15 de setembro de 2017

Conheça 3 Estranhos Casos Envolvendo Supostos "Lobisomens" e "Ataques de Fantasmas" em Cidades da Inglaterra e da Escócia!


Por Marco Faustino

A última vez que abordei três casos de supostos fantasmas, de uma única vez, foi no começo do mês passado ao comentar sobre determinadas situações de cunho paranormal, que vinham tomando conta das redes sociais através da repercussão, que as mesmas estavam tendo no Facebook, no Instagram e, obviamente na mídia internacional. O primeiro deles foi sobre uma cantora "canadense" chamada "Melo Lv", que havia feito um vídeo juntamente com a sua amiga em uma piscina quando, de repente, teria surgido o que alguns começaram a dizer que seria uma "criança de olhos negros" ao fundo, sendo que a mesma teria desaparecido após alguns meros segundos. O segundo caso tratava-se de um homem que havia se hospedado em um hotel no estado norte-americano do Texas, porém uma série de "atividades paranormais" teriam acontecido em seu quarto, sendo que tudo foi registrado através do seu celular. Já o terceiro caso havia acontecido em uma pequena rua da Irlanda do Norte, onde um suposto "fantasma" teria sido registrado atravessando a rua, e "desaparecendo" logo em seguida. Em cada caso fomos atrás para saber maiores detalhes e investigar a situação na medida do possível, é claro (leia mais: Conheça 3 Estranhos Casos de Supostos "Fantasmas" que vêm Tomando Conta das Redes Sociais ao Redor do Mundo!).

No fim do mês passado também abordamos dois outros casos um tanto quanto peculiares. O primeiro era sobre uma boneca supostamente possuída, que tinha sido apelidada de "Annabelle Irlandesa". Já o segundo caso era sobre uma casa "assombrada" no vilarejo de Melbourn, no Reino Unido, onde o proprietário teria gravado uma das janelas supostamente abrindo sozinha, algo que, segundo ele, seria a obra de um fantasma. Como sempre fazemos, fomos atrás de ambas as situações para trazer o conteúdo mais completo possível e digno da confiança de cada um de vocês. Vale a pena conferir (leia mais: Conheça a "Annabelle Irlandesa" e um Outro Caso Envolvendo uma Suposta "Casa Assombrada" no Vilarejo de Melbourn, no Reino Unido!).

Agora, vamos novamente abordar três casos misteriosos e inusitados envolvendo desde um suposto "lobisomem" uivando durante a madrugada na pequena cidade de Stornoway, na Escócia, passando pela alegação de um guia turístico que teria tido sua mão queimada pelo fantasma de um assassino, que foi enforcado em uma prisão inglesa, e chegando ao caso de um investigador paranormal que teria conseguido se comunicar com um espírito, porém o mesmo disse através de um dispositivo eletrônico que ele queria a alma do investigador em questão. Com certeza são três casos muito exóticos, peculiares e que só podiam ter acontecido no Reino Unido. Tenho certeza que vocês vão gostar, se assombrar e até se divertir com cada um dos casos que serão apresentados. Vamos saber mais sobre esse assunto?

Um "Lobisomem" Foi Gravado Uivando Durante a Madrugada na Cidade de Stornoway, na Escócia?


Um gerente de hotel chamado Paul Naylor, 55 anos, pai de quatro filhos, estava andando por volta de 2h da manhã na pequena cidade escocesa de Stornoway, que possui pouco mais de 8 mil habitantes, quando, de repente, ouviu um som terrível, e que parecia ter saído de um filme de terror. Apesar de Paul acreditar que o som, muito semelhante a um uivo, pudesse ter sido gerado por lobos, algumas pessoas aventaram a possibilidade do som ter partido de um lobisomem. Sim, isso mesmo que vocês leram.

"Os pelos atrás do meu pescoço se eriçaram. Definitivamente, podia ter sido um lobo. Foi estranho, como se eu estivesse em um filme de terror. Ouvi o som vindo do porto, e nunca tinha ouvido nada semelhante antes", disse Paul Naylor.

"Os pelos atrás do meu pescoço se eriçaram. Definitivamente, podia ter sido um lobo. Foi estranho, como se eu estivesse em um filme de terror. Ouvi o som vindo do porto, e nunca tinha ouvido nada semelhante antes", disse Paul Naylor.

Paul trabalha como gerente de um hotel chamado Crown Inn, no período da noite, e usou seu celular para registrar algumas imagens e o respectivo som que ecoava pela cidade. Ele disse que estava fazendo uma espécie de verificação de rotina no arredores do hotel, algo que habitualmente fazia durante seu horário de trabalho.

O som, no entanto, parecia vir originalmente de uma floresta, no lado oposto do porto em Stornoway, uma cidade que fica localizada na Ilha de Lewis, uma das ilhas que formam o arquipélago das Hébridas Exteriores (também conhecidas como Ilhas Ocidentais, sendo que as mesmas formam uma "Área de Conselho", ou seja, na prática é uma das 32 novas subdivisões administrativas da Escócia, criadas em 1996).



Imagem aérea de uma parte da cidade de Stornoway, na Escócia
Imagem da fachada do Hotel Crown Inn, em Stornoway, na Escócia
"Fiquei parado, porque estava muito escuro. Peguei meu celular para gravar e ver se o som iria se repetir, e acabou acontecendo novamente. Em um determinado momento, pensei que fosse uma baleia. Temos orcas ao longo da costa e pensei que pudesse ser uma baleia que estivesse perdida em algum local do porto. Pensei que poderia ser uma baleia encalhada, como se estivesse aflita. Acredito ter visto um barco de pesca no mar, e tenho certeza de que eles também puderam ouvir isso", continuou.

Confira o vídeo realizado pelo Paul, no canal Caters Clips, no YouTube:



Curiosamente, os lobos foram extintos na Escócia desde que o último foi morto em Perthshire, no ano de 1680. Por outro lado, uma série de lobos cinzentos foram reintroduzidos, e estão vivendo no Parque da Vida Selvagem Highland, na cidade de Kingussie, próximo a Aviemore, porém o local é bem distante de Stornoway, conforme vocês podem conferir no mapa interativo abaixo:



Curiosamente, os lobos foram extintos na Escócia desde que o último foi morto em Perthshire, no ano de 1680. Por outro lado, uma série de lobos cinzentos foram reintroduzidos, e estão vivendo no Parque da Vida Selvagem Highland, na cidade de Kingussie, próximo a Aviemore, porém o local bem distante de Stornoway.
Uma especialista desse mesmo parque chamada Jan Morse disse não acreditar que o uivo fosse proveniente de um lobo, mas poderia ter partido de um lobo híbrido conhecido por "Wolfdog" ("Cão-lobo", em português, que é o resultado do cruzamento de um cão doméstico com um lobo), uma vez que há criadores na região das Hébridas Exteriores.

"Quatro de nós ouviram o som e, particularmente, na nossa opinião, isso não é um lobo, visto que é muito monotônico, e os lobos não costumam esticar o som dessa forma. Para nós, soa mais ser uma pessoa tentando imitar um lobo", disse Jan Morse.

Uma especialista desse mesmo parque chamada Jan Morse disse não acreditar que o uivo fosse proveniente de um lobo, mas poderia ter partido de um lobo híbrido conhecido por "Wolfdog"
Paul postou seu vídeo na internet, quando chegou em casa após ter trabalhado na madrugada do dia 31 de agosto, e ficou surpreso após o mesmo ter viralizado.

"Muitas pessoas que viram o vídeo nas redes sociais estão dizendo que poderia ter sido uma foca, mas acredito que era alto demais para ter sido uma foca. Tenho certeza que não era cachorro. Poderia ter sido um lobo, enfim, nunca diga nunca. Embora nunca tenha visto lobos na ilha, muitas pessoas estão dizendo que soava feito um lobo. Minha esposa, a Sharon, disse que era realmente estranho e assustador assim que lhe mostrei o vídeo. Ela não faz ideia do que pudesse ser. Lendo os comentários, muitas pessoas disseram que sairiam correndo do lugar, mas eu fiquei parado e comecei a gravar", disse Paul.

O vídeo gerou muita discussão, visto que algumas pessoas acreditavam que fosse um lobo, outras acreditavam que pudesse ser um cachorro (aparece um cachorro cruzando a rua durante o vídeo, diga-se de passagem), e tinham aquelas que acreditavam ser uma baleia ou uma foca. Uma usuária chamada Marlene van Zyl chegou a mencionar que, definitivamente, o som era de um lobisomem!

O vídeo gerou discussão, visto que algumas pessoas acreditavam que fosse o som emitido por uma baleia...
... sendo que outros acreditavam que pudesse ter sido uma mera foca.
Uma usuária chamada Marlene van Zyl chegou a mencionar que definitivamente era um lobisomem
Vale ressaltar, é claro, que foi mencionado pela especialista em vida selvagem, a Jan Morse, que também é possível que fosse alguém que estivesse fazendo esse som. Será que foi mesmo uma pessoa de carne e osso? Será que o vídeo foi armado? Contudo, e vocês? Será vocês ficariam tranquilamente filmando a escuridão, enquanto um "uivo" desses ecoasse pelas ruas?

Um Guia Turístico Teria Tido a Mão Queimada por um Fantasma Dentro de uma Antiga Prisão Desativada no Condado de Somerset, na Inglaterra?


Um guia turístico que realiza passeios em uma prisão desativada, onde os irmãos gêmeos Kray (gângsteres ingleses que foram os principais perpetradores do crime organizado no East End de Londres durante a 1950 e 1960, e acabaram se tornando celebridades) foram mantidos presos, apareceu recentemente na mídia britânica para dizer que sua mão havia sido queimada por um fantasma, em uma antiga cela do corredor da morte.

Seu nome é Paul Toole, 42 anos, e o mesmo alegou que sofreu o misterioso ferimento, quando ele estava parado em uma cela, onde um soldado condenado passou suas últimas horas. Ele estava contando a história do soldado Lee Davis, que foi enforcado pelo crime de assassinato em 1943, quando ele sentiu uma dor aguda na mão esquerda. Então, ele olhou para baixo, de modo a verificar o que havia acontecido e notou uma queimadura, semelhante a provocada por cigarro, em sua pele.

Paul Toole, 42 anos, alegou que sofreu o misterioso ferimento, quando ele estava parado em uma cela,
onde um soldado condenado passou suas últimas horas
"Foi muito bizarro. Olhei para baixo e, do nada, havia uma grande marca vermelha e pensei: 'Nossa, isso parece estar em carne viva. É um cenário realmente estranho lá. Sempre sinto que há uma presença estranha naquela cela, quando fico pensando nas pessoas que morreram no local", disse Paul.

"Se alguém me dissesse quatro ou cinco meses atrás que algo assim aconteceria, teria pensado que estavam falando bobagem. Porém, isso abriu meus olhos para o que existe lá. Definitivamente, acredito no paranormal agora", continuou.

Paul estava contando a história do soldado Lee Davis, que foi enforcado pelo crime de assassinato em 1943, quando ele sentiu uma dor aguda na mão esquerda. Então, ele olhou para baixo, de modo a verificar o que havia acontecido e notou uma queimadura, semelhante a provocada por cigarro, em sua pele.
O incidente assustador aconteceu na Penitenciária Shepton Mallet (também conhecida como Penitenciária Cornhill), no condado de Somerset, em uma tarde do mês passado, durante a realização de um passeio histórico pelo local, ou seja, não era exatamente um passeio de cunho "paranormal". Conforme mencionado anteriormente, a antiga prisão já abrigou os irmãos gêmeos Kray e foi palco de diversas execuções antes da extinção da pena de morte.



O soldado Lee Davis tinha 18 anos, era norte-americano, e foi condenado ao enforcamento após atirar em uma mulher e matá-la, além de violentar uma outra. Alega-se que ele tenha chorado e dito "Meu deus, vou morrer" quando ele viu a forca, e posteriormente teve um ataque histérico. Paul sentiu a queimadura em sua mão exatamente quando ele pronunciava as últimas palavras de Lee Davis para o grupo de pessoas que fazia parte do passeio.

Foto mostrando o primeiro andar da Penitenciária Shepton Mallet
Foto mostrando o segundo andar da Penitenciária Shepton Mallet
Foto mostrando o terceiro andar da Penitenciária Shepton Mallet
Paul acrescentou que a prisão recebia a visita de grupos de investigação paranormal na maioria dos fins de semana, e que os mesmos costumavam gravar vozes e sons nos ambientes da prisão. Ele também alegou que, no fim de semana posterior a queimadura em sua mão, teria sido escutada uma determinada voz em uma dessas gravações, e a mesma sussurrava o seu nome. Adivinhem onde? Justamente próximo da cela de Lee Davis. Contudo, não foi apresentada nenhuma gravação na notícia publicada pelo tabloide britânico Daily Mirror.

"Isso foi muito estranho, muito mesmo. Não consegui dormir tranquilo por diversas noites depois disso. Minha esposa tem sentimentos variados sobre o paranormal, e disse que vai terminar comigo se eu falar sobre isso em casa. Ela se preocupa que eu traga algo comigo", completou.

Foto mostrando o que restou do antigo local onde os presos eram enforcados na Penitenciária Shepton Mallet
A Penitenciária Shepton Mallet foi desativada em 2013, e há planos para que o local se torne algum outro empreendimento no futuro. De qualquer forma, os passeios históricos continuam sendo realizados até que as obras sejam iniciadas.

A Penitenciária Shepton Mallet Chegou a ser Divulgada em Meados de Agosto Devido a um Outro Caso de Cunho Paranormal


Curiosamente, a Penitenciária Shepton Mallet apareceu na mídia em meados de agosto desse ano, quando um radialista da rádio britânica "Forces Radio BFBS" foi gravar um documentário sobre a história de soldados, que foram executados através de pelotões de fuzilamento ou então enforcados no local. Contudo, ao passar em um corredor, onde existem celas conhecidas como "A Cela do Homem Condenado" e a "Sala de Execução", esse radialista chamado Richard Hutchinson disse, que sentiu uma estranha presença próxima a ele. Mais precisamente em pé, atrás dele. Ao ser virar, no entanto, o corredor estava vazio.

Para tentar comprovar que tudo não passou da imaginação de Robert, foi divulgada uma filmagem onde seria possível ver, ainda que muito vagamente, uma espécie de sombra passando pela parede (muito embora a distorção possa ter sido causada pela péssima qualidade de gravação, e podendo ser ocasionada pelo ajuste automático de luz da câmera). Confira o vídeo em questão através de um canal de terceiros no YouTube (encontrar algo paranormal nessa filmagem é um exercício de muita paciência, não estranhem se não acharem nada "anormal", porém dizem que seria apenas uma pequena variação de luz próximo da porta, no lado esquerdo):



Richard chegou a conversar em um programa de rádio com um homem chamado Joel Campbell, proprietário da Jailhouse Tours, que realiza passeios públicos e históricos por antigas prisões britânicas. Quando ele contou sobre o incidente para a equipe da Jailhouse Tours, que estava presente no local, os mesmos disseram que essa era uma sensação bem comum no exato local onde Richard mencionou ter sentido a estranha presença. Aliás, de acordo com Joel, é comum haver avistamentos e atividades paranormais naquela parte da prisão, algo que já teria sido relatado por membros de sua equipe e ex-funcionários que trabalham na prisão, especialmente no turno da noite.

Richard Hutchinson (à esquerda) e Joel Campbell (à direita)
Foto da cela conhecida como "Cela do Homem Condenado"
Muitos corpos de presos executados foram enterrados em uma covas não identificadas dentro da Penitenciária Shepton Mallet
Joel também disse que esse tipo de experiência acontece "bastante" em todas as prisões que são visitadas pela empresa de turismo Jailhouse Tours, que organiza visitas guiadas e experiências temáticas em diversas prisões desativadas, incluindo a Shepton Mallet. Joel, inclusive, era uma das pessoas que já teria visto um vulto negro se movimentando naquele mesmo local, sendo que não havia ninguém por perto.

Infelizmente, no entanto, tanto o caso envolvendo o guia turístico Paul Toole quanto esse último soam ser casos divulgados para promover tão somente os passeios em Shepton Mallet. Apesar de tais passeios terem objetivo de fornecerem informações históricas, ficou bem claro que existe a promoção de uma espécie de atração "paranormal" envolvida. 

Investigador Paranormal Alega ter Gravado a "Voz de um Fantasma" Dizendo que Queria a Sua Alma, na Cidade de Sheffield, na Inglaterra


Um investigador paranormal disse ter ficado abalado após alegar ter feito contato com um suposto espírito na Stocksbridge Bypass (A616), uma das rodovias supostamente mais assombradas da Grã-Bretanha. Phil Sinclair, 30 anos, estava em uma área florestal na cidade de Sheffield, no condado de South Yorkshire, para ver se os relatos de avistamentos de espíritos de crianças e um monge na rodovia eram realmente verdadeiros.

Em um vídeo publicado no dia 2 de setembro, no YouTube, e que possui cerca de 15 minutos, Phil utilizou um equipamento chamado "Ovilus", que seria uma espécie de dispositivo eletrônico, que promete "detectar o campo eletromagnético (EMF) e o transformá-lo em palavras", para ajudar na comunicação e no registro de "encontros espirituais". Confira o vídeo abaixo (em inglês, porém tentem assistir pelo entre 4:18 e 7:08):



Quando Phil pergunta "O qua você precisa?", pouco tempo depois surge uma voz através do dispositivo respondendo: "Sua alma". Ele também alegou ter registrado uma "figura fantasmagórica caminhando atrás dele aos 5:53 de vídeo (muito embora aparente ser apenas um reflexo gerado pela iluminação). Se você não conseguiu perceber esse momento, confira esse outro vídeo abaixo:



"Particularmente, essa investigação foi a mais aterrorizante para mim, pois isso me afetou ao ponto de não conseguir dormir. Quando cheguei em casa não conseguia tirar a imagem da minha cabeça, o que me fez tomar um remédio para dormir. Não sou daquelas pessoas que dizem que tudo é paranormal. Eu gosto de desvendar as coisas, mas essa experiência é algo que não posso explicar", disse Phil, que também é professor de violão.

"A figura no vídeo parece passar atrás de mim, sendo que a jovem que segurava o equipamento de iluminação disse que ela sentia uma presença no local. Momentos depois, vi um rosto de um homem sobre o ombro dela. Eu literalmente pisquei e tinha desaparecido", continuou.

"A figura no vídeo parece passar atrás de mim, sendo que a jovem que segurava o equipamento de iluminação disse que ela sentia uma presença no local. Momentos depois, vi um rosto de um homem sobre o ombro dela. Eu literalmente pisquei e tinha desaparecido", disse Phil
Costumam alegar que a rodovia Stocksbridge Bypass é a mais assombrada da Grã-Bretanha depois dos relatos de dois guardas, que teriam testemunhado um grupo de crianças brincando de roda durante sua construção e até mesmo um monge que seria visto circulando pela região, principalmente debaixo de uma certa ponte da rodovia. Por sua vez, Phil estava visitando o local com Ashley Cox, responsável por filmá-lo e sua parceira Francesca Wilson (não ficou muito claro o seu relacionamento com a mesma, mas provavelmente seria sua namorada ou esposa), que estava segurando o equipamento de iluminação.

O grupo também registrou palavras e expressões tais como: "ódio" e "dê o fora daqui". Tanto o vídeo de sua investigação, quanto os demais que ele costumava gravar em outros locais do Reino Unido, são publicados em sua conta no YouTube, sendo que o vídeo referente a rodovia Stocksbridge Bypass já recebeu aproximadamente 50 mil visualizações. Na descrição do mesmo, Phil disse que lutou para encontrar palavras e descrever o que havia presenciado durante a investigação, e que ficaria com aquela imagem em sua cabeça, algo que ele nunca esqueceria. Além disso, ele disse que sentiu ter entrado em contato com diversos espíritos, tanto de crianças quanto de um homem.



Costumam alegar que a rodovia Stocksbridge Bypass é a mais assombrada da Grã-Bretanha depois dos relatos de dois guardas, que teriam testemunhado um grupo de crianças brincando de roda durante sua construção e até mesmo um monge que seria visto circulando pela região, principalmente debaixo de uma certa ponte da rodovia (na foto)
A parte interessante, no entanto, é que os supostos fantasmas da rodovia Stocksbridge Bypass nasceram através de lendas. No caso do monge, reza uma lenda local que, há centenas de anos, esse tal monge teria se desligado da igreja e estava desiludido com sua religião. Então, ele teria sido enterrado no terreno, que atualmente faz parte da rodovia, e em um túmulo não consagrado. Assim sendo, conta-se que ele costuma vagar até hoje pela rodovia. Já no caso das crianças, alegam que o terreno possuía diversos poços de mineração, e que muitas crianças teriam caído nesses poços, sendo que seus corpos nunca mais teriam sido recuperados. Porém, não há uma confirmação exata sobre isso, razão pela qual são meras lendas que são transmitidas oralmente de geração em geração.

Também já disseram ter avistado um cão negro debaixo de uma ponte, e que a rodovia teria um número de incidentes e vítimas fatais muito maior que a média nacional. Contudo, a polícia local costuma dizer que os incidentes ocorrem, porque as pessoas cismam em dirigir acima da velocidade permitida e que, estatisticamente, o número de incidentes não é proporcionalmente maior do que outras rodovias do país. Portanto, essa seria uma alegação totalmente falsa.

A situação ganhou uma maior dimensão, no entanto, a partir de relatos de avistamentos de guardas em setembro daquele mesmo ano e, conforme o tempo passou, novos relatos foram esporadicamente surgindo, algo que acontece até hoje.
Os relatos de avistamentos de crianças e do monge teriam começado em 1987 a partir de relatos de operários que trabalhavam na construção da rodovia. A situação ganhou uma maior dimensão, no entanto, a partir de relatos de avistamentos de guardas em setembro daquele mesmo ano e, conforme o tempo passou, novos relatos foram esporadicamente surgindo, algo que acontece até hoje. Atualmente, a Stocksbridge Bypass faz parte do folclore local, e uma ponte específica da rodovia apelidada de "Ghost Bridge" (onde alguns motoristas alegam que já escutaram uma série de batidas no teto de seus carros, e os mesmos teriam sido sacudidos violentamente por uma força sobrenatural) tornou-se um dos cenários favoritos de investigadores paranormais e entusiastas locais. Agora, quais eventos foram realmente "reais", e quantos foram apenas produtos da imaginação das pessoas, que foram alimentadas por tudo que já foi lido, visto e ouvido sobre o local, é bem difícil dizer. Aliás, existe um bom material,  sendo possível fazer uma matéria a parte somente sobre essa rodovia.

Em relação a esse caso envolvendo o investigador paranormal Phil Sinclair temos uma série de problemas clássicos em vídeos desse gênero. O principal deles é a utilização de equipamentos eletrônicos totalmente questionáveis, assim como o "Ovilus", que é vendido como um dispositivo de entretenimento. O próprio fabricante não cita que o dispositivo seja capaz ou permita a comunicação com os mortos, porém o mesmo se tornou bem popular entre os grupos de investigação na poderosa indústria do paranormal no Reino Unido (curiosamente o equipamento custa em média US$ 350, ou seja, mais de mil reais, e é vendido como uma mera diversão) Phil também não aparenta ter muita experiência nesse ramo. Seu canal no YouTube, o "Phil Sinclair Paranormal Investigations" possui cerca de 10 vídeos, pouco mais de 270 inscritos e suas ações soam ser encenadas. Enfim, vai depender exclusivamente da sua crença, visto que não há nenhuma razão concreta para crer em tudo aquilo, que é mostrado no vídeo.

O principal problema é a utilização de equipamentos eletrônicos questionáveis, assim como o "Ovilus", que é vendido como um dispositivo de entretenimento. O próprio fabricante não cita que o dispositivo seja capaz ou permita a comunicação com os mortos, porém o mesmo se tornou bem popular entre os grupos de investigação na poderosa indústria do paranormal no Reino Unido
Enfim, AssombradOs, espero que tenham gostado de conhecer rapidamente esses três casos, e sempre que surgirem outros igualmente inusitados ou peculiares farei questão de trazê-los ao conhecimento de vocês, assim como regularmente venho fazendo!

Até a próxima, AssombradOs!

Criação/Tradução/Adaptação: Marco Faustino

Fontes:
http://parapedia.wikia.com/wiki/Ovilus
http://www.forces.net/radio/shepton-mallet-prison-ghost-military-glasshouse-execution-room
http://www.mirror.co.uk/news/uk-news/tour-guide-claims-hand-burnt-11163081
http://www.mirror.co.uk/news/weird-news/i-want-your-soul-paranormal-11116227
https://www.thesun.co.uk/news/4463828/hotel-manager-scotland-wolf-outer-hebrides-video/
Comentários