8 de outubro de 2015

Mulher Que Coleciona Bonecas Assombradas Diz Que Duas Delas Atacaram Seu Namorado Enquanto Dormia


Por Marco Faustino
 
Uma jovem americana perdidamente apaixonada por atividades paranormais revelou que ela tem uma coleção de mais de 100 bonecas assombradas, as quais ela ama tanto que se fosse necessário escolher entre elas ou o seu namorado, ela iria preferir ficar com suas bonecas.

A mulher chama-se Ashley Nicole-Fine, tem 24 anos, e mora na cidade de Leeds, Alabama, nos Estados Unidos. Ela possui um quarto em sua casa inteiramente dedicado à sua extensa coleção de bonecas, um tanto quanto "espirituosas", sendo que precisou de 12 anos para deixá-las do jeito que é hoje em dia. Isso porque seu namorado a proibiu de mantê-las em um outro quarto onde dormem. Qual o motivo? Duas de suas bonecas supostamente o atacaram enquanto ele dormia. Vamos saber mais sobre esse assunto?

De acordo com Ashley, duas de suas bonecas são assombradas pelos espíritos de mulheres que foram assassinadas por seus namorados, logo elas odeiam todos os homens, incluindo seu namorado Phillip Baston, que possui 25 anos de idade.

"Eu tive minhas meninas por mais tempo ao longo da minha vida do que o Phillip. Amo minhas bonecas mais do que a maioria das coisas dessa vida", disse Ashley.

"Ele sabe que eu iria colocá-las em primeiro lugar, acima de qualquer coisa", completou.

A jovem americana Ashley Nicole-Fine (à direita), ao lado de seu
namorado Phillip Baston (à esquerda)
Ashley vem colecionando bonecas desde os 8 anos de idade, e ganhou sua primeira boneca assombrada quando tinha cerca de 12 anos. Ela acredita que uma de suas bonecas, a Violet, seja assombrada pelo espírito de uma garotinha chamada Angie que morreu por volta do ano de 1500.

"Quando eu toquei nela pela primeira vez, tive uma visão enquanto dormia sobre como ela tinha falecido", disse Ashley.

"A menininha, a Angie, estava jantando com sua família, e alguém entrou. Estou presumindo a partir do sonho, que eles foram baleados ou alguma coisa assim. Isso porque tudo que eu vi foi que eles se sentaram para jantar, e logo em seguida, houve um estrondo. Depois disso vi a imagem da boneca em uma poça de sangue", completou.

Quando ela acordou na manhã seguinte, após ter o que ela chama de "sonho vívido", a boneca Violet, que estava dormindo sobre seu travesseiro, havia desaparecido. Não estava mais sobre sua cama.

"Eu a encontrei no chão, virada para cima na mesma posição que ela estava no sonho. Foi muito emocionante. Não me espanto facilmente quando coisas assim acontecem e elas acontecem muito", continuou.

Uma outra característica de Violet é sua caixinha de música que é acoplada na boneca, que muitas vezes começa a tocar sozinha. A jovem afirma que as notas melancólicas de Lullaby de Brahm ecoam pela casa aparentemente sem nenhuma razão.

"Você precisa fazer um certo esforço para virar uma pequena chave em suas costas para que a música comece a tocar, porque ela é uma linda boneca bem antiga. Não há nenhuma explicação física para tal coisa", seguiu dizendo.

Enquanto as "brincadeiras" de Violet parecem surtir um efeito positivo, o mesmo não pode ser dito de duas bonecas mal-intencionadas, as quais Ashley alega que ambas possuem um sentimento muito agressivo em relação aos homens.

Algumas das bonecas que pertencem a Ashley Nicole-Fine. As fontes não deixam claro se foram essas duas que aparecem
nas fotos que foram as responsáveis por supostamente "atacar" seu namorado, Phillip Baston
"Minha Mirabella e sua amiga Setha são negativas. Eu não chamo elas de "más", porque o "má" sugere a possessão demoníaca de uma boneca, algo que seria extremamente perigoso", disse Ashley.

"Em relação a essas duas pequenas senhoras, é mais do que apenas um mero sentimento. Quando eu peguei elas e as trouxe para casa, notei que elas se movimentavam bastante. Eu estava começando a ficar nervosa, porque o Phillip estava andando com arranhões, que ele não tinha antes de ir dormir", continuou.

"Os arranhões não eram grandes. Eram pequenos arranhões, mas era o suficiente para me causar preocupação. Era necessário descobrir quem estava fazendo isso", completou.

A jovem alega que conversou com suas bonecas e elas lhe disseram que tinham atacado Phillip, porque detestavam homens e ambas tinham sido mortas por seus amores."Mirabella tinha sido estrangulada por um amante ciumento, e ela me disse que foi atirada em um lago", explicou Ashley.

A jovem americana sempre teve uma forte ligação com o "outro lado". Quando ela era criança, sua mãe Sandy, 53 anos, a observava por diversas vezes na creche, estando afastada das demais crianças, balbuciando alguma coisa em direção ao teto ou algum canto.

Sandy sempre foi bem tranquila em relação ao interesse da filha pela paranormalidade, ao contrário de outras pessoas de sua família, que sempre se sentiram profundamente desconfortáveis em relação a isso.

Segundo Ashley, seria por essa espécie de "sintonia fina" com o mundo espiritual, que as bonecas se sentem a vontade para revelar suas respectivas histórias para ela, sendo que algumas dessas foram maculadas por tragédias obscuras e sangrentas.

Ashley vem colecionando bonecas desde os 8 anos de idade, e ganhou sua primeira boneca assombrada quando tinha cerca de 12 anos.
Ela acredita que sua mais recente aquisição, uma boneca chamada Annabelle, que foi dado a ela como presente de aniversário da tia de seu namorado Phillip, é habitada pelo espírito da filha de um proprietário de escravos, que vivia em uma fazenda e foi brutalmente morta pelas mãos de seu próprio irmão.

"Não sei se ela já possuía algum espírito quando a recebi, mas certamente ela possui um agora. Talvez estar na presença de outras bonecas, um tanto quanto ativas, tenha feito com que ela se tornasse 'espirituosa'", disse Ashley.

"Sempre quando se tem bonecas espirituosas ou assombradas em casa, é aberto um portal para o outro lado. Assim como sempre fui um chamariz para os espíritos também. Provavelmente isso a ajudou se manifestar", completou.

O primeiro sinal que Annabelle não era uma boneca normal, surgiu apenas semanas após ela ter chegado em sua nova casa. Foi quando ela começou a se mover misteriosamente, mudando de posição na frente do computador, assim que Ashley virava de costas. A jovem também alega que ouvia som da risada de uma menina desconhecida que vinha do quarto de sua boneca.

"Eu conheço muito bem as risadas delas, mas eu comecei a ouvir uma outra risada. Tinha que ser a Annabelle", disse Ashley.

"Entretanto, elas nunca riem quando estou no quarto. Eles não gostam de dar espetáculo, a menos que eu esteja fora do quarto", continuou.

"Eu moro com meu parceiro e nossos cães, por isso não poderia ter sido mais ninguém. Há casas nas proximidades, mas não perto o suficiente ao ponto de ouvir uma risada dentro da minha casa", completou.

Ashley acredita que uma de suas bonecas, a Violet (à direita), era assombrada pelo espírito de uma garotinha
chamada Angie que morreu por volta do ano de 1500.
Após os incidentes da boneca se mover sozinha e do novo distinto som de risada, que ecoava em seu quarto, Ashley ficou curiosa e decidiu fazer o que ela chama de "leitura" em Annabelle. Entrando em um estado meditativo, ela disse que tal leitura visa se comunicar com o espírito específico dentro de uma boneca, sendo que é algo que ela sempre faz no quarto de suas bonecas especiais.

"O quarto das bonecas possui mais energia, então me sento com as pernas cruzadas no chão, com a boneca junto a mim, segurando-a como um bebê ou então com uma de suas mãos sobre mim, uma vez que isso ajuda com os espíritos mais antigos", disse Ashley.

"Os espíritos mais novos não se importam de serem tratados e segurados como bebês, porque são jovens, mas os mais antigos não gostam de todo esse mimo", completou.

Então ela fecha os olhos, e imagina a si mesma e a boneca flutuando em uma bolha branca rodeada por uma luz branca, para manter distante quaisquer forças das trevas.

"Quando você está chamando um espírito, você corre o risco de chamar a atenção para algo que não é bom. Eu não quero algo assim na minha casa, então eu me cerco de luz. Se houver algo obscuro ou sombrio em uma boneca, eu removo imediatamente", disse Ashley.

A jovem disse que ao fazer essas sessões com sua boneca Annabelle, ela descobriu que o espírito dela é de uma menina de 10 anos de idade, que era a filha do proprietário de uma plantação no Alabama. Certo dia ela disse que teve uma visão, embora estivesse acordada, e que a levou a acreditar que a menina teve um fim violento nas mãos do próprio irmão.

"Após a visão tentei fazer o meu melhor para acalmá-la, mas ela estava muito chateada. Eu digo a todas as minhas bonecas que eles estão seguras agora. Elas não precisam mais sentir medo", finalizou Ashley.

Ela disse que não tem nenhuma razão para acreditar que Annabelle seja maligna, ao contrário de sua homônima possuída do filme "Invocação do Mal". Desconsiderando, é claro, as outras duas bonecas, que segundo ela, apresentam comportamento "negativo".

Tradução/Adaptação: Marco Faustino

Fontes:
http://www.dailymail.co.uk/femail/article-3264343/Man-bans-girlfriend-s-collection-haunted-dolls-bedroom-claiming-two-attacked-sleeping-hate-men.html
http://www.mirror.co.uk/news/real-life-stories/womans-haunted-dolls-attacked-boyfriend-6587978
Comentários