30 de julho de 2014

Minha História Assombrada: Minha Gata me Defendeu, às 3 da Manhã

Olá, Assombrados. Aqui estou eu, de volta para contar mais um relato. Agradeço novamente a todas as mensagens que os leitores me encaminharam. Fico feliz que tenham gostado.

Esse relato aconteceu na madrugada desse sábado, dia 26 de julho. Eu tive uma sexta-feira conturbada no trabalho. Parecia que a bruxa estava solta naquela agência: tudo que poderia dar errado, deu. Problemas com gráficas, com veículos, com clientes e, ainda, uma colega pediu demissão. Só sei que, ao fim do dia, dei graças a Deus por ter acabado. Fui dormir cedo, com a cabeça estourando. Logo, caí no sono.

Tenho um casal de gatos, irmãos, que amo de paixão: Fred e Brenda. Moram conosco há cerca de 6 anos e são o xodó da casa. Sempre gostei de gatos. Acredito que eles tem uma conexão forte com outros mundos ou outras forças. São de grande ajuda na luta contra algum mal espiritual, limpam o ambiente e tiram doenças espirituais (contarei, algum dia, relatos envolvendo meus bichanos). Enfim, a Brenda tem uma forte ligação comigo. Ela dorme na minha cama praticamente todas as noites, especialmente de madrugada, quando ela sobe toda estrambelhada, muitas vezes me acordando. Ela tem o costume de dormir sobre minhas pernas, costas ou barriga.

Nessa madrugada, acordei com o peso dela sobre meu corpo. Não me levantei. Apenas resmunguei "deita logo, mulher" e tentei voltar a dormir. Mas a Brenda não deitou. Ela ficou sentada sobre minha barriga. E ouvi que ela começou a rosnar (sim, os gatos também rosnam quando demonstram irritação ou medo). Achei que ela estava brigando com o irmão (eles têm esse costume) e mandei os dois ficarem quietos. Mas ela não ficou quieta. Acendi a luz do abajur e notei que a Brenda estava sentada sobre mim, com as orelhas abaixadas, em posição de ataque, com os pelos arrepiados, olhando fixamente para um ponto do quarto. Perguntei o que era (essa mania de humanos de conversar com animais, sabe?), mas ela continuava rosnando e olhando para um ponto fixo, começando a movimentar os olhos, como se seguisse algo.

Me assustei. Muito! Alguma coisa estava ali, ao lado da minha cama. E a minha Brenda estava me defendendo. Rezei muito, pedindo proteção. E, de repente, ela deitou-se sobre minha barriga e começou a ronronar e, logo dormiu. Fiquei ainda um tempo olhando para ela e em volta, achando que poderia ver algo. Foi quando bati o olho no rádio-relógio: 3 da manhã! Rezei mais um pouco, pedindo proteção divina e desliguei as luzes, tentando dormir. Demorei, mas logo consegui. Não sei o que era, não sei o que aconteceu, não sei se tinha alguma ligação com a sexta-feira. Só sei que minha linda branquinha me defendeu naquela madrugada.

História assombrada enviada por Paulo Henrique Araujo
Para ler outras história enviadas por Paulo, clique aqui!

* Minha História Assombrada trás para você relatos assustadores vividos por usuário do site AssombradO.com.br e Sobrenatural.Org - Veja com estes relatos que o mundo sobrenatural está a nossa volta e pode acontecer algo estranho com qualquer um! Tem algum caso e deseja que ele seja publicado? Clique aqui. Toda quarta-feira as histórias aprovadas são publicadas!
Comentários