16 de janeiro de 2013

Pai de Amy Winehouse diz que falou com cantora após ela ter morrido


Em entrevista ao jornal britânico "The Independent", publicada nesta terça-feira (10), Mitch Winehouse afirmou que tentou entrar em contato com sua filha Amy, após ela ter morrido em julho do ano passado.
"Eu busquei espiritualistas e médiuns. Eles me deram uma grande prova de que Amy ainda está por lá. Algumas das mensagens repassadas foram incríveis. Essas são as únicas coisas que eu gostaria de saber, nada que poderia ter conseguido a partir da Internet. Sentei-me com homem que está entre os melhores da América, não me lembro o nome dele. O FBI o chama em casos ainda não resolvidos para ajudar a encontrar corpos perdidos. A primeira coisa que ele me disse foi: "Quem fala é a Amy: 'Pai, há uma vida após a morte '. "

Amy Winehouse, autora de sucessos como "Rehab", foi encontrada morta no dia 23 de julho aos 27 anos em sua casa no bairro londrino de Camden. A morte de Winehouse, que tinha um longo histórico de problemas com as drogas e com o álcool, foi certificada como "acidental". Foram encontrados em seu corpo vestígios de um consumo de álcool cinco vezes mais alto do que a taxa permitida para dirigir um carro.

Ex-taxista, Mitch Winehouse é cantor de jazz e criou a Fundação Amy Winehouse, organização para ajudar jovens em dificuldades centrada nos problemas com o vício.

Amy Winehouse com seu pai Mitch (Foto: Divulgação/Site oficial)

Vi enquanto assombrava o G1

Sugestões da nossa loja oficial, a LojaSobrenatural.com.br
Comentários