1 de março de 2013

Estudantes Amaldiçoados em Euclides Da Cunha Pta. - SP



Por Fã do Sobrenatural

Nunca pensei que essa brincadeira (que não é realmente uma brincadeira) pudesse acabar tanto com a vida de uma pessoa.

O fato que conto abaixo, ocorreu na minha cidade, Euclides Da Cunha Pta., que tem mais ou menos 15 mil habitantes.

É sobre quatro amigos (pessoas que conheço) que eram jogadores de RPG, que é mais ou menos parecido com o jogo do copo, mas RPG é com personagem e também é um jogo de diversão.

Eles eram góticos, pessoas com olhares obscuros, mas no fundo eram pessoas boas, apenas queriam causar aparência. Eles visitavam o cemitério da cidade a noite , essas coisas de adolescente.

Bom, mas o pior estava por vir em suas vidas, pois eles nunca haviam tido contato com o sobrenatural ainda, portanto não sabiam disso.

Eles marcaram de se reunir e fazer a brincadeira do copo por volta da 1 da manhã no campo da cidade. Tudo pronto, eles iniciaram a brincadeira e conseguiram realmente fazer contato com alguém. Esse espírito dizia ser da mesma cidade que eles, mas durante a conversa, o espírito mandava mensagens meio que subliminares e eles não entendiam, e também não se preocupavam com isso.

O espírito era o de um açougueiro que morou na cidade, e que era uma pessoa muito ruim, que batia na esposa e essas coisa de alcoólatras  Com as respostas normais que o espírito mandava, eles se surpreendiam e não davam bola para as subliminares, e isso foi que quase acabou com suas vidas. É o que conto abaixo.

No meio do jogo, um deles começou a ter formigamento pelo corpo, como se estivesse possuído. Ele tentava falar e não conseguia. Um deles pede para sair do jogo e o espírito do açougueiro não deixou. Todos estão com aquela apreensão, pelo do fato do amigo estar com aquelas contrações estranhas e o linguajar que ele falava. O outro não se conteve e pega o copo e joga longe; eles saem correndo até sair do campo.

O garoto que estava passando mal foi carregado por eles, e uma curiosidade foi que quando o tiraram do campo, ele estava bem. Mas o medo era tanto que eles só perceberam depois.

No dia seguinte eles se encontraram na escola (todos eram da mesma sala), e comentaram sobre o fato, mas em pouco tempo esqueceram. No meio da aula, um dos garotos pede pra ir ao banheiro, a professora autoriza, ele quando chega ao banheiro vê que as paredes estão cheias de sangue com marcas de mãos . Ele se desespera e começa a gritar. Todos correm para ver. Ele está lá no chão aterrorizado, mas as pessoas que viram o banheiro na hora dizem que não havia nada.

É daí que começa o terror na vida dos quatro garotos.

Após alguns dias, outro deles (o que ficou possuído no dia da brincadeira) não saia mais de casa, vivia gritando palavras estranhas sem mais nem menos, dizendo "ele está aqui". Outro começou a ver gente ao seu lado na escola, dentro da sala , via seu rosto no espelho chorando lágrimas de sangue.

Eles viviam dizendo que havia um cheiro de carniça em qualquer lugar que estavam. Procuraram um padre, o padre disse o que tiveram que fazer, mas estavam indo quase a loucura. Um deles foi internado num hospital psiquiátrico e tentou se matar várias vezes, deixando mensagens nas paredes "ele me chama".

Os quatro não moram mais aqui, eu só tenho noticia do garoto que foi possuído. Ele é sozinho, não tem mais pai nem mãe, e há boatos de que virou homossexual.

Procuro explicações para esse caso. Por que eles diziam essas "mensagens"? Por que lágrimas de sangue? Eram o espírito ou um demônio ?

Bom, pessoal da sobrenatural, adoro esse site, sou fascinado por experiências sobrenaturais, esse é meu primeiro relato, tenho vários ainda. Espero que me ajudem. Quero poder dizer o que realmente aconteceu a essas pessoas, porque nessa cidade todos sabem da história, mas não sabem significado dos acontecimentos.

Espero aprender muito com vocês !

Fonte: Sobrenatural.Org

Sugestões da nossa loja oficial, a LojaSobrenatural.com.br
Comentários