30 de maio de 2013

Lendas da Ponte Rio Niteroi

Por Mr. Tlaloc

Um dos cartões postais do Rio de Janeiro, a Ponte Rio Niterói, está comemorando seus 39 anos de existência, um marco na engenharia do Brasil. Este também é o tempo da existência de uma LENDA URBANA que neste período foi alimentada pela imaginação dos cariocas, tornando-a tão viva que se confunde com a realidade.

Durante a construção deste gigantesco monumento, de certo houve muitos acidentes, alguns graves, provocando até a morte de operários. Às vezes por algum descuido um homem caia do alto da ponte, outro caia da embarcação.... Cerca de 5 funcionários morrem atropelados na Av. Brasil quando faziam sinalização da obra. E outras centenas de cortes, fraturas e luxações somaram-se a estes números...

Destas mortes criou-se uma das mais famosas LENDAS URBANAS do RJ: Durante a fundação submarina da ponte, vários mergulhadores teriam se afogado. SEGUNDO A LENDA existem nas colunas da ponte, centenas e centenas de homens “nordestinos’ que por inexperiência teriam ficado presos e ali morreram no concreto”.

Hoje quando se caminha na parte interna da ponte, (área restrita a manutenção), é possível ouvir os gritos de socorro dos fantasmas daqueles pobres trabalhadores.. Há quem diga que tudo isso é verdade: Mas não é bem assim, a base foi perfurada com o mesmo sistema que é usado pela plataforma de petróleo marítima e o concreto chegou a base por uma abertura que comumente não caberia a passagem de um homem. ..  Mas LENDA URBANA é isso; se inspira em fatos reais e sobrevive da imaginação e credibilidade que lhe é dada pelos CIDADÃES URBANOS.
Comentários