12 de janeiro de 2016

Misteriosa "Criatura" Assusta Moradores do Vilarejo de Boliyar, na Índia


Por Marco Faustino

No ano passado vi uma notícia onde dizia que um "extraterreste de pequeno porte" teria causado pânico entre os moradores de um pequeno vilarejo na Índia. Considerando que principal fonte em inglês sobre esse assunto era um site que não se preocupa com a veracidade do que é publicado, resolvi me aprofundar um pouco mais nesta notícia e trazê-la com um pouco mais de conteúdo, com maior seriedade e verificando realmente a sucessão de incidentes desde o acontecimento do fato, até sua respectiva divulgação. Vamos saber mais sobre esse assunto?

Este caso teria acontecido em uma região do pequeno vilarejo de Boliyar, na região administrativa de Mangaluru (ou Mangalore), no distrito de Dakshina Kannada, do estado de Karnataka, que por sua vez localiza-se na região sudoeste da Índia. Para que vocês tenham uma noção, a cidade portuária de Mangaluru é a maior cidade comercial do distrito de Dakshina Kannada, abriga o maior porto da Índia (responsável por cerca de 75% das exportações de café e castanha de caju daquele país), e fica apenas a cerca de 30km de distância do vilarejo de Boliyar.

Imagem do Google Maps mostrando a distância entre a cidade de Mangaluru e o vilarejo de Boliyar
Entretanto, o vilarejo de Boliyar é uma região extremamente rural, carente de recursos e serviços básicos de saúde, contando apenas com pessoas humildes. Uma densa vegetação, principalmente de floresta, ocupa a maior parte do território. Não há dados oficiais disponíveis que estimem a população do vilarejo, porém o site Daijiworld, que pertence a Daijiworld Media Network, disse que a região de Mampadi Odakinakatte, localidade no vilarejo de Boliyar onde os avistamentos teriam acontecido, possui cerca de 300 habitantes. Um dado importante é que as casas, pelo menos desta área do vilarejo, sequer possuem energia elétrica (não sabemos a situação das demais). A região de Mampadi Odakinakatte aparentemente também não possui postes de luz, apesar que em algumas fotos divulgadas em sites de notícias é possível ver postes e fios de alta tensão.

A região de Mampadi Odakinakatte aparentemente também não possui postes de luz, apesar que algumas fotos divulgadas
em sites de notícias é possível ver cabos postes e fios de alta tensão.
O idioma oficial do estado de Karnataka é o canarês, também conhecido como canará ou canada (kannada), que é uma das principais línguas dravídicas do sul da Índia e uma das mais antigas do país. Isso, é claro, dificulta e muito a tradução deste idioma para o inglês, ou seja, para que possamos ter uma melhor compreensão da realidade da notícia. Afinal, quando o tema retrata algo sobrenatural ou ufológico, naturalmente existe um certo "exagero" para fazer com que uma notícia simples se torne um fenômeno digno de ser divulgado nos princípais sites e pelas agências de notícias espalhadas pelo mundo.

Imagem do Google Maps mostrando território do vilarejo de Boliyar
A região de Mampadi Odakinakatte, localizada no vilarejo de Boliyar, possui um templo e um Sri Rama Bhajan Mandir nas proximidades. Nesse ponto é necessário explicar que o termo "mandir" é o nome hindu para um lugar de culto ou oração. Durante séculos, o mandir manteve-se como um centro da vida - um lugar comum dentro de uma comunidade, onde as pessoas esquecem suas diferenças e se unem voluntariamente para servir a sociedade.

Templo Hindu do vilarejo de Boliyar

Sri Rama Bhajan Mandir do vilarejo de Boliyar
Aliás, o mandir acaba tornando-se um centro de aprendizagem sobre o homem, a natureza e Deus. Um local onde as pessoas celebram os festivais ou procuram refúgio em tempos difícies. A música, a literatura e as artes plásticas também são celebradas. No caso da região de Mampadi Odakinakatte, a mesma possui um mandir voltado mais para a música, e um tipo de cântico devocional hindu, o bhajan.

Na noite do dia 5 de dezembro, um sábado, uma mulher chamada Vasanthi, esposa de um homem chamado Purushotham, havia participado de um encontro religioso no mandir, algo que habitualmente fazia, e estava caminhando de volta para sua casa, que não ficava muito distante. Em determinado momento ela ouviu alguns ruídos em meio a vegetação ao longo da estrada, que fazia parte de seu caminho, porém pensou que fosse um animal doméstico, tal como um cachorro.

Vasanthi, uma das moradores que avistou a suposta "criatura", que
muitos sites denominaram como "extraterrestre"
Tão logo ela sentiu que estava sendo seguida, ela se virou e viu uma criatura, a qual ela presumiu que fosse um animal. Lembrando que não há energia elétrica na região, e o máximo de luminosidade natural que ela poderia ter, seria devido a lua minguante no céu (caso estivesse limpo).

Quando Vasanthi resolveu olhar mais atentamente, ela ficou em estado de choque, pois notou que a criatura tinha o tamanho de uma criança, um rosto semelhante a uma figura humana e uma voz que lembrava muito a de uma criança, porém falava em uma linguagem desconhecida.

Evidentemente, diante de tal situação, ela começou a correr em direção a sua casa, uma vez que ela tinha medo de ser agarrada (uma mulher caminhando sozinha em uma área rural na Índia, ainda que casada, tem motivos para se preocupar, ainda mais considerando a quantidade de estupros que ocorrem naquele país).

Alguns sites indianos dizem que a criatura seguiu Vasanthi até sua casa e depois fugiu em direção a densa floresta, já outros dizem que a criatura fugiu assim que a mulher começou a entrar em pânico. De qualquer forma muitos relatam que a família de Vasanthi disse que poderia se tratar simplesmente de um animal selvagem. Nas entrevistas realizadas com os moradores é difícil saber se eles usam o termo "alienígena" ou "extraterreste" em seus depoimentos, porém o site de notícias Daijiworld, foi um dos primeiros a mencionar a palavra "alien" em sua respectiva notícia sobre o caso.

Vejam o vídeo publicado no site EENADU Índia, assim como a cobertura do caso realizada pela Public.TV, pelo menos para terem uma noção, porque ambos estão em canarês:



Na noite seguinte, 6 de dezembro, um domingo, um outro morador também compartilhou uma experiência semelhante. Um homem chamado Iqbal ouviu uma voz que nunca tinha ouvido antes. Então, ele saiu de sua casa e avistou uma criatura correndo sobre duas pernas, semelhante a uma criança, indo em direção ao templo local. Iqbal gritou por ajuda, mas até que outros moradores saíssem de suas casas e fossem ao seu encontro, a criatura teria alcançado a floresta e por fim desaparecido.

O morador local chamado Iqbal, umas das pessoas que avistaram a suposta "criatura"
Um ponto interessante desta história é que alguns sites apontam que moradores disseram que a criatura fazia um som muito alto, semelhante ao choro copioso de uma criança. Ainda assim, alguns sites preferiram mencionar a palavra "alien" ao invés de cogitar a possibilidade de ser uma criança, que poderia ter sido rejeitada pelos pais por algum motivo. A imprensa diz que esse termo teria sido utilizado pelos moradores mais jovens, porém seria perfeitamente normal que a mídia citasse dessa forma para chamar mais atenção. O mais estranho, é claro, que a suposta "criatura" ou suposto "alienígena" em nenhum momento foi avistado durante o dia.

Ainda foi relatado que a "criatura" apareceu perto de uma casa em construção no vilarejo. Um jovem tentou seguir a criatura e capturá-la, mas ela entrou na densa floresta, quando viu a luz de uma tocha que ele estava segurando. O site de notícias Udayavani.com chegou a dizer que três jovens fizeram rondas noturnas durante dois dias na tentativa de capturar a criatura, porém desde aquela época ela nunca mais foi vista.

Ainda foi relatado que a "criatura" apareceu perto de uma casa em construção no vilarejo
A imprensa indiana local compareceu em bom número na noite de 8 de dezembro, uma terça-feira, na tentativa de localizar a criatura, mas a densa vegetação dificultou bastante essa "missão". Após meia hora de buscas os repórteres teriam desistido. Um dos moradores chamado Melwyn chegou a dizer, com certo otimismo, que sentar e aguardar em silêncio ajudaria a encontrar a criatura. O site Kemmannu.com chegou a citar que o Departamento Florestal, o Departamento de Polícia e Administração Distrital de Dakshina Kannada teriam sido chamados para investigar o assunto, com o objetivo de reduzir o "pânico" entre os moradores.

A imprensa indiana local compareceu em bom número na noite de 8 de dezembro, uma terça-feira, na tentativa de localizar
a criatura, mas a densa vegetação dificultou bastante essa "missão"
A maioria dos sites indianos não apontam para o que as pessoas no vilarejo de Boliyar teriam realmente avistado. Alguns mencionam que poderia ser um gorila, porém até onde sabemos a Índia não é o habitat deste tipo de primata. Outros mencionam que poderia ser um felino, porém os moradores dizem que a criatura se movia utilizando duas pernas. Isso sem contar, é claro, com o fato da suposta "criatura" ter a estatura de uma criança, rosto e voz semelhantes a de uma pessoa, e o relato de terem ouvido um choro alto também parecido com de uma criança. Agora, se fosse mesmo uma criança, mesmo que rejeitada, ela não apareceria durante o dia? Por que os relatos são sempre durante a noite, e não surgiram mais avistamentos desde então?

Sem dúvida alguma este é um caso bem estranho, porém a possibilidade de ser um "extraterrestre" me soa um tanto quanto longíqua e um certo exagero para chamar atenção. Alguns sites, assim como o "Mysterious Universe" tentaram "forçar a barra" ao citar o "Mande Barung", uma criatura criptozoológica que seria um "parente menos conhecido" do "Pé-Grande" e do "Abominável Homem das Neves", basicamente o "Pé-Grande" da Índia.

Concepção artística do chamado "Mande Barung", um "parente menos conhecido" do "Pé-Grande"
e do "Abominável Homem das Neves", basicamente o "Pé-Grande" da Índia.
Acredita-se que esta criatura lendária viva nas remotas colinas de Garo, na região nordeste da Índia e Bangladesh (absurdamente longe do vilarejo de Boliyar). Entretanto, segundo o site "Mysterious Universe" o "Mande Barung" poderia estar se deslocando devido ao desenvolvimento das cidades indianas, o desmatamento ou a mudança climática. Sinceramente, uma criatura semelhante ao "Pé-Grande" atravessando todo o território indiano com "sua família" sem ser avistada por ninguém, independentemente de qual seja a motivação, é muito ilógico. Não faz o menor sentido.

Enfim, Assombrados, caso haja alguma atualização sobre essa notícia, por mais que isso seja altamente improvável, manteremos vocês informados através de atualizações nesta mesma postagem, combinado?

Criação/Tradução/Adaptação: Marco Faustino

Fontes:
http://www.v4news.com/2015/12/ಬೊಳಿಯಾರ್-ನಲ್ಲಿ-ಜನರ-ನಿದ್ದ/
http://kannada.eenaduindia.com/State/DakshinaKannada/2015/12/10133338/Alien-found-near-Mangaluru-People-facing-fear.vpf
http://kannadigaworld.com/news/karavali/220592.html
http://mysteriousuniverse.org/2015/12/panic-hits-indian-village-as-many-see-small-alien/
http://www.daijiworld.com/news/news_disp.asp?n_id=371776
http://www.kemmannu.com/index.php?action=highlights&type=13476
http://www.seeandsay.in/tulunadu/ullal/5218-ullala-locals-spending-sleepless-nights-as-alien-spotted-in-a-field-near-boliyar
http://www.udayavani.com/english/news/mangaluru/121178/alien-alert-residents-boliyar-alleges-have-seen-strange-creature
Comentários