21 de setembro de 2015

O Fantasma do Rali

Inscreva-se no canal clicando no botão abaixo:

.
Gostou? Então inscreva-se no canal para acompanhar os novos vídeos que for lançando. Eles são lançados primeiro lá, depois que vem pra cá :) Basta clicar neste link: http://goo.gl/CWAIes

Em janeiro de 2015, vários sites de notícias na internet divulgaram um estranho vídeo mostrando um "fantasma que perseguia" um veículo... Enquanto o vídeo e a notícia corriam como fogo em palha seca pelas redes sociais, ninguém parecia se interessar pela identidade dos supostos pilotos, seus nomes, idioma, nacionalidade, etc.

Nem as coordenadas exatas do acontecimento foram divulgadas. Os grandes sites de notícias não deram quase nada de detalhes, como por exemplo, mencionar a escuridão da noite em que se encontravam submersos os supostos competidores ou que o motorista parecia mover o veículo aparentemente fazendo enfurecer o espectro enquanto seu colega perdia o controle em pranto.

Em algum momento, alguém disse que o caso havia ocorrido próximo da fronteira entre a Argentina e a Bolívia, em uma estrada deserta na Rússia, no Reino Unido, ou no deserto durante o Rali Dakar. A grande maioria era forçada a tirar suas próprias conclusões se baseando unicamente em um vídeo de média qualidade de autor desconhecido e que fedia a pura manipulação.

Viral

 Mesmo assim, apesar da "fragrância de perfume Fake número 5", o vídeo movimentou milhares de pessoas pela web mundial compartilhando mais e mais até chegar aos dias de hoje, ou seja, vários meses depois.
Muitos meios de comunicação notificaram que o caso teria ocorrido em Blackburn, Reino Unido, publicado na internet em 8 de janeiro de 2015, por um grupo de amigos que queriam fazer uma brincadeira:

.
Lendas urbanas

Esse vídeo não apenas se tornou viral, mas também deu vida às lendas urbanas de diferentes países graças à falta de informação dos meios de comunicação.

No vídeo podemos ver uma pessoa de cabelo comprido, vestida de branco que se encontra no meio da estrada atuando de forma estranha e assustando duas pessoas que filmaram a cena:

O vídeo original 
.
O vídeo original foi publicado  em 28 de novembro de 2014 pelo usuário 18seven, bem antes da imprensa marrom lançar o caso como uma notícia extraordinária,

A partir desse vídeo, vários usuários no Youtube copiaram e re-publicaram em seus canais, depois, os meios de diferentes países tomaram a história e deram um caráter de acordo às lendas urbanas de seus países,

Logo, vários meios de comunicação do México e América do Sul, venderam a ideia de que se tratava de "La Llorona", a qual, de acordo com o folclore mexicano, é a alma em penúria de uma mulher que assassinou ou perdeu os seus filhos, e vaga procurando-os pelas noites assustando às pessoas por seu tenebroso choro. Ao que parece, compraram bem a ideia bastando ver o quanto compartilham até hoje.

Nas redes sociais da web Brasil, o vídeo chegou a ser compartilhado como sendo um "Fantasma da Rússia". Outros meios chamaram de "o fantasma da noiva", ou "bruxa confrontada pela polícia" na Ásia e assim, a história foi se deformando como na "brincadeira do telefone".

A investigação

Como já mencionado, o vídeo original foi publicado pelo usuário 18seven em 28 de novembro de 2014, e originalmente foi gravado no deserto de Al-Mutla'a, no Kuwait e não na Inglaterra, México, Colômbia, Chile, etc., como os meios tentaram nos empurrar goela abaixo. As pessoas do vídeo aparentemente falam em árabe. Também cabe frisar que o vídeo original foi publicado, na época, na categoria de comédia.

De acordo com a pouca informação disponibilizada na descrição do vídeo original, também não se trata de uma mulher que muitos relacionaram com a "llorona", o "fantasma da noiva", a "bruxa" etc. Mas sim, que se trata de um idoso.

Este que vos escreve, tentou entrar em contato com o autor do canal do vídeo original, mas até a data deste artigo, não obtive resposta.

Algumas fontes no twitter e reddit, dizem que o vídeo seria um projeto de filme de estudantes enquanto que outros diziam que era um projeto local relacionado a um filme amador.

Um usuário que viveria na região e que também publicou o vídeo um dia após o original, teria dito que era uma pegadinha baseada em uma lenda urbana local e havia sido feita para assustar às pessoas que trabalhavam perto e aos rapazes que passavam por aquele caminho com o objetivo de mostrar a eles que a lenda não era real.

Apesar dessas explicações, não há uma evidência provando a fraude, e o leitor compreende que às vezes é muito difícil ou até impossível de provar a inexistência de algo...

Agora, observando atentamente, se percebe a semelhança com outros vídeos de "fantasmas", em que sua imagem é muito clara e sólida, o "ser" emite ruídos e a semelhança é notável com os "fantasmas" de filmes de Hollywood e principalmente com filmes asiáticos, com cabelos longos sobre o rosto, roupa branca e movimentos estranhos.

Sobre os movimentos, parecem exagerados nos fazendo até pensar que poderia ser alguém que padecesse de algum trastorno mental, algum tipo de doença ou que simplesmente estava fingindo para a câmera.

Conclusão

Normalmente, quando os vídeos são verdadeiros, as pessoas que gravam dão "a cara a tapa" e mostram seu material contando sua experiência (ainda que existam pessoas com materiais falsos que fazem questão de aparecer só para ter os seus 5 minutos de fama, porém ao fazê-lo, sua mentira é descoberta rapidamente).

Quando um vídeo é publicado na internet sem nenhuma informação, em que não respondem mensagens, viralizando rapidamente e ainda por cima, com alterações drásticas quanto a suas explicações, isso são indícios de ser um vídeo falso.

Acreditamos que o vídeo seja meramente uma farsa e não tem nada de paranormal. Ainda que lamentavelmente por falta de informação e pelo criador não querer "mostrar a cara" não podemos descartá-lo completamente. O que podemos dizer é que: apesar do vídeo ter sido mais ou menos bem gravado e ter gerado suspense nas pessoas, este não tem nada de sobrenatural.
Esta é nossa conclusão, mas vocês têm a última palavra. Julguem por vocês mesmos.

Tradução/Adaptaçãorusmea.com & Mateus Fornazari

Este: https://twitter.com/albrlmanq8/status/538729925130194944 , Levou a este: http://mssdr.com/10409.html , que levou a este: https://twitter.com/finitoo2/status/538459270249852928 , que por fim, levou a este: https://www.youtube.com/watch?v=h5RdNyXsFEc
https://www.reddit.com/r/truecreepy/comments/2pmw3a/where_is_that_one_middle_eastern_video/
Comentários