7 de outubro de 2013

Dogu

Famoso "Shakouki Dogu", criado há 3500 anos atrás no
período Jomon e recuperado do sítio arqueológico
de Kamegaoka em Tsugaru, província de Aomori Japão.
Figura feitas de argila no Japão a milhares de anos despertam a imaginação das pessoas a anos sobre seu objetivo. Por causa da semelhando com trajes espaciais, muitos acreditam que na verdade elas representam visitantes do espaço.

Dogu são pequenas figuras humanoides, feitas de argila e com normalmente de 10 a 30 cm de altura. Foram feitas durante o período Jomon (por volta de 14 mil a.C. à 200 a.C.) no Japão pré-histórico. Existem vários estilos de Dogu, dependendo da área de exumação e período de tempo. De acordo com o Museu Nacional de História japonesa, o número total encontrado em todo o Japão é de aproximadamente 15.000 itens (e ainda seguem sendo encontrados em descobertas casuais) e com exceção de Okinawa, foram encontrados em todo o território japonês.

Dogu, Ebisuda Site em Tajiri , Prefeitura de Miyagi , 1000-400 aC.
A maior parte das figuras parecem ser modeladas como do sexo feminino, e têm olhos grandes, cinturas estreitas, e ancas largas. Seriam considerados por muitos, como representantes de deusas. Muitos têm grandes abdomens associadas à gravidez, sugerindo que as pessoas no período Jomon, consideravam-nos como representantes de deusas mães.

Representada com grandes olhos, que mais parecem óculos de proteção contra a "cegueira branca", característicos das tribos Inuítes das regiões árticas. Por este motivo, acabaram sendo chamados no Japão de "Shakouki dogu". ("Shakouki" quer dizer literalmente "dispositivo de bloqueio de luz"..)

De acordo com o Museu de arte Metropolitano de Nova York, essas figuras "sugerem uma associação com a fertilidade e ritos xamanistas". Feitas a partir de argila, essas figuras foram criadas com formas fascinantes. Dogu tendem a ter grandes rostos, braços e mãos pequenas e corpos compactos. Alguns parecem usar óculos ou ter faces "em forma de coração". A maioria tem marcas no rosto, peito e ombros , o que sugere incisões de tatuagem provavelmente com agulhas de bambu.

As figuras maiores são ocas e não se sabe o motivo, mas se presume que eram assim feitas, para evitar rachaduras durante o processo de queima.

Qual seria o objetivo destas imagens?

Efigies: O objetivo dessas imagens, ainda não está claro, mas provavelmente, o dogu atuou como efígies de pessoas, onde manifestaram algum tipo de magia simpática, com objetivo de similar, produzir o similar, ou seja, efeitos que se parecem com as causas - coisas que estiveram em contato, seguiriam exercendo influência mútua uma vez que estivessem separadas.) Por exemplo, é possível que acreditassem que doenças poderiam ser transferidas para as imagens, como se estas fossem receptáculos, para então serem destruídas, eliminando a doença, ou qualquer outro infortúnio.

Usados em Rituais de Fertilidade: Figuras inteiras são raras e na maioria faltam um braço, uma perna ou outra parte do corpo. Em muitos casos, as peças foram cortadas e novamente não se sabe o motivo, apenas que uma teoria diz que as partes das figuras podem ter sido removidas em rituais de fertilidade.

Representação de Trajes Espaciais: Entre pesquisadores teóricos de "astronautas da antiguidade" como Erich von Däniken, existe uma teoria mantida por alguns, de que essas figuras representariam na verdade, astronautas vestidos com roupas espaciais, utilizando uma viseira de proteção, um dispositivo de respiração na região da boca e pinças mecânicas no lugar das mãos.

E ainda, o astrofísico e renomado autor de ficção científica Russo, Alexander Kazantsev, teria supostamente dito à uma empresa desenvolvedora de trajes espacias em parceria com a Agência Espacial Americana, que essas figuras Dogu representariam roupas espaciais que estariam infladas pela diferença atmosférica, capacetes com viseiras, possuiriam representações de dispositivos inscritos e tudo isso seria muito semelhante aos atuais trajes espaciais. "Sem dúvida, viajantes do espaço visitaram a província de Aomori no passado", teria sido a sua conclusão.

Essas teorias não são consideradas acreditáveis no seio da comunidade científica.

Apenas para comparação, a foto da esquerda acima, mostra um tradicional traje espacial e a da direita, mostra o projeto de um roupa espacial de um futuro próximo.
Algumas imagens de Dogu

Para alguns pesquisadores, imagens retratariam astronautas que nos visitaram na antiguidade
Foram descobertos até o momento mais de 15.000 dogus no Japão
Estatueta dogu, Jomon. Musée Guimet
Tamanho varia de 10 a 30 cm
Dogu foram encontrados nos sítios arqueológicos de Kamegaoka em Tsugaru, província de Aomori, no sítio de Teshiromori em Morioka, província de Iwate, no sítio Ebisuda em Tajiri, província de Miyagi e no sítio de Izumisawa Kaizuka em Ishinomaki, província de Miyagi. Todos os sítio listados foram designados como importantes propriedades culturais do japão.
Os "Shakouki-dogu" são figuras criadas na era Jomon, e são tão conhecidas que quando a maioria dos japoneses ouve o termo "dogu", esta é a imagem que lhes vem à mente.
Característica distintiva dos objetos são as exageradas nádegas femininas, peitos e coxas. Além disso, o abdômen é coberto com padrões, muitos dos quais parecem ter sido pintadas de vermelho.
Tradução/Adaptação: rusmea.com & Mateus Fornazari

Fontes (acessadas no dia 06/10/2013):
http://fushigi.at.webry.info/
http://en.wikipedia.org/wiki/Dogū
Comentários