4 de maio de 2017

O "Fantasma" de uma Menininha Teria Sido Registrado por uma Câmera de Monitoramento Florestal em Cambridge, nos Estados Unidos?


Por Marco Faustino

Alguém estava sentindo falta de um caso relacionado a um suposto "fantasma"? A última vez que fiz uma postagem relacionada a um caso supostamente "fantasmagórico" foi no dia 22 de abril desse ano. Na época, comentei sobre o registro em vídeo de um suposto "fantasma" de um homem subindo uma escadaria em uma mansão do século XVII, considerada "mal-assombrada", na Inglaterra, e que estava dando o que falar na Terra da Rainha. Daquela vez não tivemos o envolvimento direto de nenhuma agência de notícias britânica ou europeia de reputação questionável, e nem mesmo a participação direta de um tabloide, que pudesse distorcer as informações publicadas. Isso não queria dizer, no entanto, que o registro tivesse sido verdadeiro, uma vez que o mesmo foi obtido por um grupo de investigação paranormal, que por sua vez possui um programa em um canal de TV no Reino Unido. Considerando que um programa destinado a investigação paranormal precisa, que "coisas supostamente paranormais" aconteçam para manter a audiência, e a permanência na grade de programação, era extremamente recomendável que vocês acompanhassem aquela postagem com cautela. Lembro que praticamente destrinchei aquele caso para vocês, mostrando exatamente quem poderia ser o suposto "fantasma", e também a razão pela qual a Wentworth Woodhouse (a tal mansão "mal-assombrada") tinha recebido uma espécie de "destaque especial" em relação ao caso. Vale muito a pena vocês conferirem (leia mais: O "Fantasma de um Homem" Subindo uma Escadaria Apareceu em uma Mansão "Mal-Assombrada" do Século XVII, na Inglaterra?).

Recentemente, surgiu uma suposta "foto de fantasma", que foi obtida através de uma câmera de monitoramento florestal, na cidade de Cambridge, no estado norte-americano de Nova York, que estava começando lentamente a movimentar a mídia local. A imagem mostrava o que alguns estavam acreditando, que fosse o "fantasma" de uma garotinha, que teria sido fotografado por essa câmera em questão, em um cruzamento de duas rodovias nos arredores da referida cidade. Uma vez que nunca pretendi e nunca enganei vocês, seria justo dizer que esse caso teve apenas uma modesta, bem modesta mesmo, viralização em meados de abril desse ano, e somente agora estava recebendo um maior destaque de emissoras de TV locais, que estavam fazendo "de tudo para tentar solucionar o mistério" por trás da foto. Para me ajudar nessa jornada, contarei com uma ajuda muito especial de praticamente um especialista nessa área de desvendar fotos que circulam pela internet. Assim sendo, ao longo da postagem, vocês vão poder conferir exatamente o que vinha sendo mencionado pela mídia norte-americana, a possível e mais provável hipótese que explicaria todo esse "mistério", e seu respectivo desfecho! Vamos saber mais sobre esse assunto?

Como Esse Caso Estava Sendo Divulgado pela Mídia Norte-Americana?


Iniciaremos mais esse caso de suposto "fantasma", diante da repercussão (embora bem modesta), que isso vinha tendo na mídia norte-americana, basicamente destacando o que vinha sendo mencionado pelo canal "NEWS10 ABC", que por sua vez é formado pelas emissoras WTEN e WXXA, no estado norte-americano de Nova York. Essa cobertura começou no dia 1º de maio, quando o mesmo realizou uma reportagem, e a publicou em seu respectivo site na internet, intitulada: "Mysterious picture spurring questions in Cambridge" ("Imagem Misteriosa Provoca Questionamentos em Cambridge", em português). Vocês podem conferir essa reportagem através de um canal de terceiros, no YouTube (em inglês, mas iremos comentá-la a seguir):



O texto mencionava que a imagem misteriosa de uma menininha em uma área florestal, próxima a cidade de Cambridge, estava fazendo com que muitos moradores locais questionassem quem ela era e de onde ela teria vindo. Os proprietários do terreno apenas desejavam encontrar a família da menina, mas toda a cidade estava comentando o caso. Seria apenas uma criança perdida na floresta ou algo sobrenatural? Os moradores de Cambridge tinham as mais diversas opiniões sobre o caso.

O texto mencionava que a imagem misteriosa de uma menininha em uma área florestal, próxima a cidade de Cambridge, estava fazendo com que muitos moradores locais questionassem quem ela era e de onde ela teria vindo
"Acredito que seja um fantasma", disse uma moradora local, que ao ser questionada sobre o motivo, respondeu "Olhe para isso. Definitivamente, é um espírito", completou.

"Acredito que seja apenas uma garotinha brincando na floresta. Não acho que seja um fantasma", disse uma outra moradora.

"Não sei, é meio difícil acreditar no que você vê nas redes sociais hoje em dia", disse mais uma moradora.

Os moradores da cidade de Cambridge tinham as mais diversas opiniões sobre o caso
A foto em questão teria sido obtida através de uma câmera de monitoramento florestal (cujo termo em inglês é "trail cam"), nas proximidades da Rota 74, na cidade de Cambridge. Segundo o canal "NEWS10 ABC", a cidade inteira estava comentando sobre o assunto (iremos descobrir no decorrer dessa postagem, que essa não era bem a realidade da história). Eles só esqueceram de mencionar que, de acordo com o último censo realizado em 2014, a cidade contava com pouco mais de 1.800 habitantes.

Também foi mencionado que George Bell, chefe do Departamento de Polícia de Cambridge-Greenwich, que há 19 anos ocupa esse mesmo cargo, nunca tinha visto algo parecido com isso, e que nunca tinha visto nenhum fantasma rondando as áreas florestais da região. Curiosamente, foi mencionado, que os novos proprietários tinham acabado de comprar esse terreno, com o objetivo de utilizá-lo como área de caça.

Também foi mencionado que George Bell, chefe do Departamento de Polícia de Cambridge-Greenwich, que há 19 anos ocupa esse mesmo cargo, nunca tinha visto algo parecido com isso, e que nunca tinha visto nenhum fantasma rondando as áreas florestais da região
Curiosamente, foi mencionado, que os novos proprietários tinham acabado de comprar esse terreno,
com o objetivo de utilizá-lo como área de caça
De acordo com George Bell, eles tinham posicionado e configurado as câmeras para terem certeza que os moradores locais não passariam por esses pontos. Então, em um determinado momento, eles teriam visto essa menina nas imagens. A reportagem deixou bem claro que o George Bell havia confirmado que a imagem era verdadeira, e que os proprietários simplesmente queriam informar a família da menina. Contudo, após semanas sem ninguém vir a público, o imaginário popular havia entrado em cena.

A reportagem deixou bem claro que o George Bell havia confirmado que a imagem era verdadeira, e que os proprietários simplesmente queriam informar a família da menina. Contudo, após semanas sem ninguém vir a público, o imaginário popular havia entrado em cena
"Não sei, tem algo assustador nessa cidade", disse um morador local, que prontamente acrescentou: "Eu diria que isso não tem como ser um fantasma, mas isso é o tipo de coisa que eu diria... Pois é, não sei."

"Não sei, tem algo assustador nessa cidade", disse um morador local
A polícia de Cambridge disse que ainda estavam tentando identificar a menina da foto, então caso as pessoas soubessem de alguma coisa, o ideal é que entrassem em contato diretamente com o departamento de polícia.

No dia seguinte (2), a "NEWS10 ABC" explorou novamente esse caso. Em um reportagem intitulada "Paranormal expert wants to view actual footage after mysterious photo of girl captured in Cambridge" ("Investigadores paranormais querem ver as imagens verdadeiras após a foto misteriosa de uma menina ter sido registrada em Cambridge", em português). Vocês também podem conferir essa reportagem através de um canal de terceiros, no YouTube (em inglês, mas também iremos comentá-la a seguir):



Novamente, foi mencionado no texto, que a foto havia gerado centenas de comentários e compartilhamentos nas redes sociais, sendo que algumas pessoas mencionavam que poderia ser algo sobrenatural, e que toda a cidade estava comentando sobre o assunto. Porém, o caso tinha chegado ao conhecimento de "investigadores paranormais".

"Gostaríamos de dar uma olhada nas imagens reais, que foram originadas a partir dessa câmera. Existem diversas localidades históricas, e nós registramos muitas coisas nesses lugares", disse Tania Woodward, presidente do Grupo de Pesquisa Paranormal Greenwich, acrescentando que a imagem por si só, não fornecia muita informação útil, e admitindo que imagens extraídas de câmeras de monitoramento florestal não registravam as melhores imagens possíveis.

"Gostaríamos de dar uma olhada nas imagens reais, que foram originadas a partir dessa câmera. Existem diversas localidades históricas, e nós registramos muitas coisas nesses lugares", disse Tania Woodward, presidente do Grupo de Pesquisa Paranormal Greenwich
Tania disse que gostaria de ter permissão para visitar a propriedade com sua equipe para determinar se havia alguma eventual atividade paranormal ou para ver se era realmente uma criança de verdade, que tinha sido flagrada pela câmera de monitoramento. Disse ainda, que tinha inúmeras perguntas para o proprietário, que por sua vez preferia se manter no anonimato, alegando ser uma "questão de privacidade".

"Quais são as crianças que moram por perto? Eles têm filhos? Qual o horário que a foto foi tirada? Onde a câmera foi colocada? Podemos dar uma olhada para ver o que está acontecendo e fazer uma pesquisa na região?", questionou Tania Woodward, acrescentando que a atividade paranormal na região, principalmente mais ao norte, era bem comum.

"Quais são as crianças que moram por perto? Eles têm filhos? Qual o horário que a foto foi tirada? Onde a câmera foi colocada? Podemos dar uma olhada para ver o que está acontecendo e fazer uma pesquisa na região?", questionou Tania Woodward
A polícia disse que, desde que a história começou a ser divulgada, eles receberam inúmeras ligações e e-mails sobre a foto. Diversas pessoas teriam sugerido que, conforme mencionava uma lenda local, uma menininha havia sido atingida e morta por um trem que costumava cruzar a região. Por outro lado, Tania Woodward acreditava que todo esse interesse era motivado pelos diversos programas do gênero que passam na televisão.

Começando a Mostrar a Realidade Por Trás de Toda Essa História, que Ninguém Fez Nenhuma Questão de Mostrar


Desde o começo, toda essa história era completamente fantasiosa e vou explicar vocês exatamente o porquê. Bem, essa história não começou a repercutir agora, mas no dia 12 de abril, através da página do "The Greenwich Journal and Salem Press", no Facebook, que é um dos mais antigos jornais que continuam sendo impressos nos Estados Unidos. Confira a postagem abaixo:

Postagem realizada pela página do "The Greenwich Journal and Salem Press", no Facebook, que é um dos mais antigos jornais que continuam sendo impressos nos Estados Unidos
Essa postagem contava com o seguinte texto: "Estamos pedindo a sua ajuda....
 
"Um leitor me pediu ajuda. Eles me alertaram sobre essa foto, que foi tirada por uma câmera de monitoramento florestal, próxima do cruzamento entre a Estrada Cambridge Center e a Rota 74, onde se encontram os trilhos da linha férrea. Essa câmera se encontra em um local, onde geralmente não é frequentado por ninguém, exceto pelos animais selvagens, mas a foto acabou surgindo na primeira semana de março. A menina aparece somente em um único frame e então desaparece. Houve uma série de teorias sobre quem ela é, e o que estava fazendo ali, mas tudo acabou sendo em vão. Agora, estamos pedindo a sua ajuda. Você conhece essa menina? Ela é uma moradora local? A foto está embaçada e tivemos dificuldade em vê-la, até que abríssemos a foto no computador.

Por favor, sinta-se à vontade para comentar e compartilhar."

Conforme vocês podem notar, a imagem foi compartilhada localmente mais de 1.000 vezes, mas ainda assim, em um período de duas semanas, aparentemente ninguém sabia dizer quem era a menina em questão. Apesar desse número de compartilhamentos aparentar ser expressivo, isso é praticamente nada em termos de viralização em redes sociais. Por outro lado, se fôssemos somar as populações das cidades de Cambridge e Greenwich, teríamos cerca de apenas 6.000 habitantes no total. Resumindo, era altamente improvável, que um dos jornais mais antigos do país, e com uma repercussão local de mais de 1.000 compartilhamentos, não encontrasse uma resposta para o "mistério". De qualquer forma, era nos comentários que residiam as melhores informações sobre o caso.

Alguns comentários realizados no dia 12 de abril na página do "The Greenwich Journal and Salem Press", no Facebook
Nos comentários acima, podemos ter uma ideia de como essa informação foi moldada pelo canal "NEWS10 ABC", visto que vocês vão reconhecer alguns detalhes que já mencionamos anteriormente.

No primeiro comentário é possível perceber que o autor da postagem respondeu ao leitor, que a imagem em questão havia sido realmente obtida a partir da câmera de monitoramento florestal, porém o autor simplesmente editou a imagem (cortando a parte inferior da mesma) para retirar o nome de quem a enviou. No segundo, um leitor comentou, que uma menina havia morrido após ter sido atingida por um trem na década de 1960, bem próximo da propriedade em questão. Já no terceiro é possível notar que a Tania Woodward, presidente do Grupo de Pesquisa Paranormal Greenwich, ofereceu ajuda para tentar solucionar o caso.

Entretanto, a melhor parte estaria por vir, com a revelação sobre quem pertencia a suposta câmera em questão. Confira mais alguns comentários, visto que, em seguida, comentaremos sobre eles:

Mais alguns comentários realizados no dia 12 de abril na página do "The Greenwich Journal and Salem Press", no Facebook
No primeiro comentário, a leitora Veronica Waldron-Atwell deu o seguinte testemunho: "Estávamos viajando em direção ao sul na Rota 74, no domingo passado. Estávamos dirigindo pela estrada Cambridge Center, virando a direita na estrada Whiteside. Vimos duas crianças brincando. Era um menino e uma menina. Passamos bem rapidamente. Notei que não havia mais ninguém com eles no local. Comentamos entre a gente, esperando que eles não caíssem dentro do rio. Por ser uma mãe, aquela situação parecia ser estranha, mas tinha me esquecido disso até ver essa postagem. Essa menina aparenta ter a mesma idade e aparência daquela que vimos no domingo. Acredito que a menina que vimos estava usando um casaco azul-claro."

Entretanto, a surpresa ficaria por conta da usuária "Eraina St. Gelais", que entrou nessa história dizendo que a imagem tinha sido obtida através da câmera do pai dela. Ela disse que a câmera tirava uma foto, toda vez que acontecia uma movimentação, e que a menina tinha aparecido uma única vez. Ela disse que perguntaram na vizinhança se alguém a conhecia, porém não obtiveram nenhum resultado positivo. Inicialmente, ela disse que a foto tinha sido tirada no dia 1º de março, por volta das 18h e com uma temperatura ambiente de -1ºC (no comentário está em fahrenheit, então converti para celsius). No entanto, ela posteriormente corrigiu essa informação dizendo que a foto tinha sido tirada nesse mesmo dia, as 17h44 e com uma temperatura ambiente de 2ºC. Ela ainda disse que tinha a foto original, mas que o nome na parte inferior havia sido removido, porque seus pais não queriam se expor publicamente na internet.

Eraina St. Gelais disse que a câmera tirava uma foto, toda vez que acontecia uma movimentação, e que a menina tinha aparecido uma única vez. Ela disse que perguntaram na vizinhança se alguém a conhecia, porém obtiveram nenhum resultado positivo
Nesse ponto é interessante ressaltar, que a usuária "Eraina St. Gelais" cursa "Ciências Forenses" na Faculdade Comunitária Hudson Valley, na cidade de Troy, em Nova York e, em seu perfil, era possível notar que ela aparentava gostar de assuntos "paranormais", e que tinha até mesmo o que parecia ser algumas sobrinhas ou afilhadas, com uma altura muito semelhante a da "menina fotografada" em questão.

Nesse ponto é interessante ressaltar, que a usuária "Eraina St. Gelais" cursa "Ciências Forenses" na Faculdade Comunitária Hudson Valley, na cidade de Troy, em Nova York e, em seu perfil, era possível notar que ela aparentava gostar de assuntos "paranormais", e que tinha até mesmo o que parecia ser algumas sobrinhas ou afilhadas, com uma altura muito semelhante a da "menina fotografada" em questão
Será que a Eraina teria manipulado digitalmente essa foto ou poderia ter sido apenas uma de suas sobrinhas ou afilhadas? Obviamente, diante de casos assim, com pouquíssimas informações disponíveis e imagens de baixa qualidade, é natural que seja questionada a veracidade do caso, não é mesmo?

A Realidade por Trás de Toda Essa História


Antes de contar a realidade para vocês sobre esse caso, sinto que é necessário mencionar alguns detalhes muito importantes sobre fotos de supostos "fantasmas", que são obtidas a partir de câmeras de monitoramento florestal. Para isso, eu conversei com o Janne Ahlberg, responsável pelo site chamado "HoaxEye", que é um dos melhores do mundo em revelar a verdade por trás de tantas fotos, que circulam atualmente na internet (convido fortemente para que vocês acessem o site dele). O motivo? Bem, o Janne é um dos principais responsáveis por revelar a verdade de fotos atribuídas a "Deep Weeb", de caráter horripilante, fantasmagóricas, históricas etc.

Um dos principais destaques do "HoaxEye" é uma foto muito famosa do suposto "fantasma" de uma menininha, que foi tirada próximo de um cervo, em meio a escuridão da noite, justamente a partir de uma câmera de monitoramento florestal. Observem a foto abaixo, provavelmente vocês vão conhecê-la de algum lugar:

Um dos principais destaques do "HoaxEye" é uma foto muito famosa do suposto "fantasma" de uma menininha, que foi tirada próximo de um cervo, em meio a escuridão da noite, justamente a partir de uma câmera de monitoramento florestal
De acordo com as informações do "HoaxEye", não há nada de paranormal sobre esta foto. Todos os links apontando para quaisquer artigos com essa imagem acima são tão somente clickbaits, ou seja, de pessoas que fazem você entrar no sites delas, e que lucram com a publicidade embutida que você acaba acessando e contribuindo sem saber. A fotografia nada mais é do que um trabalho artístico de um homem chamado William Harper, denominado "Runaway surveillance still 6". Vocês podem encontrar outras fotografias semelhantes e igualmente interessantes em seu próprio site.

Além disso, não é incomum surgirem casos estranhos na mídia, e que estejam relacionados a câmeras de monitoramento florestal. Já tivemos, por exemplo, o caso envolvendo um homem nu, que resolveu se exibir em frente a uma câmera da Estação Biológica Mountain Lake, no estado norte-americano da Virgínia, em outubro de 2016.

Já tivemos, por exemplo, o caso envolvendo um homem nu, que resolveu se exibir em frente a uma câmera da Estação Biológica Mountain Lake, no estado norte-americano da Virgínia, em outubro de 2016
Outro caso que chamou muito a atenção ocorreu cerca de um mês depois, quando populares foram flagrados vestidos de gorila em frente as câmeras de monitoramento florestal de um parque na cidade de Gardner, no estado norte-americano do Kansas.

Na época, havia sido relatado para o departamento de polícia local sobre a presença de um "leão da montanha". Naturalmente preocupados com esse relato, uma vez que algo semelhante já havia sido reportado no passado, os policiais foram dar uma olhada no que as câmeras tinham gravado. Para a surpresa deles, pessoas vestidas com roupas de animais posaram em frente as câmeras. Tudo não passava, é claro, de uma brincadeira.

Outro caso que chamou muito a atenção ocorreu cerca de um mês depois, quando populares foram flagrados vestidos de gorila em frente as câmeras de monitoramento florestal de um parque na cidade de Gardner, no estado norte-americano do Kansas
Durante minha conversa com o Janne Ahlberg, ele inicialmente também pensou que o suposto "fantasma" da menininha fizesse parte da obra de William Harper mas, assim como eu, não encontrou nenhuma referência. Ele ainda destacou que a foto tinha uma qualidade muito baixa, e havia sido recortada a "barra" (tal como é possível notar na foto do "gorila") contendo o nome, o horário, a data e a temperatura ambiente. Segundo ele, muito provavelmente o movimento ativou a câmera de monitoramento, o que explicava as regiões "embaçadas" da imagem. Contudo, diante de tantas farsas e tantas imagens que possuem uma explicação mundana, e que são obtidas a partir de tais câmeras, era muito improvável de ser um mero "fantasma". Seria necessário ter a foto original para que a mesma fosse analisada adequadamente.

Sinceramente, Janne foi muito solícito e simpático durante toda nossa conversa. Ele ainda me explicou que algumas câmeras de monitoramento desse tipo são programadas para tirar apenas uma única foto ou gravar um único vídeo, assim que algo ou alguém se movimenta, o que poderia explicar a única imagem que tínhamos disponível.

Durante a tarde de ontem, Janne também me chamou a atenção para uma notícia publicada pelo site de notícias "Upstate New York", no qual era mencionado que George Bell, chefe do Departamento de Polícia de Cambridge-Greenwich, havia recebido a ligação de um avô, dizendo que a menina que aparece na imagem era sua neta, que atualmente mora fora do estado de Nova York. Na época, no entanto, ele disse que estava caminhando nessa propriedade, enquanto a menina andava de quadriciclo. Curiosamente, pouco tempo depois, a página do "The Greenwich Journal and Salem Press", no Facebook, fez a seguinte atualização:

A mais recente publicação do "The Greenwich Journal and Salem Press", no Facebook
Conforme vocês podem notar, a página "The Greenwich Journal and Salem Press" repercutiu a mesma informação do site "Upstate New York", cuja fonte seria o próprio George Bell, chefe do Departamento de Polícia de Cambridge-Greenwich. Resumindo, teoricamente, o caso estaria solucionado. Não seria um fantasma, mas uma menina de carne e osso.

Para finalizar essa história, a "NEWS10 ABC" não poderia ficar de fora, é claro. Assim sendo, no final da tarde de ontem eles voltaram a publicar mais uma reportagem, dessa vez intitulada "Mysterious photo of little girl in Cambridge is not a spirit" ("Foto misteriosa de menininha em Cambridge não é um espírito", em português). Vocês podem conferir a reportagem em um canal de terceiros, no YouTube (em inglês):



O canal se lamentou ter que desapontar as pessoas ao dizer que a foto não se tratava de um fantasma, o que era bem previsível desde o começo. George Bell disse que tinha recebido ligações de diversos veículos nacionais de comunicação, e emails de médiuns alegando, que poderiam "ajudar o espírito da menininha a atravessar para o outro lado". Então, surgiu uma ligação - era o avô da menina.

"Não quero fornecer o nome até que possamos verificá-lo, mas é um empresário local, do sul do condado de Washington, que disse que na época que a foto foi tirada, ele e sua neta estavam andando em um quadriciclo", disse George Bell. A reportagem, no entanto, disse que as palavras corriam soltas em uma cidade pequena, e que eles descobriram que esse avô era Chic Wilson, o proprietário da estância de esqui (um resort) na Montanha Willard, na cidade de Greenwich.

Chic Wilson disse que não fazia ideia de que a foto estivesse causando tanto rebuliço até a última terça-feira (2), quando alguém colou uma cópia da foto na sua porta. Será mesmo? Será que mesmo após 2 meses, e mais de 1.000 compartilhamentos, e diante de cidades tão pequenas, Chic Wilson ou algum parente dele não tinha visto essa foto e reconhecido a menina? É difícil dizer até que ponto cada uma das pessoas envolvidas foi tão ingênua assim, em um mundo cada vez mais preenchido de textos distorcidos, além de fotos e vídeos falsos. De qualquer forma, caso encerrado.

Até a próxima, AssombradOs!

Criação/Tradução/Adaptação: Marco Faustino

Fontes:
http://news10.com/2017/05/01/mysterious-picture-spurring-questions-in-cambridge/
http://news10.com/2017/05/02/paranormal-expert-wants-to-view-actual-footage-after-mysterious-photo-of-girl-captured-in-cambridge/
http://wharperphoto.com/section/310697-following-the-deer.html
http://www.kshb.com/news/local-news/gorillas-in-gardner-police-find-funny-photos-on-trail-cameras
http://www.newyorkupstate.com/adirondacks/2017/05/ghost_sighting_photo_of_mysterious_girl_in_upstate_ny_town_sparks_debate.html
https://motherboard.vice.com/en_us/article/wildife-camera-trap-shoots-rare-footage-of-naked-human
https://www.facebook.com/JournalPress/photos/a.129358047132270.23540.103579316376810/1294073433994053/?type=3
https://www.facebook.com/JournalPress/posts/1314490288619034
https://www.facebook.com/erainas311?fref=ufi&rc=p
Comentários