16 de janeiro de 2013

Família foi salva de afogamento por dois Anjos


Por José Roberto

Bom dia... O que passo a relatar me foi contado no ano de 2002 por um casal de amigos.

Estávamos na escola bíblica dominical e o relato foi contado para toda a igreja, num estudo bíblico na manhã de domingo. Não cito o nome da igreja nem das pessoas envolvidas porque não tenho autorização.

Bem, o casal nos relatou que num de nossos feriadões fora passear em Angra dos Reis, aqui perto de Resende, sul do Estado do Rio de Janeiro. Alugaram uma casa perto da praia, fizeram as malas, entraram em seu belo carro e foram felizes curtir o feriadão na praia. Fato muito comum nas cidades do sul do estado.
Chegaram em Angra dos Reis, sol, praia, alegria... A família estava feliz com o fim de semana abençoado. O sábado transcorreu tranquilo, no domingo foram novamente para a praia, aproveitando bastante o domingo de sol. De noite procuraram uma igreja no centro de Angra, assistiram ao culto e voltaram pra casa pra dormir.

Na segunda-feira, levantaram cedo e foram novamente pra praia, tudo lindo, tranquilo e alegre. Almoçaram na praia mesmo, ficariam até o fim da tarde e retornariam para Resende na noite de segunda-feira...

No meio da tarde, toda a família estava sentada na areia da praia, o marido, a esposa e duas filhas pequenas, uma menina tinha cinco anos e a outra tinha dois anos. A mãe decidiu entrar mais uma vez na água e foi com a bebê de dois anos no colo. O pai ficou na areia com a filha de cinco anos...

Ao ver a mãe brincando na água com a irmãzinha, a outra menina pediu ao pai pra também ir pra água. O pai decidiu também entrar e ficaram os quatro brincando na água. O local não era fundo, a água dava na altura do peito e o casal se alegrava com as duas filhas no colo, próximos um do outro.

Num determinado momento a mãe com a bebê de dois anos no colo, pisou numa vala, caiu e foi arrastada subitamente pelo mar... O pai que estava perto viu o que acontecia e tentou ajudar indo na direção das duas, com a outra filha no colo e também caiu naquela vala... Conclusão: os quatro foram arrastados mar adentro...

O desespero tomou conta dos quatro, principalmente das crianças. Eles afundaram e estavam se afogando agarrados um ao outro. Nesse momento o pai pode ver o horror e desespero nos olhos da esposa e das duas filhas vendo a morte se aproximar...

Sem poder fazer absolutamente nada só lhe restou orar a Deus e orou exatamente assim: "Meu Deus o Senhor vai deixar minha família morrer assim? O Senhor não me prometeu guardar e ajudar sempre? Me ajuda Senhor!"...

Ele disse que orou apenas uma vez... E sentiu uma mão o pegar e o trazer para cima... O mesmo aconteceu com a mãe e com as duas crianças. Ao abrirem os olhos os quatro viram ao seu lado, no meio do mar, dois rapazes morenos fortes, cabelos loiros e olhos azuis... Eram muito bonitos e sorridentes... Atônitos eles não entenderam nada do que estava acontecendo. De onde surgiram os dois rapazes? A mãe a princípio relutou em ser ajudada por dois estranhos e um dos rapazes lhe falou: "Calma, nós viemos para ajudar, me dá o bebezinho, nós viemos pra ajudar vocês"...

Ela lhe entregou a menina menor, os dois rapazes foram nadando com calma e sempre sorridentes e tranquilos acalmando a todos... Depois de alguns minutos eles finalmente chegaram na areia da praia. A primeira coisa que o casal pensou ao tocar a areia firme foi agradecer os dois rapazes... Levantaram a cabeça pra agradecer e, pra surpresa de todos, os dois haviam desaparecido. Como num passe de mágica os dois desapareceram sem deixar pistas. Assim que tocaram a areia não viram nem ouviram mais os dois rapazes. As pessoas que estavam por ali também não virão nada.

Tanto o irmão quanto a irmã em questão jamais se esqueceram da voz e do rosto jovial dos dois rapazes. Eles creem que Deus enviou dois anjos para os salvar do afogamento eminente.

Muito obrigado... Fiquem com Deus...

Fonte: Sobrenatural.Org


Sugestões da nossa loja oficial, a LojaSobrenatural.com.br
Comentários