11 de setembro de 2013

Hydesville: O Berço do Espiritismo

Alguns casos sobrenaturais dão origem a filmes, como Amityville e o de Harrisville, que deu origem ao filme Invocação do Mal. Mas o caso que você vai conhecer abaixo foi além, e teve um papel importante na criação do Espiritismo. Conheça o caso Hydesville.

No dia 11 de dezembro de 1847, a família do Sr. John D. Fox mudou-se para um vilarejo próximo a cidade de Rochester, estado de Nova York, chamado Hydesville, para uma casa que a vizinhança e os antigos moradores diziam ser mal-assombrada. O Sr. Fox tinha três filhas, sendo que, Margaret (também chamada de Maggie) (1833-1893) e Kate (1837-1892) moravam com ele e a outra filha, Leah (1814-1890), morava em Rochester.

A propriedade onde moravam os Fox em Hydesville
Durante quatro meses eles escutaram uma batida aqui, outra ali, nada demais. Então em março de 1848 tudo mudou e as batidas começaram a incomodar, ficando mais violentas. Além disso se ouvia muito nitidamente barulhos como de móveis sendo arrastados. As duas filhas do casal, adolescentes, ficavam com muito medo, até que no dia 31 Kate se irritou e desafiou a força invisível que as causava. Ela disse que ia bater palmas e era para a entidade repetir com golpes, o que aconteceu. A mãe das garotas estava perto e percebeu que a força invisível tinha inteligência, pois soube interpretar as palavras da filha, e resolveu fazer um teste. Perguntou para a entidade quantos anos tinham suas filhas e ela acertou. Então ela perguntou se os ruídos eram provocados por um ser humano, mas não ouve resposta. Mudou a pergunta para: "É um espírito? Se for, dê duas batidas" e duas pancadas foram ouvidas! A conversa continuou e ela acabou descobrindo que quem fazia os ruídos era o espírito de um mascate que fora assassinado naquela casa há cinco anos e enterrado ali mesmo.

Toda excitada com estes acontecimento bizarros, a família chamou alguns vizinhos na mesma noite para testemunhar os incríveis acontecimentos. Na presença deles ela continuou conversando com o mascate e descobriu seu nome, Charles B. Rosma, e detalhes de sua vida.

A notícia correu mais rápido que fofoca e na manhã seguinte tinha um monte de gente querendo testemunhar os acontecimentos, mas eles só ocorreram durante a noite e todo o dia seguinte.
As irmãs Fox. Da esquerda para direita: Margaret, Kate e Leah
Como o espírito do mascate disse que ele estava enterrado ali, resolveram procurar seus restos mortais e começaram as escavações em busca do esqueleto, mas nada encontravam. As escavações se prolongaram durantes meses, até que a 1,5 metros de profundidade foi encontrada uma tábua, carvão, cal, cabelos e alguns ossos. Médicos afirmaram ser humanos.

Com muitas pessoas acreditando que as irmãs produziam as batidas, os pais decidiram mandar as filhas para casa de parentes. Kate foi morar com seu irmão, em Auburn, e Margareth mudou-se para a casa de sua irmã Leah, em Rochester. Só que o fenômeno acompanhou as meninas e contagiou Leah. (aqui abre um precedente para fraude...)

As irmãs começaram então a fazer sessões espíritas para centenas de pessoas, atuando como médium, com a supervisão de Leah.



O Nascimento do Espiritismo

Allan Kardec só acreditou nos fenômenos
psíquicos após presenciá-los.
Depois dos fenômenos de 1848, o fenômeno das batidas se espalhou pelos EUA e Europa. A comunicação era feita com batidas de acordo com o alfabeto. Era um método demorado e então surgiu a famosa tábua ouija e as mesas girantes para agilizar a comunicação.

Em 1854, seis anos após os primeiros acontecimentos, Allan Kardec ouviu falar das mesas girantes. A princípio era cético, mas no ano seguinte presenciou sessões mediúnicas e revolveu investigar. Passou a assistir sessões semanais na casa da família Baudin, em Paris, com duas jovens mediúnicas. Foi nestas reuniões que Kardec iniciou seus estudos de espiritismo, aplicando métodos científicos. Ele percebeu que os espíritos que provocavam o fenômeno eram almas humanas, razão pela qual não possuíam plena sabedoria. Em 1857, após cuidadosas pesquisas, ele publicou sua primeira obra: O Livro dos Espíritos.

CLIQUE AQUI para ler "10 Relatos da Brincadeira do Copo"
Voltando às irmãs Fox

A história seria emocionante se terminasse aqui, mas acabou de forma trágica para as irmãs Fox.

Lembre-se que elas saíram de casa em 1948. Com a ausência dos pais, elas começaram a beber. Ambas viajaram para vários locais, inclusive para a Europa, mostrando seus poderes de comunicação, casaram, tiveram filhos e ficaram viúvas. Em 1988, quarenta anos depois do início dos fenômenos, as duas irmãs brigam com a irmã Leah. Margareth torna-se católica, dizendo agora que seus poderes vem do diabo.

Com raiva de Leah e querendo se vingar da irmã, as duas aceitam um negócio proposto pelo repórter onde elas deveriam mostrar seus métodos para fazer as batidas e dar exclusividade na notícia para ele por U$ 1.500. Assim, 40 anos depois dos fenômenos iniciais, Margaret apareceu publicamente na Academia de Música de Nova York em 21 de outubro de 1888, com Kate presente. Diante de uma platéia de 2000 pessoas, Margaret demonstrou como ela poderia produzir - à vontade - barulhos audíveis em todo o teatro.
"... A impostura que por tanto tempo mantive, começou na minha tenra meninice...
Quando atingi a maturidade, arrependi-me. Tenho vivido anos através do silêncio, timidez, desprezo e amarga adversidade, ocultando, como melhor pude, a consciência da minha culpa. Agora, graças a Deus e a minha consciência despertada, estou enfim, apta, para revelar a verdade fatal, a verdade exata dessa hedionda fraude..."
Um presente na demonstração relatou:
"Foi colocado diante dela um banco de madeira ou mesinha de pés curtos, e com propriedades de uma caixa de ressonância. Tirando o sapato, a senhora Kate colocou sobre a mesa o pé direito. Toda a platéia prendeu a respiração, sendo recompensada por um série de secos e fortes batidas, aqueles misteriosos sons, que por mais de quarenta anos assustaram e atordoaram milhares de pessoas neste país e na Europa. Uma comissão composta de três médicos  escolhidos dentre a platéia, subiu ao palco e após lhe terem examinado o pé, enquanto produzia as batidas, concordou sem hesitação que o ruído era produzido pela ação da primeira articulação do dedo grande do pé."


Margaret se arrependeu e um ano e meio depois, em 1889 ela desmentiu a confissão que fizera na Academia de Música de Nova York.

Cinco anos depois as duas irmãs morreram, evitadas por amigos antigos e foram enterradas em um cemitério de indigentes, um fim trágico...

No ano de 1904, uma parede da casa de Hydesville caiu e revelou um esqueleto sepultado nela. Seria o esqueleto do mascate Charles B. Rosma? Até hoje nunca foi encontrado nos registros históricos nenhum Charles B. Rosma....

Leia antes de escrever sua opinião...

Lendo diversos artigos para fazer este post, eu li muita intolerância dos dois lados. Os que defendem o espiritismo e aqueles que dizem que é uma fraude e usam a confissão do dia 21 de outubro de 1988 para provar isto.

Neste artigo não escrevi em nenhum momento que é fraude ou não. Estou expondo os fatos e mostrando um caso sobrenatural, o de Hydesville. Cabe a você decidir.

Agora, se você é espírita e acredita que deixei algum dado importante de fora, explique, esclareça de maneira educada nas opiniões. A mesma coisa digo para você que não acredita.

Lembre-se que aqui não é um lugar para evangelizar e converter ninguém, dizendo que a sua religião é melhor/mais correta que a do outro.

Livros e Romances Espíritas

Tenho diversos livros da doutrina espírita e muitos romances disponíveis para venda em nossa loja oficial, a  LojaSobrenatural.com.br

Livros da Doutrina Espírita

Romances Espíritas

.
Fontes:
- O Mundo do Paranormal: A Parapsicologia Explicada. Página 155-157
- Wikipedia.com: Fox Sisters
- Sobrenatural.Org: Origem do Espiritismo
- Guia HEU: O Episódio de Hydesville

CLIQUE AQUI para ler "Harrisville - A história real por trás do filme"
CLIQUE AQUI para ler "Amityville - A mais famosa Casa Mal-Assombrada"
Comentários