8 de março de 2013

Fantasma de uma mulher aparece em foto tirada do espelho

Recebi esta foto por meio de nossa Fanpage no Facebook. Quem nos enviou foi Jhenifer Trindade, que fez a fotografia com seu celular.

Ela nos descreve o seguinte:

"Boa tarde! Gostaria de divulgar aqui esta foto! Esta foto foi tirada nesta sexta-feira por mim mesma. 

Eu estava em um sítio de um amigo meu. No momento desta foto estava no quarto apenas eu e minha amiga presente na foto (a de azul).

Antes de ver o detalhe na foto, um amigo meu que estava presente na casa falou que tinha visto um vulto nesse quarto, antes mesmo de termos notado a presença desta suposta "assombração". 

Bom, enfim... gostaria que divulgasse pare que pessoas mais entendidas do assunto do que eu possa me dar  uma resposta para a foto! 

Ah! Detalhe... eu vi DOIS supostos fantasmas na foto: a mulher logo atrás de mim, acima do meu celular, e uma criança ao lado desta suposta mulher, criança de cabelos longos e negros! 

Desde já, agradecida pela ajuda."
Aqui está a foto original:


Agora repare nos círculos vermelhos: À partir de agora as imagens estão trabalhadas com filtros para uma melhor visualização das supostas aparições.

Aqui é possível ver perfeitamente o rosto de uma mulher bem atrás do celulalar!
Aqui um Zoom da imagem do rosto da "suposta mulher fantasma".
Aqui, não muito visível, mas percebe-se o que a leitora chamou de "criança". Repare bem: Parece estar olhando para o lado direito da foto (lado esquerdo dela), é possível ver o perfil do rosto, com longos cabelos negros caídos em parte do rosto e por sobre uma "camisola"... 

Zoom na imagem da "Garota de cabelos longos e negros" - 1. Contorno para que você possa ter uma ideia da posição do suposto fantasma. 2. A imagem da "garota de longos cabelos", para comparação. 3. Uma fotografia qualquer como exemplo aproximado da posição do suposto fantasma.
E aí? Alguém que entende de fotografia ou de espíritos pode ajudar a Jhenifer

Na minha humilde opinião, uma das melhores fotos de fantasmas que eu já vi, até que provem o contrário.






Comentários