17 de fevereiro de 2016

Minha História Assombrada: A Boneca que Dei pra Minha Filha (c/ Foto)

Inscreva-se no canal clicando no botão abaixo:
.
Gostou? Então inscreva-se no canal para acompanhar os novos vídeos que for lançando. Eles são lançados primeiro lá, depois que vem pra cá :) Basta clicar neste link: http://goo.gl/CWAIes

No ano de 2007 eu morava com minha filha e meu marido. Eramos uma família muito simples e nunca tivemos muita coisas boas, sempre fomos uma família pobre .

Isso não me impedia de chamar minhas primas de Vila Velha-ES para nos visitar. Eu dizia que aqui era simples, mas dá para ficar tecnicamente umas 3 a 4 pessoas. Então depois de uns dois meses minhas primas vieram.

Como minhas primas sempre tiveram uma vida boa, elas vieram e trouxeram junto vários doces e presentes. Chegaram e distribuíram, mas um chamou atenção da minha filha, uma boneca que uma de minhas primas estava brincando. O ruim é que a boneca não era um presente... Minha filha chorou, fez um pouco de birra, mas eu conheci enrolar ela e até o final da viagem das minhas primas e deu tudo certo .

Depois que minhas primas foram embora, minha filha fez um inferno para eu comprar uma boneca igual, uma boneca Barbie.

Só que eu estava sem dinheiro na época e a boneca estava um pouco cara, então eu não conheci comprar. Nossa, minha filha chorou muito, não comia, não queria tomar banho e até ficou doente por essa boneca.

Então eu fui ao centro e rodei o lugar procurando uma Barbie, mas a unica que tinha era as de plástico, e minha filha não queria essa. Até que minha filha minha filha viu uma mulher vendendo umas bonecas de pano. O estranho é que a gente passou por ela e minha filha olhou para as bonecas e falou que era grande era bonita, e disse que não queria mais a Barbie. Cheguei na mulher e a boneca era R$ 20, tava barato e eu peguei .

Chegamos em casa e minha filha brincou horas com ela, era a filha dela. Com o passar dos dias, percebi que minha filha começa a conversar com a boneca também. Achei normal, afinal uma menininha de 6 anos conversando sozinha é normal. Mas ela conversava bem baixo a noite debaixo da cama dela, e ela andava com a boneca pela casa.  Eu ouvia, pois eu a ouvia descendo as escadas quando eu acordava para ir no banheiro. Até que todos os dias elas não dormia a noite e ficava conversando com a boneca. Comecei a observar e falei para o meu marido, que achou que era minha imaginação e imaginação da minha filha, e então comecei a deixar esse assunto de lado .

Um dia, minha filha começou a roubar objetos meus e do meu marido. Peguei ela roubando um dia e perguntei porque estava pegando meu batom vermelho. A única coisa que ela me disse foi: "Mãe, ela vai usar isso", e saiu correndo. Como o batom era velho e eu não usava mais, deixei usar.

A noite, quando me levantei e fui ao banheiro, meu marido acordou, e ouvimos nossa filha falando:

- E agora ? O que eu devo pegar? Mas ela me viu? Posso contar com você? Você cuida mesmo? Tudo bem, não vou falar pra ninguém.

Imediatamente, levantamos e fomos ao quarto da nossa filha. Chegamos lá e ela estava sentando no chão conversando com a boneca de pano. Meu marido então brigou com ela, dizendo que era para ela parar de ficar conversando com essa boneca a noite, essas coisas, e minha filha falou:

- Ela não gostou nem um pouco das suas palavras! 

Não acreditei que minha filha de 6 anos estava falando aquilo muito certinho e com uma cara séria. Deixamos passar e fomos dormir.

Então, um cheiro de carne pobre começou a rodar pela casa sem nenhum motivo por dias. Depois minha filha começou a aparecer com manchas muito roxas. Levei ela ao médico e o médico disse que eram manchas de como alguém tivesse batendo nela. Comecei a achar muito estranho, e meio comecei a suspeitar da Boneca. Detalhe é que ela parou de conversar com a boneca noite depois que as manchas começaram a aparecer.

Dois dias depois, minha filha não queria mais dormir no quarto dela de jeito nenhum! Ela começava a aparecer de repente em meu quarto chorando e falando que a boneca queria pegá-la. E assim, por esses dias nós deixamos ela dormir conosco.

No dia seguinte eu ouvi minha filha chorando e alguém estava falando com ela, e essa pessoa tinha uma voz assustadora e disse:

- Sua piralha vagabunda, eu falei tudo e mesmo ainda não conseguiu completar! Me aguarde, apenas me aguarde...

Entrei no quarto imediatamente e não tinha ninguém! Peguei a boneca e joguei no latão da rua.

Os dias passaram e o cheiro de carne estragada ia aumentando, e ao passar dos dias na caixa de correio, começava a chegar uma única mensagem escrita a lápis "Estou aqui ainda".

Comecei a entrar em desespero e alertei meu marido, pois já estava ficando com medo, mas ele não podia fazer nada.

Então, quatro semanas depois, tudo ficou quieto. As mensagem pararam e o cheiro de carne podre sumiu. Mas ai começou tudo novamente...

Minha filha começava a ficar parada na porta do quarto dela olhando para o final do corredor com uma cara estranha. E na hora de dormir começava a olhar para a porta do guarda roupa. Até que 3 dias depois, exatamente 3 dias depois, ela caiu da escada. Foi a coisa mais horrível da minha vida! Desci da escada e a boneca estava sentada na escada olhando para ela, e o estranho é que o rosto dela estava diferente. Peguei minha filha e coloquei no sofá. O bom é que minha filha falou que caiu do 4º degrau e não se machucou muito.

Fiquei com tanta raiva da boneca ali parada, com o rosto diferente, com a boca aberta como se estivesse rindo, que eu peguei ela e queimei. Também falei para o meu marido que a gente ia se mudar dali o mais rápido possível.

Depois que a boneca foi queimada ficamos em paz. Começamos a rezar e 1 mês depois nos mudamos .
Já na nova casa, quando entramos nela encontramos uma caixa, e dentro dela tinha vários coisas. Adivinha o que tinha no fundo? A merda da boneca. Chamamos um padre para abençoar a casa e depois desse dia a boneca nunca mais fez nada .

Fim.

O estranho que a boneca não nos assombra mais, mas ela não nos larga mais. Mesmo se jogarmos fora, ela aparece! Temos medo sim, mas agora ela esta jogada no fundo da mesma caixa com um monte de objetos por cima. E como agora eu sou religiosa, nós vamos a igreja. O interessante é que nossa casa agora é um sobrado, e não sei como conseguimos comprar, mas conseguimos...

Foto real da boneca de pano...

Comentários