29 de dezembro de 2016

Fantasmas Teriam Sido Filmados na Academia de Ginástica de um Hotel da Cidade de Caldas Novas, em Goiás?


Por Marco Faustino

Aparentemente, a cidade de Caldas Novas não abriga tão somente milhares de turistas, que vão todos os anos desfrutar de suas fontes hidrotermais e dos grandes eventos, muitos deles de cunho sertanejo. A cidade também abriga casos bem estranhos e inusitados sobre fantasmas. No início desse mês, publiquei o caso de um leitor e inscrito do canal AssombradO, chamado Julio César, que entrou em contato conosco a respeito de uma foto onde apareceria o suposto rosto de um fantasma, no vidro do carro em que estava. Porém, esse leitor tinha uma particularidade, que de certa forma até nos surpreendeu. Aquela tinha sido a mesma foto que apresentamos a vocês no primeiro vídeo, que foi publicado no canal AssombradO, em 26 de maio de 2014, com o título de "O Passageiro Fantasma". O vídeo era bem simples, e não havia praticamente nenhuma informação tão relevante assim sobre o caso, mas a nova postagem trouxe um conteúdo bem interessante e bem mais robusto sobre o mesmo. Contamos para vocês sobre a noite em que a foto foi tirada, um pouco mais sobre o local, e muitos outros detalhes. O Julio César inclusive gravou um vídeo exclusivo para nós, basicamente resumindo sua história, algo que geralmente não acontece. Entre os pontos mais interessantes estava o relato de Douglas Brener, primo de Julio. Ele mencionou ter visto uma espécie de vulto negro rodeando o veículo, no qual iriam para o Caldas Country Show, um grande evento sertanejo que acontece anualmente na cidade. Ainda segundo Julio, o suposto fantasma também teria gerado discórdia entre os familiares, e quase causou um acidente de trânsito (leia mais: Um Fantasma Teria Aparecido na Janela de um Carro a Caminho do Festival Caldas Country Show, em Caldas Novas, Goiás?).

Cerca de duas semanas após a publicação desse caso, recebemos uma sugestão através de nossa página no Facebook, a respeito de uma filmagem realizada por uma jovem paulistana, na qual apareceriam supostos fantasmas em uma academia de ginástica, de um determinado hotel. Não estamos falando de equipamentos que se movem sozinhos, mas de sombras, aparentemente de uma mulher e de uma criança, que passam "correndo" diante da câmera do celular. Para a minha surpresa, esse hotel ficava justamente em Caldas Novas. Assim sendo, entrei em contato com essa jovem, evidentemente para pedir autorização para utilizar sua imagem, eventuais fotos e vídeos, tal como obter mais detalhes sobre o que realmente teria acontecido. No decorrer da nossa conversa, ela me pediu para não citar o nome do hotel, visto que a equipe do mesmo teria sido muito atenciosa e gentil, tanto com ela quanto com sua mãe, que foi sua companheira na viagem em questão. Essa promessa será mantida, muito embora será difícil que ninguém reconheça ou comente o nome desse hotel, em virtude do grande público que possuímos. Vale lembrar que ao contrário do que acontece em países como os Estados Unidos e a Inglaterra, quando falamos de hotéis supostamente assombrados no Brasil, geralmente é motivo de "afastamento" e "medo" por parte de eventuais clientes. Se isso acontecesse, por exemplo, nos países que acabamos de citar, esse efeito seria justamente o contrário. Vamos saber mais sobre esse assunto?

Conheça um Pouco Mais Sobre Essa História


Alessandra Valladares, 18 anos, moradora da Zona Norte da cidade de São Paulo, é bem ativa em suas rede sociais. Logo, encontrar um tempo disponível para conversar com ela não foi uma tarefa muito fácil. A jovem simplesmente não para em casa, sendo possível notar sua paixão em malhar na academia, que habitualmente frequenta. São centenas de fotos e dezenas de vídeos que retratam o seu cotidiano, que é de uma típica jovem paulistana que gosta de dançar, tomar sol, cuidar do seu corpo, fazer exercícios, e estar na companhia de amigos.

Alessandra Valladares, 18 anos, moradora da Zona Norte da cidade de São Paulo, é bem ativa em suas rede sociais.
Logo, encontrar um tempo disponível para conversar com ela não foi uma tarefa muito fácil.
Em meados de dezembro desse ano, Alessandra e sua mãe viajaram para Caldas Novas, no estado de Goiás. É interessante mencionar nesse ponto que foi a primeira viagem realizada por Alessandra, sendo também a primeira de avião. Portanto, era uma ocasião realmente comemorativa, para descansar, e aproveitar o que Caldas Novas tinha para oferecer aos seus visitantes.

Elas se hospedaram num belíssimo hotel, no bairro do Turista, localizado bem próximo do centro da cidade. Conforme dissemos anteriormente, não iremos mencionar o nome desse hotel. No entanto, o mesmo não possui uma história antiga envolvendo mistérios ou de eventuais mortes que teriam ocorrido em seus 160 quartos, visto que é um hotel bem novo, cujas obras foram finalizadas em dezembro do ano passado.

Em meados de dezembro desse ano, Alessandra e sua mãe viajaram para Caldas Novas, no estado de Goiás. É interessante mencionar nesse ponto que foi a primeira viagem realizada por Alessandra, sendo também a primeira de avião
Alessandra e sua mãe se hospedaram num belíssimo hotel, no bairro do Turista, localizado bem próximo do centro da cidade.
Conforme dissemos anteriormente, não iremos mencionar o nome desse hotel
Resumindo, Alessandra e sua mãe estavam em um empreendimento considerado moderno. Aparentemente ou visualmente, não havia quaisquer indícios que sua viagem se tornasse algo sobrenatural.

A Noite de 16 de Dezembro: Os Supostos "Fantasmas" Registrados por Alessandra


Tinha tudo para ser uma viagem tranquila e relaxante, quando algo muito estranho aconteceu na noite de 16 de dezembro, apenas um dia após darem entrada no hotel. Por volta das 20h30, Alessandra e sua mãe resolveram ver como era a academia de ginástica, que estava fechada, apenas por curiosidade. Segundo a jovem, somente as duas estavam no local, quando ela resolveu gravar um vídeo para publicar em sua conta no Instagram com o intuito mostrar toda a estrutura que a mesma possuía.

O vídeo em questão foi gravado a partir de um celular LG K10, e possui apenas cerca de dez segundos. No mesmo é possível notar que Alessandra começa a gravar diante de um espelho, se aproximando em sua direção, gira o corpo em direção a entrada da academia, e logo em seguida é possível ver uma sombra, uma espécie de silhueta humana e feminina, passando pela janela à sua direita. Confira o vídeo abaixo:



De acordo com Alessandra, enquanto estava na academia ela não sentiu a presença de absolutamente nada e nem mesmo notou qualquer mudança de temperatura no ambiente, porém ela chegou a perceber a sombra passando pelo vidro. Assim que ela deixou a academia, no entanto, a situação foi um pouco diferente. Ao descer as escadas, ela sentiu uma pressão em suas costas, como se alguém quisesse empurrá-la. Na hora ela disse não ficou tão assustada, mas assim que desceram na recepção, ela disse que entrou em pânico.

O motivo? Bem, funcionários teriam mencionado que já tinham visto ao menos um "fantasma" na sauna, na piscina, no restaurante que fica embaixo da academia de ginástica, entre outros locais, porém nunca teriam conseguido registrar nada. Não havia fotos e nem mesmo vídeos. Alessandra disse que seu registro teria sido apenas uma coincidência, e que ela não tinha a intenção de registrar, o que ela vem considerando como um autêntico registro de "fantasma".

Além disso, assim que ela mostrou o vídeo para um determinado funcionário, o mesmo notou que na filmagem não aparece somente um "fantasma", mas outro aos oito segundos de gravação. Esse "fantasma" seria de uma criança, que aparece correndo ao fundo, novamente uma espécie de sombra. Vale lembrar que Alessandra disse inúmeras vezes, que não havia ninguém mais no local, exceto ela e sua mãe.

Alessandra disse que seu registro teria sido apenas uma coincidência, e que ela não tinha o intuito de registrar, o que ela vem considerando como um autêntico registro de "fantasma".  Além disso, assim que ela mostrou o vídeo para um determinado funcionário, o mesmo notou que no vídeo não aparece somente um "fantasma", mas outro aos oito segundos de gravação
Algumas horas após gravar o vídeo, Alessandra o compartilhou através do seu perfil no Facebook, e quase que imediatamente o mesmo foi recebido com espanto, ceticismo, e de também de forma muito bem humorada. Algumas pessoas acreditavam, que poderia ter sido alguém que passou no lado de fora da janela, mas para provar que isso seria "impossível", ela postou uma foto da parte externa da academia.

Algumas horas após gravar o vídeo, Alessandra o compartilhou através do seu perfil no Facebook, e quase que imediatamente o mesmo foi recebido com espanto, ceticismo, e de também de forma muito bem humorada


Algumas pessoas acreditavam, que poderia ter sido alguém que passou no lado de fora da janela, mas para provar que isso seria "impossível", ela postou uma foto da parte externa da academia
Confira também o vídeo que ela fez mostrando essa parte externa, no qual Alessandra conta que a área além da grade é de recreação infantil, e fica trancada durante a noite, ou seja, não teria como uma pessoa estar passando naquele local e justamente naquele horário.



Alessandra disse que acreditava em espíritos, que inclusive já tinha tido uma experiência dessa natureza, ou seja, de ver um espírito, mas que nunca imaginou registrar um fantasma através do seu celular, algo que teria sido totalmente aleatório. Segundo ela, apesar de tirar inúmeras fotos e gravar diversos vídeos todos os dias, isso nunca tinha acontecido antes.

Para adicionar uma pitada a mais de mistério, funcionários com quem ela conversou teriam pesquisado sobre o terreno onde o hotel fica localizado. Eles teriam descoberto, que o terreno onde o hotel e diversos outros próximos foram construídos, na verdade teria sido um cemitério há pouco mais de 50 anos. No entanto, essa é uma parte um pouco questionável, uma vez que é bem possível que não passe de uma mera lenda urbana. Apesar de não haver muitos informações disponíveis sobre isso, é possível notar que os dois cemitérios municipais, o Parque Jesus de Nazaré e o Jardim Roma, não ficam próximos desse hotel. Tentamos contato com a direção do mesmo, e um portal de notícias da cidade para tentar saber maiores informações, porém não obtivemos retorno.

Alguns comentários de amigos(as) de Alessandra, em sua conta no Facebook
De qualquer forma, os amigos(as) de Alessandra ficaram bem impressionados com o registro feito por ela. Segundo a jovem, esses "fantasmas" não eram uma "exclusividade" do hotel onde estava hospedada, visto que outros hotéis da mesma região tinham histórias bem estranhas e assustadoras.

É muito importante ressaltar que Alessandra não entrou em contato conosco para contar sua história. Foi um rapaz que ficou sabendo dessa filmagem, que nos informou através de nossa página no Facebook, e posteriormente fui atrás desse caso para trazê-lo ao blog AssombradO.com.br. Em nenhum momento me pareceu que ela estivesse em busca de reconhecimento pelo que gravou, muito pelo contrário. Aparentemente, foi algo pontual e passageiro.

E vocês, AssombradOs? O que vocês acham de toda essa história? Teria sido a sombra da própria Alessandra? Seria alguém passando em algum ponto do hotel, cuja sombra foi projetada no vidro da janela da academia? Teria sido realmente um "fantasma"? Alessandra estaria mentindo ou falando a verdade? Deixe sua opinião nos comentários, visto que se alguém tiver alguma informação ou hipótese interessante sobre o caso, farei questão de atualizar essa mesma postagem o mais breve possível!

Até a próxima, AssombradOs!

Criação/Adaptação: Marco Faustino

Fontes:
http://sendvid.com/t9ej3dpx

http://sendvid.com/0cbnjl61
Comentários