1 de dezembro de 2015

Será que OVNIs ou "Buracos de Minhoca" Realmente Foram Avistados no Céu da África do Sul?

Inscreva-se no canal clicando no botão abaixo:
.
Gostou? Então inscreva-se no canal para acompanhar os novos vídeos que for lançando. Eles são lançados primeiro lá, depois que vem pra cá :) Basta clicar neste link: http://goo.gl/CWAIes

Por Marco Faustino

Cada vez mais o mundo se torna digital, assim como cada vez mais as pessoas possuem smartphones com tecnologias mais avançadas nas mãos, para registrar seus momentos de maior descontração, íntimos e até mesmo de cunho sobrenatural. Ironicamente, quanto mais tecnologia temos, mais distante parece ficar um registro definitivo ou isento de quaisquer dúvidas, até mesmo dos mais céticos, de algo paranormal ou que não seja do nosso planeta, não é mesmo?

É com essa introdução que vamos começar essa postagem, e contar a verdade para vocês sobre os recentes avistamentos de OVNIs ou o que muitos denominaram como "buracos de minhoca", que teriam sido avistados no céu de diversas localidades da África do Sul, na noite do último sábado (28). O Twitter ficou repleto de postagens com a hashtag  #UFOSA, sendo que as imagens rapidamente viralizaram. Para muitos o que foi avistado não passava de um drone luminoso, já para outros seria apenas um teste de iluminação de um estádio de futebol. E se não fosse nem uma coisa, nem outra? Vamos saber mais sobre esse assunto?

Antes de prosseguirmos, precisamos dizer a vocês o que seria um "buraco de minhoca" (wormhole, em inglês). Esse termo faz referência a uma característica topológica hipotética do espaço-tempo. Essencialmente seria um "atalho" através do espaço e do tempo. Não entendeu nada? Vamos simplificar.

Imagine que todo o Universo é apenas a superfície de uma maçã. Pense em uma minhoca (ou considere como um verme) perambulando pela casca dela saindo do topo até sua parte inferior. Agora pense que ela estivesse atravessando em linha reta, por dentro da maçã. O caminho é menor, não é? Afinal a menor distância entre dois pontos é uma reta. Por analogia seria a mesma coisa que aconteceria se uma pessoa atravessasse um "buraco de minhoca", uma vez que ela pegaria uma espécie de túnel cósmico, um atalho, para o lado oposto do universo através deste túnel topologicamente incomum. Entenderam?

O "buraco de minhoca" (wormhole, em inglês), é um termo que faz referência a uma característica topológica hipotética
do continuo espaço-tempo. Essencialmente seria um "atalho" através do espaço e do tempo
Esse mesmo princípio que dissemos acima poderia ser aplicado até mesmo em relação a viagem no tempo. Aliás, a concepção artística do que se imagina ser um "buraco de minhoca" é muito parecida com a que se imagina em relação a buracos negros. Apesar de ambos distorcerem o espaço-tempo ao seu redor, o "buraco de minhoca" não teria um horizonte de eventos, a fronteira hipotética da qual nada consegue escapar de um buraco negro. Isto significa que algo poderia entrar no buraco de minhoca e sair novamente, o que não seria possível nos buracos negros (apesar de Stephen Hawking de vez em quando dizer que sim).

Fiz questão de adicionar essa parte inicial justamente para não ficar uma postagem que só diz o necessário e acabou. O objetivo é tentar passar o básico de conhecimento, para quem está lendo entender um pouco mais. Com toda certeza isso servirá como base em eventuais e futuras postagens, certo?

Agora que você já sabe um pouco mais sobre "buracos de minhoca" e seu respectivo formato hipotético, vamos continuar sobre os recentes "avistamentos" de OVNIs ou "buracos de minhoca" na África do Sul.

O Twitter ficou um tanto quanto movimentado na noite de 28 novembro deste ano (sábado passado), principalmente para os moradores de algumas localidades da África do Sul, uma vez que uma série de fotos noturnas de supostas localidades daquele país começaram a ser retuitadas. Nas fotos era possível ver o que seria uma espécie de objeto discóide luminoso esverdeado no céu, emitindo uma espécie de facho da mesma cor para baixo.

Diversos usuários no Twitter postaram fotos do que seria um avistamento de um OVNI ou um "Buraco de Minhoca",
no último sábado (28 de novembro)
Imediatamente muitos disseram que se tratava de um OVNI, que apesar do termo, claramente foi utilizado pelas pessoas para relacioná-lo a uma nave alienígena. Outros eram um pouco mais céticos e diziam que provavelmente era obra de alguém querendo assustar as pessoas ao utilizar um drone. Tivemos alguns que disseram que não seria um objeto, mas sim um "buraco de minhoca" e que alguma coisa estaria vindo ou saindo de nosso planeta através dele. Especulações não faltaram.

Supostos avistamentos de OVNIs ou "Buracos de Minhoca" teriam sido registrados na Cidade do Cabo (acima e à esquerda),
na cidade de Durban, próximo do "Moses Mabhida Stadium" (acima e à direita) e em Sandton, Joanesburgo (abaixo)
Um dos avistamentos teria acontecido na Cidade do Cabo. Assim sendo, o site de notícias News24 entrou em contato com o Observatório Astronômico da África do Sul, que por sua vez disse que as luzes deveriam ser parte de um teste de equipamentos de iluminação do "Cape Town Stadium", uma vez que tinham ouvido alguma coisa sobre isso no rádio, na manhã de sábado. O Estádio da Cidade do Cabo está situado em Green Point, na península da Cidade do Cabo, África do Sul, e foi construído para a Copa do Mundo de 2010. Embora, é claro, uma das fotos que estavam sendo viralizadas indicasse outro estádio, o Moses Mabhida Stadium, na cidade de Durban, a mais de 1.600 km da Cidade do Cabo.

Vale ressaltar nesse ponto, que o "Cape Town Stadium" sediará a segunda etapa (torneio), chamada "HSBC Cape Town 7s", da Série Mundial de Sevens da IRB, o circuito mundial de Rugby Sevens, que por sua vez é uma variante do rugby sancionada pela World Rugby (entidade máxima do rugby) jogado com apenas sete jogadores em cada time e em dois tempos de sete minutos cada. Esse evento será realizado nos dias 12 e 13 deste mês, sendo que a primeira etapa será realizada em Dubai, uma semana antes, nos dias 4 e 5, ou seja, na próxima sexta-feira e sábado.

Tweet do "HSBC Cape Town 7s" considerado por Marlon Kruger,
como uma espécie de "marketing oportunista"
Entretanto, considerando que um dos avistamentos teria sido em uma suposta rodovia da Cidade do Cabo, Marlon Kruger, porta-voz da União Sul-Africana de Rugby (SARU), entidade filiada a World Rugby e responsável por gerir a prática profissional do esporte na África do Sul, entrou em cena.

Em entrevista ao site News24, ele disse que não tinha conhecimento de quaisquer testes de equipamentos de luz no "Cape Town Stadium", no sábado, justamente quando as luzes teriam sido avistadas.

"É provavelmente algum tipo de campanha de marketing, mas não sabemos nada sobre isso. Se fosse um teste, eu teria conhecimento", disse Marlon Kruger, ressaltando que a conta oficial do Twitter do "HSBC Cape Town 7s", utilizou o incidente da misteriosa luz como uma espécie de "marketing oportunista".

"Foi apenas para se aproveitar dessa situação", completou Kruger.

No domingo havia sido postado um tweet deles dizendo: "Há relatos que um OVNI foi avistado na Cidade do Cabo na noite passada. O mundo está vindo para Cidade do Cabo. Conheça o Comitê de Boas-Vindas".

Entretanto, outras pessoas apontavam que teriam avistado o objeto em localidades como Joanesburgo, Durban e Sandton, ou seja, não poderia ser um mero teste de iluminação de um estádio. Muitos usuários, no entanto, questionavam que só estavam sendo divulgadas fotos. Ninguém havia filmado o suposto objeto? Muitos declararam que sequer tinham o avistado. Não havia vídeos. No máximo foram realizadas duas postagens do que seriam vídeos bem estranhos de cerca de 3 segundos, que nem mesmo vale a pena mencionar aqui.

De qualquer forma, foi no meio de toda essa confusão que a verdade começaria a emergir.

A Verdade Sobre as Fotos dos Avistamentos na África do Sul Começa a Aparecer


Um blog italiano chamado "UFO of Interest", através de sua conta de Twitter, começou a tentar desmistificar o que estava acontecendo. No domingo (29) eles postaram que uma das fotos viralizadas no dia anterior não tinha qualquer relação com a África do Sul. A imagem na verdade foi extraída de um vídeo gravado por Josh Sherbone, na noite do dia 11 de fevereiro deste ano, utilizando uma câmera acoplada no painel do seu carro. Ele estava trafegando em uma rodovia na cidade de Tauranga, na Nova Zelândia.

O vídeo mostra a movimentação do carro pela rodovia até que algo aparece no canto superior direito da tela, logo entra em combustão e ilumina o céu. De acordo com especialistas locais, o brilho exibido pelo trecho final do registro era o resultado de uma provável explosão. O evento ocorreu por volta das 22h (horário local), e, além da forte luminosidade, uma espécie de estrondo sônico foi ouvido em seguida. Na ocasião, a Defesa Civil de Auckland disse que muito provavelmente se tratava apenas de um meteoro. Veja o vídeo:



Noel Manford, da Sociedade Astronômica de Palmerston North, estimou na época que o meteoro teria o tamanho de uma bola de críquete (cerca de 22cm de circunferência), e que estava viajando a cerca de 144.000 km/h. Uma astrônoma chamada Grant Christie, que chegou a ver o meteoro enquanto estava dirigindo de volta para sua casa, disse que provavelmente o mesmo teria "explodido" a cerca de 30km de altura e estava viajando "a cerca de 30 vezes mais rápido, que a velocidade de uma bala". Agora compare ambas as fotos:

Imagem original do vídeo gravado por Josh Sherbone, na noite de 11 de fevereiro de 2015, na Nova Zelândia (acima),
e a foto supostamente tirada no último sábado (28 de novembro) por alguém na Cidade do Cabo, na África do Sul (abaixo).
Se vocês repararem bem, até mesmo montanhas foram acrescentadas no fundo da imagem
Uma outra foto, apesar da localidade pertencer a Cidade do Cabo, também foi declarada como falsa. Isso porque a imagem base para ser utilizada e adicionar o suposto objeto luminoso da foto, foi extraída do site Getty Images, que por sua vez é banco de imagens, que fornece imagens para empresas e consumidores com um arquivo com mais de 80 milhões de imagens, ilustrações e mais de 50.000 horas de vídeos. Neste caso a imagem pertence a uma tomada descendente e inclinada mostrando carros estacionados, e o respectivo tráfego na Long Street, na Cidade do Cabo. Compare ambas as fotos:

  Foto originalmente extraída do site Getty Images mostrando carros estacionados e o tráfego na Long Street,
na Cidade do Cabo (acima), e a foto supostamente tirada por alguém no sábado (28) mostrando o "OVNI"
emitindo uma luz esverdeada no céu
Resumindo, se duas fotos publicadas em horários próximos eram falsas, muito provavelmente, para não dizer evidemente, que as demais imagens também teriam sido manipuladas digitalmente. Entretanto, se sabemos que tudo isso é mentira, com qual finalidade tudo isso foi viralizado?

O Caso é Finalmente Solucionado


Como se toda essa situação não bastasse, na manhã de hoje (1) o site do jornal australiano Sandton Chronicle noticiou que motoristas que passavam pelo cruzamento da avenida "Sandton Drive" com a rua William Nicol, teriam visto o que chamaram de "um cenário de queda de um OVNI".

Foto do suposto OVNI que teria caído na manhã desta terça-feira no cruzamento entre a avenida "Sandton Drive"
e a rua William Nicol, em Sandton, na África do Sul
Algumas pessoas passaram a tirar fotos e questionar no Twitter, o que aqueles homens vestindo roupas de proteção contra perigos químicos e biológicos estariam fazendo no local. Até mesmo um vídeo foi postado no Youtube, que não teve tanta repercussão assim (a descrição do mesmo mudou enquanto eu escrevia essa notícia, uma vez que o caso havia sido solucionado). Confira:



O jornalista sul-africano Alex Eliseev chegou a apontar em sua conta no Twitter, que o local na verdade era um set montado para a gravação de um filme (que pode ser interpretado como comercial), e pouco tempo depois a farsa foi revelada.

A "Clover and FutureLife", que na verdade é um joint venture, ou seja, um empreendimento conjunto formado no ano passado pelas empresas Clover e FutureLife, finalmente anunciou que estava por trás dessa história. Tudo que aconteceu desde sábado, se tratava apenas de uma campanha publicitária para promover uma bebida chamada "Smart Drink" ("Bebida Inteligente", em português). Veja também dois vídeos postados no Facebook da "Smart Drink SA", clicando aqui e aqui.

David Sweidan, diretor de marketing da Futurelife, disse que a agência contratada para a campanha, a Joe Public, teria utilizado projetores de luz a partir do solo, para criar as luzes esverdeadas no céu. As luzes de "OVNIs" começaram na Cidade do Cabo, e em seguida foram para Durban, Soweto, Sandton Joanesburgo, até que culminasse em um incidente envolvendo "a queda de um OVNI" em Sandton, na manhã desta terça-feira.

Tweet desta terça-feira (1) da Smart Drink SA mostrando a bebida que eles encontraram dentro do OVNI,
que teria caído em Sandton, Joanesburgo, na África do Sul
Essa história foi parcialmente confirmada por Adam Weber, Diretor de Criação da Joe Public, ao afirmar que o cenário da "queda de um OVNI" era parte de uma campanha de lançamento do "Smart Drink"  por parte da "Clover and FutureLife". Weber ainda disse que ao longo dos últimos dois dias, avistamentos de OVNIs foram encenados em todo o país, sendo que o primeiro local selecionado teria sido Joanesburgo, e as pessoas foram orientadas a twittar usando a hashtag #UFOSA.

A avenida "Sandton Drive" foi o local escolhido como último destino do "OVNI", tendo a premissa que as pessoas pudessem "descobrir" que um nave espacial alienígena teria caído. Assim sendo, elas poderiam olhar para dentro dela e descobrir a bebida "futurista" denominada como "Smart Drink". Entretanto, é visível que as fotos foram apenas manipuladas digitalmente e algumas pessoas e blogs foram pagos para propagar o viral, afinal em uma das fotos é possível notar que acrescentaram uma montanha, que não exista na foto original, ou seja, não utilizaram equipamento algum.

Apesar do site oficial afirmar que a "Smart Drink" é uma bebida cientificamente formulada para todos aqueles que vivem uma vida agitada, e que ela é uma "deliciosa fonte de energia, proteína, cálcio, 12 vitaminas e 18 aminoácidos", muitos reclamaram da campanha, dizendo que faltou um pouco de inteligência para criar um viral melhor. Realmente, já vimos melhores.

Até a próxima, Assombrados!

Criação/Tradução/Adaptação: Marco Faustino

Fontes:
http://capricornreview.co.za/72875/ufo-sightings-over-sa-hoax-or-not/
http://heavy.com/news/2015/11/was-a-ufo-sighting-seen-in-cape-town-south-africa-ufosa-photos-video-twitter/
http://metro.co.uk/2015/11/30/this-glowing-green-flying-saucer-has-made-sane-people-lose-their-minds-5534176/
http://mybroadband.co.za/news/general/147955-ufo-over-cape-town-remains-a-mystery.html
http://mybroadband.co.za/news/general/148007-ufo-in-cape-town-explained.html
http://sandtonchronicle.co.za/137531/breaking-news-ufo-crash-in-sandton/
http://www.citizen.co.za/889539/clover-ufo-crashes-in-sandton/
http://www.express.co.uk/news/science/623075/PICTURED-Mass-green-UFO-sightings-Cape-Town-Twitter-meltdown-portal-wormhole
http://www.gettyimages.it/detail/video/tilt-down-to-parked-cars-and-traffic-on-long-street-cape-video-stock/1BT8460_0157
http://www.huffingtonpost.com/2015/02/11/meteor-explodes-aukland-new-zealand_n_6665924.html
http://www.news24.com/SouthAfrica/News/still-no-answers-on-mysterious-green-ufo-lights-in-cape-town-20151130

http://www.news24.com/SouthAfrica/News/new-ufo-sighting-in-sandton-a-fake-20151201
https://twitter.com/darrynvdwalt/status/670898865982283776/photo/1?ref_src=twsrc%5Etfw
https://twitter.com/ufoofinterest

http://twitter.com/smartdrinkSA
https://www.youtube.com/watch?v=-0MM7otVV_U
https://www.youtube.com/watch?v=kFthktdhpaw
Comentários