23 de novembro de 2015

Anomalias Térmicas são Encontradas na Grande Pirâmide

Inscreva-se no canal clicando no botão abaixo:
.
Gostou? Então inscreva-se no canal para acompanhar os novos vídeos que for lançando. Eles são lançados primeiro lá, depois que vem pra cá :) Basta clicar neste link: http://goo.gl/CWAIes

Um dos vários tipos de câmera FLIR
E o ser humano segue tentando decifrar o mistério das grandes pirâmides. Especialistas de Egito, França, Canadá e Japão estão procurando compartimentos secretos nas pirâmides em uma missão conhecida "Scan Pyramids", lançada oficialmente em 25 de outubro de 2015.

O projeto funciona com os cientistas fazendo o mapeamento infravermelho das pirâmides, usando aquelas câmeras termais, a FLIRK, e sensores sofisticados.

Durante 2 semanas eles filmavam as pirâmides com elas durante o nascer e o por do sol, quando as pedras de calcário usadas para a construção esquentam e esfriam, e assim, conseguiam ver se havia anomalia térmicas nelas.

E foram observadas diversas anomalias durante as fases de aquecimento e esfriamento nas 4 pirâmides estudadas: Quefren, Queóps no planalto de Gizé e duas pirâmides em Dahshur, todas no sul de Cairo. Só que uma anomalia é particularmente impressionante e fica localizada no lado leste da pirâmide de Quéops, ao nível do solo.

Alguns blocos de pedras apresentam até 6 graus de diferença com os blocos vizinhos. Isso se traduz sobre as imagens da câmera térmica pelo surgimento das cores quentes, enquanto o resto do monumento é digitalizado cores frias de azul para magenta.

Da Esquerda para Direita: Pirâmide de Miquerinos, Quéfren e Queóps

Imagem mostra os blocos vermelhos mais quentes que aos ao redor. Os cientistas ainda não sabem explicar o que está acontecendo.


E como foi na grande pirâmide que foi encontrada a anomalia, é claro que o Egito, que precisa do turismo como fonte de renda, fez questão de fazer um grande evento para divulgar a descoberto. Até o ministro de Antiguidades do Egito, Mahmoud Eldamaty, se pronunciou, assim como o chefe do projeto "Scan Pyramids".

O que estaria causando as anomalias? Ninguém sabe ainda, mas algumas das hipóteses são:

- a existência de áreas "ocas" no interior da pirâmide,
- correntes de ar internas
- variações no uso dos materiais de construção.

Este projeto, que deve durar até o final de 2016, é uma nova tentativa de esclarecer o sigilo em torno da construção das pirâmides.

Para quem quiser saber mais sobre as pirâmides de Gizé, fiz um especial bem legal sobre elas. É só dar play abaixo :)


.
Fontes (acessadas em 23/11/2015): 
- G1: Anomalias térmicas são encontradas na pirâmide de Quéops, no Egito
- OVNIHOJE.com: Anomalias são encontradas em pirâmides do Egito, após varredura térmica
- The Guardian: Thermal scan of Giza pyramids may point to hidden tombs
- Youtube: Thermal scans reveal anomalies in Egypt's pyramids of Giza
- BBC: Cientistas identificam pontos de calor misteriosos no interior de Grande Pirâmide do Egito
Comentários