15 de abril de 2014

Como ver a Aura? (Experiência Prática!)

Você não precisa ser paranormal para poder ver a aura. Veja a aura emanando de sua mão com este simples exercício.

Por Mr. Tlaloc

O corpo etérico do homem ou corpo espiritual, irradia constantemente uma espécie vibração luminosa conhecida pelo nome de AURA. Geralmente a cor da aura é branca, mas pode variar em tonalidades do amarelo ao azul escuro. A espessura da aura depende muito do estado emocional e da saúde da pessoa. Portanto uma pessoa saudável apresenta uma aura mais espessa do que a de uma pessoa enferma. Em praticamente todas as culturas do mundo há menções sobre a aura, cada qual com um nome próprio. A igreja cristã costuma enfatizar a Auréola dos santos (aura em torno da cabeça) de várias formas. Vejamos alguns exemplos:


Através da Kirliangrafia, método pelo qual se pode tirar foto da Aura, é possível registrar e analisar a aura de uma pessoa. Foto Kirlian também é conhecida como Bioeletrografia ou Bioeletrograma. Cientificamente consistem na fotografia da ionização dos gases e vapores exalados pelo corpo, através dos poros da pele.

A parte negra no centro das fotos é algo normal e foi produzido pelo contato do dedo com o receptor da máquina Kirlian.
A Energia da Aura é conhecida por diversos nomes, entre eles: aura, corpos Sutís, corpo astral, corpo etérico, auréola (energização da aura na região da cabeça)

Antes da invenção da foto Kirlian, a aura só podia ser observada através da clarividência (dom paranormal) e através da Visão Etérica, que é um tipo de visão que se utiliza do poder subjetivo e intuitivo para  observar o meio ambiente. Mas isto não é algo exclusivo de pessoas com o sexto sentido, na prática qualquer pessoa pode desenvolver e obter uma visão etérica através de exercícios e treinamentos.

Faça sua Experiência

Material necessário:
* Uma gaveta, caixa ou armário... (para colocar suas mãos)
* Um ambiente iluminado com uma lâmpada não muito forte (- de 60W)

O Objetivo: 
* ver a própria aura.

A Experiência
Num ambiente iluminado artificialmente, com a luz incidindo lateralmente em seu rosto; Coloque suas mãos dentro de uma gaveta, caixa ou armário, de modo que suas mãos fiquem no escuro, sem receber a luz direta.

Com a ponta dos dedos se tocando, separe as mãos vagarosamente e você verá um pequeno jato de energia saindo das pontas dos dedos.

Mova as mãos vagarosamente dentro do ambiente escuro para ver a fluxo de energia da aura. (como na figura abaixo)

É justamente a luz incidindo indiretamente no ambiente escuro da caixa que possibilitará a visualização do fluxo de energia emitido pelas mãos.

Fluxo de energia tênue poderá
ser visto ao redor de suas mãos.
A vista humana não é capaz de enxergar a aura em condições normais. As partículas de energia da aura (gases ionizados e vapores), geralmente não emitem luz própria ou quando emitem, produzem baixíssima luminosidade. Com a ajuda da penumbra é possível ver na maioria dos casos a aura, assim como os vapores da respiração da pele.

Importante
Não espere ver raios saindo de suas mãos, o que você verá é fluxo de energia tênue, quase imperceptível. A Visão Etérica é um modo de ver o mundo subjetivamente!

Exercícios para Desenvolver a Visão Etérica

Faça a este exercício de preferência a noite. Escolha uma pessoa, uma planta, ou um animal para ser analisado. Não olhe diretamente para ele, tente vagarosamente desfocar a sua visão.  Percebera, que surgirá uma película energética quase invisível se formando ao redor do objetivo analisado.

Geralmente este exercício produz ótimos resultados, e com a prática, você poderá distinguir as cores da aura.

.
CLIQUE AQUI para ler "Kirliangrafia ou Bioeletrofotografia: Histórico, Explicações, Fotos, Vídeos e suas Utilidades"

Comentários