24 de setembro de 2015

Conheça o "Stonehenge" da Suécia: Um Local Que Possui Um Misterioso Labirinto e Cavernas Ritualísticas


Por Marco Faustino
 
No folclore local, a ilha de "Blå Jungfrun" tem sido associada ao longo do tempo a maldições e bruxarias. A ilha desabitada, agora é um parque nacional situado no Estreito de Kalmar, ao longo da costa leste da Suécia. A ilha tem uma história de má sorte e uma reputação devido a magia. Até os dias atuais, os visitantes não devem se desviar das trilhas traçadas ou permanecerem na ilha após o anoitecer.

Consiste em uma ilha basicamente coberta de pedras e por florestas densas, que por sua vez abrigam um antigo labirinto. Porém, são as cavernas que mais interessam a equipe de pesquisadores formada pelo Museu do Condado de Kalmar e a Universidade Linnaeus da Suécia. Vamos saber mais sobre o assunto?

De acordo com o site LiveScience, os arqueólogos estão bem cientes dos contos dos poderes sobrenaturais que a ilha possui, mas não se sabe ao certo quando essas histórias começaram. O trabalho arqueológico de campo realizado na ilha em 2014, tentou esclarecer sobre o que poderia ter sido feito, há milhares de anos, em Blå Jungfrun e a razão de ter ganhado fama por sua reputação sombria.

"Os resultados são surpreendentes e revelam amplas atividades humanas na ilha no perído Mesolítico", escreveram os pesquisadores.

Os arqueólogos dizem que há duas cavernas onde rituais podem ter sido praticados. Em uma existia uma espécie de altar, e na outra especula-se que seria uma espécie de palco ou "teatro". Cada uma das cavernas contêm "características ritualísticas distintas", e de acordo com o relatório sobre o trabalho de campo, os "depósitos culturais" datam a atividade pré-histórica no local por volta de 7000 a.C.

O Suposto e Misterioso "Teatro" Ancestral


Na parede vertical de uma caverna, um grande buraco foi escavado em um ponto de um passado bem remoto. A cavidade possui cerca de 70cm de diâmetro, e uma fogueira encontra-se abaixo dela.

"Nós acreditamos que a cavidade foi feita pelo homem e que a fogueira tenha sido utilizada em conexão com marteladas na cavidade, provavelmente em diversas ocasiões", disse Ludvig Papmehl-Dufay, arqueólogo do Museu do Condado de Kalmar.

Resquícios abaixo de um grande buraco (á esquerda na foto) que muito provavelmente foi feito pelo homem por meio de marteladas
"A entrada da caverna é muito estreita, e você tem que se espremer durante o caminho. Entretanto, uma vez que está dentro dela, apenas metade da caverna é coberta, e você realmente pode ficar de pé e contemplá-la de cima, quase como um teatro ou um placo abaixo dela. Além disso, o ato de criar a cavidade poderia ter sido uma parte importante do ritual, talvez até mesmo o som gerado ao criá-la", completou.

Pesquisadores acreditam que o visual e os sons de marteladas combinados com a visão das chamas, sendo vistos a partir de um nível acima, poderia ter sido uma experiência poderosa para o público da Idade da Pedra.

O Altar de Pedras-Martelo


Pedras-Martelo utilizadas como ferramentas de moagem foram encontradas na segunda caverna. Ludvig Papmehl-Dufay especula que o local poderia ser destinado a oferendas, como um altar.

Um pequeno abrigo rochoso conectava as duas grandes cavernas. Medindo apenas 6 por 8 metros, os pesquisadores acreditam que o mesmo pode ter sido usado por viajantes da Idade da Pedra, que evidentemente viajavam até a ilha, como um abrigo temporário.

Pedras-martelo foram utilizadas com "lâmina" de martelo e também para modelar outras rochas,
criando assim ferramentas para sociedades pré-históricas
"Entretanto, atividades mais específicas como elementos ritualísticos não podem ser descartadas, tais como celebrações em conexão com os rituais realizados nas cavernas próximas", disse Ludvig Papmehl-Dufay.

Escavações no pequeno abrigo de pedra revelaram ferramentas de pedra e restos mortais de focas. Sendo datados por radiocarbono, foi verificado que as focas foram consumidas a cerca de 9.000 anos atrás. Depósitos de pedaços de quartzo também foram descobertos, sendo que talvez fossem utilizados na fabricação de ferramentas.

Os pesquisadores escavaram o abrigo rochoso, e descobriram ossos de animais que datam de 9.000 atrás.
Questiona-se, portanto, se os possíveis rituais realizados em Blå Jungfrun, combinados com seu isolamento e paisagem dramática, podem ter sido a origem das crenças e lendas que se seguiram.

Feitiçaria, Maldições e um Misterioso Labirinto


No folclore sueco, a ilha Blå Jungfrun ("A Virgem Azul", em português) era visto como um lugar mágico ou sobrenatural onde espíritos malignos habitavam e era inclusive evitada por marinheiros. Acreditava-se que as bruxas se reuniam na ilha, especialmente durante a Páscoa, para dançarem e adorarem o diabo.

Grandes cavidades na rocha ao longo da costa, chamadas de "jättegrytor", também já foram atribuídas a supostos gigantes que habitavam a ilha.

De acordo com a lenda "Jättegrytor" eram "Chaleiras do Gigante" que foram criadas por gigantes.
Um labirinto criado a partir de uma trilha de pedras também pode ser encontrado em Blå Jungfrun. O "Trolleborg" é o maior labirinto na Suécia, mas pouco se sabe sobre ele. Ninguém sabe quando foi construído, ou por quem, mas acredita-se que pode estar ligado ao comércio antigo de pesca, uma vez que eram comumente criados no passado, na esperança de boa pesca, fertilidade, ou mares calmos.

O labirinto chamado de "Trolleborg" na ilha de Blå Jungfrun, na Suécia
Uma vez que a ilha agora passou a ser designada como parque nacional, há restrições para os visitantes: conservar as trilhas, não permanecer no local durante a noite, não acender fogueiras e não remover as pedras sagradas do labirinto. Mesmo hoje em dia é dito que quem roubar alguma pedra terá muito azar em sua vida.

O trabalho arqueológico irá continuar em Blå Jungfrun, e esses resultados, ainda mais detalhados, apontados pela equipe foram apresentados em um recente encontro anual da Associação Europeia de Arqueólogos em Glasgow, na Escócia, no começo desse mês.

Tradução/Adaptação: Marco Faustino

Fontes:
http://www.livescience.com/52257-stone-age-rituals-on-witchcraft-island.html?cmpid=514645
http://www.ancient-origins.net/news-general/mysterious-labyrinth-and-ritual-caves-archaeologists-dig-stone-age-past-swedish-island-020539
Comentários