4 de abril de 2013

Seguranças Particulares: O que eles já presenciaram nas mansões...

Por Ana Paula Lazarini Fornazari

Relatei há um tempo aqui no site sobre um acontecimento com um Segurança VIP, colega do meu irmão também Segurança, “Pessoa Estranha na Praia da Baleia”. Fiquei de relatar outros fatos ocorridos com eles. Então aí vai:

Certa vez a equipe estava fazendo a segurança de uma dessas mansões. A família toda (VIPs) havia viajado. Na casa existem câmeras de segurança espalhadas por todo lugar e em cada cômodo tem uma espécie de interfone. Quando alguém da casa quer falar com um segurança, pedir ajuda ou sei lá, é só tirar o aparelho do gancho e apertar um botão que uma luz correspondente ao cômodo que está chamando ascende na mesa lá na base dos seguranças (lá eles têm como se fosse uma pequena base com a aparelhagem de escuta, monitores que mostram o que se passa no interior da casa, etc). De repente uma dessas luzes ascendeu na mesa, correspondente ao corredor da copa, se não me engano.

Os caras assustaram, pois não havia ninguém na casa, né! E a luz não se apagava! O que significava que alguém continuava apertando o botão (pois quando se soltava o botão a luz apagava). Eles olhavam pela câmera de segurança que mostrava o mesmo cômodo e não havia ninguém lá! Como faz parte do procedimento, eles tiveram que mobilizar toda a equipe, adentrar a casa procurando por um possível “invasor”, fazer ronda ao redor da casa, ir cômodo por cômodo, etc... Mas constataram que não havia ninguém na casa. No corredor da copa, o interfone estava fora do gancho, pendurado e o botão continuava apertado. Um dos seguranças deu um toquinho no botão que voltou ao lugar apagando a luzinha lá na base e voltou o telefone no gancho. Eles também não tinham animais de estimação dentro da casa.

Nessa mesma casa vira e mexe, quando a família está viajando, os seguranças reparam que o chuveiro de um dos banheiros ligou. Mais uma vez eles se mobilizam, adentram a casa fazendo uma busca, etc e tal... Para mais uma vez constatar que não há ninguém na casa. Desligam o chuveiro e voltam às suas posições. Como o chuveiro liga, às vezes uma luz dentro da casa ascende, da mesma forma, ou têm a impressão que alguém se movimentou em um dos cômodos da casa (através das câmeras de segurança). Eles já ficaram meio que “acostumados”.

Um dos seguranças contou ao meu irmão que estava fazendo uma inspeção ao redor da casa numa noite (a família não estava em casa), na área da piscina, e viu uma mulher sentada de baixo de um daqueles postinhos de luz da piscina, como se estivesse esperando alguém. Ele já ficou meio “cabreiro” porque já tinha visto muita coisa estranha na casa! Viu que a mulher não ia embora e passou um rádio para o pessoal da base dizendo que havia uma mulher no lugar “tal”, para eles verificarem. Porém, através das câmeras de vídeo que davam pra ver exatamente o local que o Segurança dizia estar vendo a mulher não havia ninguém! E eles se comunicando pelo rádio... O segurança: “Está aqui na minha frente! Estou vendo ela nesse exato momento!...”. A base: “Não colega! Não tem absolutamente ninguém nesse local! Estamos olhando pela câmera nesse exato momento também!”. Até que o Segurança saiu da piscina, foi até a base e viu com seus próprios olhos que realmente não havia ninguém ali! Voltou à piscina, mas já não tinha mais nada! Ele descreveu para seus colegas a roupa da mulher, o cabelo, etc. Passados alguns dias ele estava inspecionando o interior da casa quando se deparou com um quadro de uma mulher que pra sua surpresa era a mulher da piscina!!! O segurança perguntou para a cozinheira da família (a mais antiga empregada da casa) quem era a mulher do quadro e ela respondeu que era a mãe do Seu Fulano (o Vip, dono da casa).

Um dia, depois de presenciar tantos fatos um tanto estranhos resolveram contar tudo isso ao Vip, e ele respondeu na maior tranqüilidade: “Ah! É o nosso guardião!

Fonte: Sobrenatural.Org

Sugestões da nossa loja oficial, a LojaSobrenatural.com.br
Comentários