17 de setembro de 2014

Minha História Assombrada: A Imagem de Santo Expedito

Meu nome é Larissa, moro em São Paulo, SP. A história que vou contar, aconteceu comigo há muito tempo, quando eu tinha mais ou menos uns 7 anos.

Era uma tarde de sol muito forte, e nesse dia eu, minha irmã mais velha e minha prima decidimos montar a piscina que tínhamos no quintal de casa, e assim fizemos. Brincamos por muito tempo até o sol começar a se pôr, e eu, cansada de ficar dentro da piscina, saí antes das meninas e fiquei por perto no quintal, conversando e brincando, até que achei no chão um desses folhetos com a imagem de Santo Expedito. Sem pensar duas vezes, peguei para ver o que era, e como não me interessou, rasguei a imagem em vários pedacinhos e joguei dentro da piscina, de modo que elas se espalharam por todo o lado, e se misturaram mais ainda com o movimento da água. Logo em seguida minha irmã e minha prima saíram da piscina, e as nossas mães nos chamaram para dentro de casa para comer e tomar banho.

Depois de mais ou menos duas horas, de termos comido e descansado, voltamos pro quintal, para desmontar a piscina. Quando chegamos perto da piscina, ficamos pasmas. A imagem do Santo, que eu havia picado em pedacinhos e depois espalhado pela água, estava montada novamente, pedaço por pedaço no centro da piscina, boiando. Cada pedacinho um do lado do outro, como um quebra cabeças, boiando, mesmo estando todos encharcados, e sendo pedaços minúsculos de papel, como se todos possuíssem um imã que os fizessem ficar unidos.

Lembro que fiquei tão sem reação, que não sabia se ria ou se fugia dali... depois disso, eu tirei os papeis que formavam a imagem da água, e joguei fora, pedindo desculpas para o que quer que fosse mentalmente. Então desmontamos a piscina e tudo ficou por isso mesmo.

Até hoje, não sei o que aconteceu, porque era impossível aqueles papeis picados se juntarem num mesmo lugar, e mesmo se fosse possível, como poderiam formar a mesma imagem perfeitamente, sem ficar embaralhado? E de onde veio aquele folheto?  São perguntas que me faço até hoje.

Depois do que aconteceu, nunca mais peguei imagem de santo nenhum, a não ser se eu realmente quisesse e fosse guarda-la comigo, e não despreza-la e joga-la fora, como eu já fiz um dia. Nunca se sabe.

História assombrada enviada por Larissa

Inscreva-se no canal clicando no botão abaixo:
.
Gostou? Então inscreva-se no canal para acompanhar os novos vídeos que for lançando. Eles são lançados primeiro lá, depois que vem pra cá :) Basta clicar neste link: http://goo.gl/CWAIes

* Minha História Assombrada trás para você relatos assustadores vividos por usuário do site AssombradO.com.br e Sobrenatural.Org - Veja com estes relatos que o mundo sobrenatural está a nossa volta e pode acontecer algo estranho com qualquer um! Tem algum caso e deseja que ele seja publicado? Clique aqui. Toda quarta-feira as histórias aprovadas são publicadas!
Comentários