17 de setembro de 2017

Nikola Tesla: O Gênio da Eletricidade

Inscreva-se no canal clicando no botão abaixo:
.
Gostou? Então inscreva-se no canal para acompanhar os novos vídeos que for lançando. Basta clicar neste link: http://goo.gl/CWAIes

Um dos mais importantes cientistas da história e infelizmente um grande desconhecido da maioria da população, que hoje desfruta de suas invenções. Estou falando de Nikola Tesla, o gênio da eletricidade que revolucionou o mundo como vivemos!

Fala Assombrados! Chegou a hora de falarmos de Nikola Tesla, um dos maiores cientistas da história que infelizmente é quase um total desconhecido da imensa maioria das pessoas. Tesla registrou centenas de patentes e entre as suas mais famosas invenções estão a corrente alternada, o controle remoto até mesmo foi creditado a ele a invenção do rádio! É em Tesla que você tem de pensar quando o assunto é revolução elétrica, não em Thomas Edison, com quem Tesla chegou a trabalhar mas no final batalhou com ele para ver qual modelo de geração de eletricidade prevaleceria. Enfim, nesta postagem e vídeo, vou mostrar para vocês um pouco da vida desse gênio excêntrico. Vamos saber mais do assunto?

Antes conheça a camiseta que fizemos em homenagem a Nikola Tesla. Nela retratamos o próprio Tesla e atrás dele emitindo diversos raios a Wardenclyff Tower! E mais, ela brilha no escuro. Saiba mais ou compre clicando aqui.

CLIQUE AQUI para comprar a sua!



Nikola Tesla

Nikola Tesla nasceu em 10 de julho de 1856, durante uma tempestade de raios bem forte. Ironicamente, a parteira afirmou que o garoto seria uma “criança da escuridão”, por considerar a tempestade um sinal ruim. A mãe retrucou dizendo “não, da luz”. E assim nasceu Nikola Tesla na aldeia de Smiljan, Império Austríaco, perto da cidade de Gospić, hoje na atual Croácia, filho de pais sérvios ortodoxos.

Solteiro pela vida toda, pois dizia que isso era proveitoso às suas ambições e capacidades científicas, acredita-se que ele tinha uma memória fotográfica e podia decorar livros inteiros ao lê-los apenas uma vez!

Estranhamento, tinha uma condição que fazia com que enxergasse clarões de luz que o cegavam, alucinações, e que lhe traziam inspiração e ideias. Além disso ele era capaz de enxergar uma invenção completamente pronta em sua mente antes de começar a esboça-la em um papel.

Tesla também era poliglota. Falava 8 idiomas com fluência: sérvio, checo, latim, italiano, alemão, húngaro, francês e inglês.

Ele trabalhou e estudou na Europa até que resolveu ir embora para a os EUA, com pouco dinheiro e uma carta de recomendação do seu ex-chefe para ser entregue para Tomas Edison.

Nikola Tesla


Mudança para os EUA

Já em Nova York, Tesla conseguiu o emprego com o famoso Thomas Alva Edison em sua Edison Machine Works no bairro Lower East Side em Manhattan. O trabalho de Tesla para Edison começou como simples engenheiro eletricista instalando e reparando lâmpadas incandescentes e rapidamente progrediu para a solução de problemas mais difíceis como remontar geradores de corrente contínua e até projetar vinte e quatro diferentes tipos de máquinas que acabaram se tornando padrões na empresa.

Observando que a área de geradores elétricos de corrente contínua da Edison Company's era ineficiente, ofereceu-se para reprojetar tudo. Edison lhe respondeu: "Você terá 50 mil dólares se conseguir fazê-lo.". Assombrados, isso era muito dinheiro, um dinheiro tão grande que nem Thomas Edison tinha. Mas Tesla acreditou e começou a trabalhar.

Depois de meses de trabalho, Tesla completou a tarefa. Feliz da vida foi cobrar de Edison o dinheiro, mas este lhe disse que ele estava apenas brincando e respondeu: "Tesla, você não entende nosso humor americano." Para não dizer que não pagaria nada, Edison ofereceu dez dólares de aumento semanal sobre o salário de 18 dólares semanais de Tesla. Imagina o que aconteceu? Tesla recusou e imediatamente demitiu-se.

Ele passou um ano trabalhando duro cavando valas, justamente as valas para os cabos de conexão de Western Union Telegraph Company. Logo perceberam seu potencial e resolveram investigar em Tesla, financiando-o. Em abril de 1887 abriu a Tesla Eletric Company, onde ele demonstrou as suas primeiras correntes alternada polifásicas. Os investidores não gostaram e a empresa acabou sem nenhum lucro para Tesla.

Tesla enquanto trabalhava cavando valas ficou horrorizado com a quantidade de fios nos postes da cidades de Nova Iorque. Em alguns locais nem se via o céu. Era o sistema de corrente contínua de distribuição que levava energia. Ele então pensou em um sistema muito mais eficiente, a Corrente Alternada, que fazia a mesma coisa usando muito menos material e podia transmitir energia por centenas de quilômetros.

George Westinghouse viu o projeto de Tesla e comprou as patentes por U$ 60 mil e ações da empresa, além de ter contratado Tesla. Além disso Tesla ganharia royalts por cada Kilowat produzido.

Então temos a seguinte situação: Tomas Edison inventou a corrente contínua, um método de transmissão de energia muito ineficaz. Tesla observou isso e criou a Corrente Alternada, muito mais barata e eficiente. Só que não era fácil batalhar contra o seu ex-chefe, que faria de tudo para manter sua corrente contínua viva. Era o ano de 1891 e começava a Guerra das Correntes.



A Batalha das Correntes

Edison realizou uma campanha para desestimular o uso da corrente alternada, inclusive divulgando notícias de acidentes fatais com corrente alternada, ao matar animais publicamente e ao pedir votos contra o uso da corrente alternada em legislaturas estaduais.

Edison ordenou que seus técnicos comandassem os vários sacrifícios de animais com corrente alternada, principalmente gatos e cães vadios, mas também gado bovino e equino indesejável a até uma elefanta chamada Topsy - existe a filmagem da elefanta no youtube! Sob essas ordens, eles foram à imprensa para demonstrar que a corrente alternada era mais perigosa que o sistema de Edison de corrente contínua.

Ele também tentou popularizar o termo being electrocuted (ser eletrocutado) como ser "Westinghoused".

Edison se opunha à pena de morte, mas seu desejo de rebaixar o sistema de corrente alternada o levou a inventar a cadeira elétrica. Harold P. Brown, que nessa época estava sendo pago por Edison, em segredo, construiu a primeira cadeira elétrica para o estado de Nova Iorque, a fim de promover a ideia de que a corrente alternada era mais mortal que a contínua.

Quando a cadeira foi utilizada pela primeira vez, em 6 de agosto de 1890, os técnicos presentes não souberam calcular a tensão necessária para eletrocutar o preso condenado, William Kemmler. O primeiro choque elétrico não foi suficiente para matá-lo, deixando-o apenas seriamente ferido. O processo teve que ser repetido e um repórter presente o descreveu como "um terrível espetáculo, muito pior que enforcamento." George Westinghouse comentou: "Eles teriam feito melhor se tivessem usado um machado".

Essa guerra durou 2 anos...




A Feira Mundial de Chicago de 1893

Em 1893 Chicago sediaria a World’s Columbian Exposition, ou simplesmente Feira Mundial de 1893, em Chicago. Ela foi criada para homenagear os 400 anos da chegada de Cristóvão Colombo à América do Norte.Foi a 15º exposição como esta realizada no mundo, a segunda nos Estados Unidos. Montada próximo ao Lago Michigan, nada nela era pequena: 2,4 km² de área de exposição, e mais de 200 instalações. E o pessoal queria iluminar a feira! Pediram então para as empresas enviarem suas propostas.

A proposta enviada pela companhia de Thomas Edison, defensora da Corrente Contínua, perdeu para a da Westinghouse, empregadora de Tesla e defensora da Corrente Alternada. Era a chance de provar que a Corrente Alternada era melhor.

Westinghouse então ganhou o contrato para iluminar toda a White City, um projeto de cidade ideal que foi apresentada na feira.

Só que Edison não deixou barato e proibiu Westinghouse de usar a patente da lâmpada elétrica. Sem problemas, Nikola Tesla desenvolveu uma nova lâmpada, muito melhor!

Projeto finalizado, sucesso estrondoso. O trabalho de Tesla – especificamente seu desenvolvimento de sistemas de energia de corrente alternada – estava em várias partes da Feira.

Era o fim da guerra das correntes, com a corrente alternada vencendo. Só que teve um alto custo para a empresa de Westinghouse, que ficou no vermelho e ia fechar. Tesla então toma uma decisão incrível: ele rasgou o contrato com Westinghouse que lhe dava 2.5 dólares por HP de energia gerado! Se não tivesse feito isso, Tesla seria muito rico!

Feira Mundial de Chicago foi visitada por 26 milhões de pessoas!

O Projeto das Cataratas do Niágara

Após a feira de Chicago, especialistas anunciaram propostas para a aparelhagem das Cataratas do Niágara, a fim de gerar eletricidade, ainda que sumariamente, levando em consideração o ar comprimido como intermediário da transmissão de energia. Mesmo com a oposição da General Electric e da proposta de Edison, Westinghouse, utilizando o sistema de corrente alternada de Tesla, recebeu o contrato da Comissão Internacional das Cataratas do Niágara. A comissão foi liderada por Lord Kelvin e apoiada por empresários como Lord Rothschild, John Pierpont Morgan e John Jacob Astor IV. O trabalho começou em 1893 e a eletricidade passou a ser gerada e transmitida via corrente alternada.

Alguns duvidaram de que o sistema gerasse eletricidade suficiente para a usina de Buffalo. Tesla tinha certeza de que o sistema funcionaria, ao argumentar que as Cataratas do Niágara tinham potencial suficiente para gerar energia para todo o leste dos Estados Unidos.

Em 16 de novembro de 1896, a energia elétrica foi transmitida das Cataratas do Niágara para as usinas de Buffalo, a partir dos geradores da hidrelétrica Edward Dean Adams. Os geradores da hidrelétrica foram construídos pela Westinghouse Electric Corporation, com a patente do sistema de corrente alternada de Tesla. Nas placas dos geradores, foi gravado o nome de Tesla.

A General Eletric, novo nome da empresa fundada por Thomas Edison em 1878 ficou bravinha, então para acalmá-la, o contrato de construção das linhas de transmissão para Buffalo foi entregue então a essa empresa.

Só para constar, a A Westinghouse Electric Corporation comprou a CBS em 1995 e foi renomeada para CBS Corporation em 1997.

Geradores da Usina nas Cataratas do Niágara


Wardenclyffe Tower e o Sonho da Energia Sem Fio

Tesla tinha em mente que a eletricidade poderia ser transmitida pelo mundo todo sem o uso de fios. Um de seus inventos, a famosa bobina de Tesla, inventado em 1891, que aumenta a voltagem da eletricidade até milhões de volts, gerando eletricidade sem fio ao redor. A Bobina de Tesla é como um transformador, que enche a atmosfera e a terra de energia elétrica. Lâmpadas podem ser acessar se estiverem perto da bobina. Em experiências feitas em seu laboratório no Colorado de fez uma grande bobina e conseguiu acender lâmpadas a 1,5 quilômetros de distância.

Ele então pensou em fazer um mundo onde todos tivessem acesso a energia sem rio. Para isso era necessário a construção de uma grande torre, ou seja, uma versão turbinada da Bobina de Tesla, que seriam posicionadas estrategicamente, fornecendo energia para todos.

Essas torres seriam enormes, com uma estrutura em treliça atingia a altura de 57 metros de altura (18 andares), e seus objetivos eram grandes: seria uma antena de telecomunicações sem fio projetada para a telefonia comercial transatlântica, radiodifusão e para demonstrar a transmissão de energia sem a utilização de cabos conectores.

Ele precisava de dinheiro para construir a primeira torre e convenceu o  investidor J. P. Morgan a ser o principal financiador do projeto. Ele investiu o equivalente a $150.000 dolares (mais de $3 milhões de dolares de 2009). Em junho de 1902, Tesla moveu seu laboratório de West Houston Street (sua antiga base) para as instalações em Wardenclyffe - Nova Iorque, onde estava em construção a chamada de Torre Wardenclyffe ou Torre de Tesla.

Aqui a história ganha tons de conspiração, pois o financiamento do projeto foi suspenso. Alguns acreditam que a culpa seja de Guglielmo Marconi, havia inventado um sistema de radiocomunicação transatlântica que era, aparentemente, melhor e mais barato do que a de Tesla.

Todavia, forte corrente afirma que os investidores do projeto de Tesla deixaram de capitalizar sua torre em razão de a mesma ter sido capaz de transmitir energia (sem fios) por vários quilômetros, o que consequentemente poderia servir de base para gerar energia gratuita para o mundo inteiro, o que, de fato, vai de encontro aos interesses do mercado de energias, outrora financiadores de seu projeto.

Mesmo sem a ajuda de financiamento externo, Tesla tentou fazer a torre entrar em pleno funcionamento usando suas próprias economias. Para piorar, suas patentes começavam a expirar e finalmente seu dinheiro acabou. Em 1905, várias atividades que ocorriam na instalação tiveram que ser fechadas. Em 1906, os operários que ainda estavam trabalhando no projeto foram mandados embora. Em 1911 a torre começa a se deteriorar devido ao abandono. Entre 1912 e 1915, os jornais revelaram que Tesla estava falido.

Wardenclyffe Tower


Morte Solitária

Tesla estava falido e triste, mas sempre pode piorar. Em 1909 Marconi ganhou um Prêmio Nobel pela invenção do rádio! Só que Marconi usou 17 patentes de Tesla para conseguir fazer tal feito! Ele tentou processar a empresa, mas sem dinheiro desistiu.

O Prêmio Nobel para Marconi, junto com o fracasso de Wardenclyffe Tower, levou Tesla a entrar num profundo estado de depressão.

Em seus últimos anos de vida ele passava dias e noites sozinho em seu laboratório, que era o único modo de ele estar realmente feliz. Tesla morreu alucinado, pobre, considerado louco por muitos, sozinho em um quarto de hotel em Nova Iorque, onde morou nos últimos 10 anos de sua vida. Pagando o preço por ser um humanitário durante toda a sua vida, por tentar levar tudo de graça às pessoas, chegou ao fim de seus dias vivendo apenas de leite e bolachas e mesmo em sua pior situação não esquecia daqueles que amou durante toda sua vida: os pombos. Em uma de suas últimas entrevistas disse:

"Venho alimentando os pombos, milhares deles, há anos, mas havia um pombo, um pássaro bonito, branco puro com detalhes cinza claro em suas asas. Aquele era diferente... Não importa onde eu ia, aquele pombo iria me encontrar; quando eu queria ver ela só tinha que desejar e chamá-la para que ela viesse voando até mim... Eu amei aquele pombo... Eu a amava como um homem ama uma mulher, e ela me amava.

Então, uma noite eu estava deitado na minha cama, no escuro, resolvendo problemas, como de costume, ela voou pela janela aberta e ficou na minha mesa. Eu sabia que ela me queria; ela queria me dizer algo importante, então eu me levantei e fui até ela. Quando eu a olhei eu sabia o que ela queria me dizer - ela estava morrendo. E então, eu saquei sua mensagem, vinha uma luz de seus olhos - poderosos feixes de luz... uma luz mais intensa do que eu já tinha produzido pelas lâmpadas mais potentes em meu laboratório.

Quando aquele pombo morreu, algo saiu da minha vida. Até aquele momento, eu sabia com certeza que iria completar meu trabalho, não importa o quão ambicioso fosse, mas quando algo como aquilo saiu da minha convivência eu sabia que o trabalho da minha vida tinha acabado".

E assim, em 7 de janeiro de 1943 - na verdade não se sabe realmente o dia, acabou a vida de um dos maiores gênios da humanidade: Vivendo na pobreza e conversando com pombos imaginários.

Quando ele morreu, o governo americano entrou em seu apartamento e confiscou todos os seus pertences! A maioria das coisas foi devolvida à sua família e outros itens foram doados para o Museu Tesla em Belgrado, capital da Sérvia. Curiosamente, vários documentos pessoais dele continuam nas mãos dos Estados Unidos e nunca foram divulgados.

Tesla num dos quartos do Hotel New York


Nikola Tesla


Algumas de Suas Invenções

Para finalizar, eis algumas de suas invenções. Depois reflita importância que Tesla teve para o desenvolvimento do mundo atual e como é injusto o modo que ele é esquecido...

- Foi o responsável pela construção da primeira hidroelétrica do mundo, nas cataratas do Niágara, provando a todos que a água era um meio prático de obter energia;
- Inventou o controle remoto, a luz de neon, motor elétrico moderno, comunicações wireless, e outras coisas que tornam nosso dia a dia mais prático e legal;
- Conduziu experimentos com engenharia criogênica, quase meio século antes de sua invenção;
- Patenteou mais de 100 inovações que foram usados na criação do transistor, aquela pecinha primordial que faz com que seja possível o computador moderno existir e você ler isso neste momento;
- Foi a primeira pessoa a captar ondas de rádio do espaço, o que o torna, indiretamente, o pai da radioastronomia;
- Descobriu a frequência de ressonância da terra, que só pode ser confirmada 50 anos depois, já que era muito avançado à época;
- Desenvolveu uma máquina de terremotos que quase destruiu um bairro inteiro em Nova Iorque;
- ignição elétrica de motores à gasolina;
- o motor assíncrono giratório,
- comutadores elétricos
- Em 1943 o Supremo Tribunal dos Estados Unidos acreditou-o como sendo o inventor do rádio.
- Inventou a poderosa Bobina de Tesla, que permitiu a comunicação sem fio.
- Conseguiu, na década de 90, reproduzir em seu laboratório o fenômeno conhecido como "Ball Lighting", que consiste em uma luz que aparece na forma de uma esfera e viaja devagar enquanto plana a alguns pés do chão. É um fenômeno muito raro e até hoje os cientistas ainda não conseguiram replicar o feito em moderníssimos laboratórios;
- Inventou um raio da morte que poderia destruir o mundo caso caísse em mãos erradas. No entanto, destruiu o projeto antes dele vazar (alguns acreditam que o projeto está em posse do governo dos EUA, confira mais sobre isso, alguns parágrafos abaixo). O raio chegou perto de ser vendido para a Inglaterra por 30 milhões de dólares, durante a 2ª Guerra Mundial, mas foi desfeito nos últimos momentos. O próximo comprador seriam os Estados Unidos, porém, a reunião que daria desfecho à compra nunca ocorreu. Tesla morreria antes.

Nikola Tesla em seu Laboratório com uma Bobina de Tesla em funcionamento

Um Homem Excêntrico

Todo gênio tem um pouco de loucura, e com Tesla não seria diferente. Aliás, seria algo bastante elevado. Ele tinha bastante manias e fobias. Vejamos algumas de suas "excentricidades":

- Dormia muito pouco, alguns acreditam que apenas 2 horas por noite
- Não tocava em cabelos
- Não gostava de pérolas – despedindo uma secretária por ir trabalhar com um colar, uma vez. Tinha pavor de mulheres usando brinco de pérolas!
- Fazia as coisas de acordo com o número três, e era inflexível em relação a ficar em quartos de hotel cujo número era divisível por três.
- Seus biógrafos acreditam eu ele era misofóbico, ou seja, tinha completo pavor em entrar em contato com sujeira ou qualquer coisa que não julgasse estar higienicamente seguro. Antes de cada refeição ele polia cada utensílio até chegar à perfeição, utilizando 18 guardanapos (múltiplo de 3).
- Acredita-se também que ele tivesse transtorno obsessivo compulsivo
- Chama a atenção, também, sua obsessão por pombos, alimentando-os regularmente no Central Park, em Nova Iorque, com sementes especiais que encomendava. Ele costumava, inclusive, levá-los ao seu quarto e os cuidar.

Pombos eram adorados por Nikola Tesla

Fontes (acessadas em 16/09/2017):
- Documentário: Tesla - O Mestre dos Raios
- Documentário: Documentario History Nikola Tesla pai da eletricidade Moderna
- Documentário: A Guerra Elétrica - A Disputa entre Edison, Westinghouse e Tesla
- Wikipedia.pt: Nikola Tesla
- Wikipedia.pt: Guerra das Correntes
- Wikipedia.pt: Wardenclyffe Tower
- Wikipedia.pt: Exposição Universal de 1893
- Wikipedia.pt: Bobina de Tesla
- Gizmodo Brasil: De onde veio o futuro: uma viagem pela Feira Mundial de Chicago de 1893
- Oficina da NET: Nikola Tesla, o gênio mais injustiçado da história
- Nikola Tesla Museum
- Revista Galileu: 9 coisas que você precisa saber sobre Nikola Tesla
Comentários