.

Assim que amanheceu, ele disse que encontrou pegadas de animais na neve,
porém ele não sabia dizer qual era o animal responsável pelas pegadas.
Na noite seguinte, o mesmo aconteceu. Adam teria se levantado no meio da noite e pensado ter visto algo se movimentando em meio a escuridão. Dessa vez, Adam disse que ficou em pé na janela e olhou atentamente, abrindo bem olhos, e esperando que eles se ajustassem a escuridão. Adam teria ficado observando durante um bom tempo, mas não teria conseguido ver nenhum movimento, apenas a neve e a escuridão. Então, quando ele estava prestes a ir embora, ele teria visto algo se movendo abruptamente no lado de fora da casa, a sua direita e, então, desapareceu do seu campo de visão. Novamente, estaria muito escuro para que ele pudesse dizer qual era o animal, mas poderia ter sido qualquer coisa. Talvez um coiote ou algo assim.

Pela manhã, quando estava saindo do banho, Adam deu uma olhada pela janela e teria notado rastros deixados por animais na parte de trás da garagem.

Pela manhã, quando estava saindo do banho,
Adam deu uma olhada pela janela e teria notado rastros deixados por animais na parte de trás da garagem
Adam disse que, naquela distância, não sabia exatamente o que era, então ele se vestiu, colocou um casaco e foi conferir de perto. Assim que ele chegou bem perto, seu coração teria praticamente parado. Não eram rastros deixados por animais, mas pegadas humanas. Pegadas realmente muito pequenas.

Assim que ele chegou bem perto, seu coração teria praticamente parado. Não eram rastros deixados por animais, mas pegadas humanas. Pegadas realmente muito pequenas.
Adam disse que seguiu as pegadas por todo o quintal, mas elas terminavam e desapareceriam em uma espécie de vala. Ele se questionou sobre qual atitude que ele poderia tomar diante da situação, ou seja, compensaria ligar para a polícia e dizer que encontrou pegadas na neve? Ele simplesmente não sabia o que fazer. Nas últimas noites em Montana, Adam disse que teve muito medo de sair do seu quarto. Se as pegadas tivessem sido feitas por David, isso significaria que ele poderia segui-lo em qualquer lugar, ou seja, não importaria onde morasse, David o encontraria. Assim sendo, Adam disse que se sentiu desamparado.

De qualquer forma, ele teria voltado a Nova York no dia seguinte ao Natal, no dia 26 de dezembro, De volta ao seu apartamento, parecia que ele estava novamente diante da mesma situação. Adam também disse que havia tentado de tudo: havia incensado o seu apartamento e até mesmo contratado um médium, mas nada teria funcionado (outra novidade citada por ele). Para piorar, Adam disse que ainda sentia a presença do David durante a noite, observando-o de diferentes posições em seu quarto. Ele sempre sentia David se aproximando dele e, então, acordava antes de algo acontecer. Nas noites anteriores, ele teria usado novamente o aplicativo que tirava fotos automaticamente, mas nada teria aparecido. Por alguma razão inexplicável, Adam disse que o aplicativo havia deixado de funcionar, mas ainda assim ele o mantinha ativado. Assim sendo, apesar de não registrar absolutamente nada, em diversas noites, o aplicativo, por alguma outra razão inexplicável, teria registrado algo bem estranho na noite do dia 1º de janeiro deste ano.

Essa noite em questão teria sido particularmente ruim. Adam teria sentido um grande mal-estar e teria tido pesadelos a noite toda. Ele disse que havia sonhado com David flutuando no teto, no canto do seu quarto, longe do chão. Ele falava alguma coisa, mas Adam não conseguia ouvir nenhuma palavra. Então, ele teria começado a pairar sobre sua cama, olhando em sua direção, e sua boca se movia mais rápido do que deveria. Adam disse que não conseguia se mover, podia apenas olhar para David. Então, de repente, David teria despencado sobre Adam, e ele teria sentido uma enorme pressão sobre o seu peito. Adam teria acordado ofegante e com falta de ar. Ele teria se sentado e olhado ao redor de forma frenética, buscando ar, mas não havia nada e nem ninguém no quarto. Quando sua respiração normalizou, ele pegou seu telefone, que estava na cômoda. Não teria sido registrado absolutamente nada, exceto a última foto, que tinha sido tirada momentos antes. Eis o que foi fotografado:

Quando sua respiração normalizou, ele pegou seu telefone, que estava na cômoda. Não teria sido registrado absolutamente nada, exceto a última foto, que tinha sido tirada momentos antes.
Adam Ellis terminou sua sequência de tweets simplesmente dizendo que não sabia mais o que fazer, e que estava completamente perdido. Provavelmente, se o seu ritmo não mudar em relação ao que ele vinha fazendo nos últimos dois meses, Adam fará uma nova atualização dentro de duas semanas. Resta apenas esperar para conferir os desdobramentos de toda essa história.

Uma Rápida Análise Sobre a Última Atualização de Adam Ellis sobre o "Querido David": Mais um Indício de Farsa Proporcionado pelo Adam?


A cobertura por parte dos sites de notícia e de entretenimento ao redor do mundo não é a mesma de antes, mas isso não vem impedindo o crescimento vertiginoso no número de seguidores das redes sociais de Adam Ellis. Aqueles que ainda comentam sobre esse caso, seja por ainda terem dúvidas sobre o mesmo, seja por acreditar fielmente desde o começo que tudo seja parte de um projeto profissional de Adam (como sempre foi o meu caso, diga-se de passagem), geralmente se limitam a apenas reescrever as palavras do mesmo sem quaisquer análises ou senso crítico do que é divulgado pelo Adam. Diante do que pesquiso e venho acompanhando, somente a Amelia Tait, redatora de tecnologia e cultura digital da revista "New Statesman", e a Lucia Peters, redatora do site da revista "Bustle", tiveram um comprometimento em analisar a fundo a história de Adam, tal como venho apresentando a vocês ao longo do tempo. Para vocês terem uma ideia, alguns sites, inclusive, vêm taxando a história de Adam como um dos maiores mistérios do século, algo que, convenhamos, é um completo exagero.

Para aqueles que ainda acreditam em Adam Ellis, caso isso ainda seja possível de alguma forma, essa nova atualização apresenta informações interessantes. Primeiramente, apesar de Adam não dizer isso de forma explícita, ele sugere fortemente que o "espírito de David" teria o seguido até a casa de seus familiares em algum lugar não revelado de Montana, ou seja, o problema não seria exatamente o seu apartamento em Nova York. Em segundo lugar e pela primeira vez, Adam Ellis cogitou a possibilidade de mudar de apartamento, algo que ele ainda não havia feito. E, por último, porém não menos importante, essa seria a primeira vez que "David" aparece tocando o corpo de Adam. Vale lembrar nesse ponto, que todas as imagens anteriores mostravam David sempre muito próximo de Adam, mas nunca tocando nenhuma parte do seu corpo.

Visão aérea de um trecho da cidade de Helena, a capital do estado de Montana. Porém, vale lembrar que não sabemos exatamente para qual cidade Adam Ellis viajou e nem mesmo se ele viajou para Montana, logo a foto acima é muito mais ilustrativa do que qualquer outra coisa.
Wssa seria a primeira vez que "David" aparece tocando o corpo de Adam. Vale lembrar nesse ponto, que todas as imagens anteriores mostravam David sempre muito próximo de Adam, mas nunca tocando nenhuma parte do seu corpo.
Entretanto, para aqueles que não acreditam em Adam Ellis essa atualização reforçou consideravelmente o que já sabíamos anteriormente, ou seja, que tudo isso não passa de uma mera história ficcional de terror. Se "David" tem realmente a capacidade de seguir Adam Ellis, onde quer que ele vá, porque ele não fez isso, quando o mesmo passou duas semanas no Japão? "David" consegue atravessar os Estados Unidos, mas é incapaz de atravessar um oceano?

Além disso, como sempre, Adam permanece sempre muito vago nos dados fornecidos sobre sua história. As "pegadas" na neve soa como um clichê, e me faz lembrar da lenda do Pé-Grande. Se "pegada" na neve fosse a prova cabal de algo, o Pé-Grande já teria sido encontrado. Agora, o detalhe mais interessante dessa atualização é a foto do momento em que David teria caído sobre Adam Ellis. O motivo? Uma usuária no Twitter, chamada Amber, notou o que seria uma espécie de corda segurando aquilo que seria o "David" (novamente ele tem a aparência de um boneco de plástico). Confira a imagem abaixo:

Uma usuária no Twitter, chamada Amber, notou o que seria uma espécie de corda segurando aquilo que seria o "David" (novamente ele tem a aparência de um boneco de plástico)
Em seu tweet, Amber escreveu a seguinte frase (devidamente traduzida): "Não me leve a mal, acredito em espíritos/fantasmas, mas talvez isso seja uma corda mantendo o David suspenso?". Uma vez que Adam precisava tirar uma foto, que tivesse um efeito de deslocamento, era necessário que "David" caísse de alguma forma, ou seja, a melhor forma de fazer isso, e de maneira controlada ou até mesmo sozinho seria utilizando um fio ou uma corda prendendo o mesmo (aliás a imagem parece mostrar dois fios segurando o David, um na região de sua cintura e outro nos pés, provavelmente para dar maior estabilidade na queda e permitir uma foto melhor). Exceto, é claro, que "David" seja o Tom Cruise em Missão Impossível.

Uma vez que Adam precisava tirar uma foto, que tivesse um efeito de deslocamento, era necessário que "David" caísse de alguma forma, ou seja, a melhor forma de fazer isso, e de maneira controlada ou até mesmo sozinho seria utilizando um fio ou uma corda prendendo o mesmo (aliás a imagem parece mostrar dois fios segurando o David, um na região de sua cintura e outro nos pés, provavelmente para dar maior estabilidade na queda e permitir uma foto melhor).
Conforme já havia mencionado em uma matéria anterior, Adam é um bom contador de histórias, porém falhou consideravelmente ao tentar apresentar provas materiais do que vinha alegando, desde a época que ele começou a tirar fotos do apartamento e do corredor do seu prédio. Ele se tornou incapaz de instalar câmeras de segurança no apartamento, gravar áudios com maior qualidade, filmar o interior do alçapão etc. E, para completar, continua divulgando fotos cada vez mais questionáveis.

Assim sendo, vamos considerar que tudo isso seja realmente uma histórica ficcional de terror. No universo que as atualizações anteriores criaram, sabemos que David é real; que ele pode aparecer na vida real e nos sonhos; e que ele pode ser fotografado. Se retornarmos a ideia estabelecida na penúltima atualização, aquela em que David sabia que ele estava sendo fotografado, sua recente ausência na maioria das fotos que Adam Ellis tirou desde então, pode ser porque David descobriu como evitar a câmera, então podemos assumir que David tenha razões para permitir, que esta imagem tenha sido capturada desta vez. Não sabemos exatamente qual seria esse motivo, mas seja o que for, não deve ser nada bom. Outro ponto é que Adam Ellis alegou que já havia tentado de tudo, inclusive um médium, que ele não citou o nome, e não havia sequer comentado em atualizações anteriores. Está difícil prever como essa história irá terminar, mas aparentemente "David" está levando a melhor. Fato é, que uma hora essa história irá realmente acabar, resta apenas saber quando. Caso tenhamos outras atualizações, manteremos vocês informados tão logo seja possível.

Até a próxima, AssombradOs!

Criação/Tradução/Adaptação: Marco Faustino

Fontes:
https://honey.nine.com.au/2018/01/04/13/16/dear-david-ghost-follows-writer-on-holidays
https://www.bustle.com/p/this-dear-david-january-update-about-adam-ellis-trip-home-for-the-holidays-is-maybe-the-scariest-one-yet-7772313
https://www.dailydot.com/unclick/dear-david-montana/
https://www.elitedaily.com/p/this-dear-david-holiday-update-suggests-adamss-ghost-followed-him-home-yikes-7770934
http://www.assombrado.com.br/2017/08/apartamento-assombrado-homem-alega-que.html
http://www.assombrado.com.br/2017/09/a-saga-continua-adam-ellis-insiste-em.html
http://www.assombrado.com.br/2017/11/adam-ellis-diz-que-fotografou-o.html
http://www.assombrado.com.br/2017/12/adam-ellis-diz-ter-encontrado-alcapao.html
http://www.assombrado.com.br/2017/12/adam-ellis-divulga-novas-fotos-do.html
https://twitter.com/moby_dickhead
https://www.instagram.com/adamtots
Comentários